Como prevenir Varizes

Cerca de 35% dos brasileiros sofrem com as varizes. O número é alarmante e a população ainda associa a doença a um problema simplesmente estético. “Se não tratadas de forma correta, as varizes podem progredir e gerar severas complicações como eczemas, tromboses, úlceras e hemorragias”, afirma o Prof. Dr. Eduardo Toledo Aguiar, cirurgião vascular membro da SBACV
(Sociedade Brasileira de Angiologia e Cirurgia Vascular) e diretor clínico da Spaço Vascular, clínica especializada que atende em São Paulo e no Rio de Janeiro.

A prevenção e a detecção precoce são sempre o melhor caminho para otratamento de qualquer doença e, por este motivo, a Spaço Vascular elaborou uma cartilha para a prevenção de varizes com 10 dicas práticas para a população.

1. Evitar permanecer na mesma posição (em pé ou sentado) por períodos prolongados;
2. Utilizar meia elástica durante a gravidez;
3. Controlar o excesso de peso;
4. Dormir com os pés da cama ligeiramente levantados em relação à cabeceira;
5. Observar pequenos sinais aparentemente estéticos que podem indicar o surgimento de varizes de grosso calibre. Um médico vascular poderá avaliar a situação;
6. Diminuir o tempo de exposição ao sol e utilização de saunas;
7. Praticar atividades físicas regulares e moderadas como caminhada, natação, hidroginástica e ciclismo;
8. Evitar o uso de anticoncepcionais orais – os de última geração tem menor efeito sobre as varizes;
9. Evitar uso diário de salto alto acima de cinco centímetros;
10. Não fumar.

A relação entre varizes e exercício físico

As varizes constituem um problema no retorno do sangue venoso para o coração. No caso dos membros inferiores após chegar aos pés com a ajuda do bombeamento cardíaco e da força da gravidade, o sangue arterial precisa retornar sob a forma de sangue venoso sem a ajuda eficiente do coração  e contra a gravidade que deixou de ser aliada para tronar-se inimiga.

A força responsável pelo retorno do sangue perna acima vem da contração dos músculos da panturrilha. Uma vez contraídos eles comprimem as veias forçando o seu esvaziamento, assim o sangue se vê obrigado a ascender pois o mecanismo valvular presente no sistema venoso impede o fluxo em sentido contrário. Esse mecanismo de funcionamento é chamado de coração periférico.

Exercícios físicos em geral, principalmente os aeróbicos, onde há contrações repetidas dos músculos da panturrilha são extremamente benéficos ao sistema circulatório dos membros inferiores. Não há comprovação de que determinado tipo de exercício seja prejudicial ou desencadeante de varizes.

O indivíduo deve sempre ser estimulado a manter-se ativo fisicamente sob pretexto de preservar a saúde como um todo e o bom funcionamento do sistema circulatório dos membros inferiores.