Cálculo renal atinge 15% da população mundial

Nefrologista enfatiza que a doença tem como principal causa a herança genética associada ao estilo de vida

.

Na próxima quinta-feira (13), será comemorado o Dia Mundial do Rim. Uma das doenças renais que atinge 15% da população mundial é o calculo renal. No Brasil, a enfermidade acomete de 5% a 12% das pessoas em ambos os sexos e em todas as faixas etárias.

O Dr. Marcos Kubrusly explica que esta enfermidade tem como principal causa a herança genética associada aos hábitos de vida da pessoa. “A baixa ingestão de líquidos é uma fator importante de formação de cálculo renal. Além disso, defeitos metabólicos do próprio organismo, como o aumento da eliminação urinária de cálcio e de ácido úrico, entre outras anormalidades, também, favorece a formação dos cálculos renais.”

Dr. Marcos lembra que no verão a incidência da doença aumenta em 20%. “O calor propicia mais transpiração, levando à maior perda de água pela pele, ou seja, isso provoca uma desidratação contínua. Isto faz com que a urina fique mais concentrada, aumentando a possibilidade de formar cálculo.”

Para prevenir o surgimento dos cálculos, é importante consumir bastante líquido, principalmente, nesta época do ano. “Para quem tem histórico familiar de cálculo renal, o ideal é urinar, pelo menos, dois litros por dia. Desta forma, a pessoa precisa ingerir mais de três litros de líquido.”

O médico enfatiza que pacientes portadores de cálculos renais recorrentes devem aumentar a ingestão de líquidos. A quantidade recomendada é de dois a três litros por dia, sendo que deste total 50% deve ser água e sucos cítricos, ricos em potássio. Ele acrescenta que refrigerantes à base de cola devem ser evitados.

Outras indicações são restringir o consumo de sal (3 a 4 gramas/dia), diminuir a ingestão de proteínas de origem animal (140 a 160 gramas/dia), praticar atividades físicas (no mínimo 3 vezes por semana), adequar a ingesta de cálcio e tentar ajustar os fatores ambientais, como calor excessivo e a baixa umidade do ar.

.

Fonte

Marcos Kubrusly – Médico nefrologista do laboratório Exame.

.

Sobre o Exame – Laboratório e Imagem

O Exame nasceu há 38 anos em Brasília e atualmente possui mais de 25 unidades de atendimento no Distrito Federal. Considerado pioneiro no segmento de exames de análises clínicas e com um corpo clínico altamente capacitado, o laboratório disponibiliza, agora, o serviço de diagnóstico por imagem, possibilitando ao paciente realizar todos os exames em um só lugar. O laboratório oferece a seus clientes serviços e soluções inovadoras, com confiança, credibilidade, conveniência e tecnologia de ponta, além do alto padrão de qualidade comprovado pelo Programa de Acreditação de Laboratórios Clínicos (PALC), o ISO 9001 e a Proficiência em Ensaios Laboratoriais (PELM). Além disso, por meio do programa Exame Melhor Idade, o laboratório oferece aos idosos assistência exclusiva, preços diferenciados e atendimento domiciliar sem taxa. Pensando nas crianças, o Exame possui um espaço preparado especialmente para atendê-las. A marca conta, também, com mais de três mil tipos de exames de análises clínicas, anatomia patológica, diagnóstico por imagem.

Para mais informações acesse o site www.laboratorioexame.com.br ou entre em contato com o Atendimento ao Cliente no (61) 4004-3883.

 

 

.

 

*****

.

 

Gabriel Valério
Imagem Corporativa
www.imagemcorporativa.com.br
www.twitter.com/icdigital
São Paulo / Rio de Janeiro / Brasília
Tel: (55 61) 8145-6840 / 3039-8101




Se você gostou deste artigo, deixe um comentário abaixo e considere
cadastrar nosso RSS, para ser notificado nas próximas atualizações do blog.

Comentários

Nenhum comentário.

Os comentários estão encerrados.