Patologia Clínica e Medicina Laboratorial – residência médica

             DASA abre vagas para residência médica

As inscrições para curso de Patologia Clínica, o único disponível nessa especialidade na região Centro-Oeste, estão abertas até o final deste mês

.

A DASA, um dos quatro maiores grupos de medicina diagnóstica do mundo, abre vagas para residência médica em Patologia Clínica e Medicina Laboratorial. “É o segundo ano que oferecemos esta oportunidade aos estudantes de Medicina. Atualmente esta é a única residência em Patologia Clínica disponível na região Centro-Oeste, além de ser uma das especialidades mais escassas para cursar no Brasil”, afirma Dra. Adília Segura, coordenadora do curso e diretora-médica da DASA no Distrito Federal.

Os interessados no curso, que é realizado em parceria com a Universidade de Brasília (UnB) e homologado pelo Ministério da Educação (MEC), podem inscrever-se a partir do dia sete de janeiro no Canal do Médico, localizado no laboratório Exame, na Quadra 716, bloco B, Asa Sul.

As inscrições vão até o dia 31 de janeiro e devem ser presenciais para quem mora no Distrito Federal. Os candidatos que residem fora poderão solicitar inscrição por meio de procuração específica registrada em cartório, ou via SEDEX.

.

Programação do curso

Com sede no Hospital Universitário de Brasília (HUB-UnB), a residência médica está prevista para começar em março de 2013. São duas vagas disponíveis. A carga horária será de 60 horas semanais, com duração de três anos. “O primeiro ano abrangerá as quatro áreas básicas, como Clínica Médica, Pediatria, Ginecologia e Obstetrícia e Cirurgia Geral, além de suas respectivas subespecialidades”, explica Dra. Adília.

Já nos anos seguintes, o residente dará continuidade ao curso nas instalações dos Núcleos Técnicos Operacionais (NTOs) da DASA no Distrito Federal, no Mato-Grosso, em Goiás, em São Paulo e em Cascavel. No segundo ano serão abordadas as áreas básicas da Patologia Clínica: Bioquímica, Hormonologia, Imunologia, Hematologia e Microbiologia. Já no terceiro e último ano, serão abordadas áreas especificas e de excelência na DASA como: Biologia Molecular, Líquidos Corpóreos, Gestão e Controle de Infecção Hospitalar, em que o residente terá contato com os diferentes serviços laboratoriais do grupo no Brasil, proporcionando uma vivência benéfica na sua formação especializada.

Haverá reuniões clínicas laboratoriais semanais e sessões clínicas anatomopatológicas sob a responsabilidade do Hospital Universitário, com a participação ativa dos residentes, que serão mensalmente avaliados e acompanhados pela Comissão de Residência Médica da DASA e Distrital (COREME-DASA e COREME-DISTRITAL).

Toda a equipe de médicos da DASA, bem como bioquímicos, biomédicos e técnicos, estará à disposição para orientar a formação dos residentes. Um coordenador e dois preceptores serão responsáveis pelo acompanhamento e pela avaliação deles. “O residente que passa por este programa está apto a desempenhar com qualidade as funções solicitadas ao perfil do patologista clínico”, explica a diretora-médica.

A atual residente, Amanda Mascarenhas, compartilha da mesma opinião. “Aprendi muitas coisas novas neste primeiro ano de curso e pude, também, aprofundar o conhecimento que trouxe da graduação. Acredito que o segundo ano será melhor ainda, pois terei a oportunidade de conciliar teoria e prática no NTO”, conta. Ela acrescenta, ainda, que ter a oportunidade de atuar em uma empresa nacional faz toda a diferença. “Poder vivenciar experiências e conhecer a realidade de vários Estados vai contribuir muito para a qualidade da minha formação”, analisa.

.

Reconhecimento

A Sociedade Brasileira de Patologia Clínica/Medicina Laboratorial (SBPC/ML) considera um avanço para a especialidade a abertura dessa residência médica no Distrito Federal. “Vemos que a DASA tomou essa iniciativa por reconhecer a necessidade de haver mais patologistas clínicos no mercado. Houve uma redução de vagas para a especialidade devido à concentração dos laboratórios em grandes grupos, mas, agora, o próprio mercado reconhece que é preciso formar mais especialistas nessa área. Esperamos que outros grupos façam o mesmo e ajudem a criar novas residências na especialidade”, afirma o Dr. Paulo Azevedo, presidente da Sociedade Brasileira de Patologia Clínica/Medicina Laboratorial (SBPC/ML).

Na opinião da coordenadora do curso, Dra. Adília Segura, a autorização do MEC para esta residência é reflexo da excelência médica da DASA, que no Centro-Oeste é representada pelos laboratórios Exame e Pasteur (Distrito Federal), Atalaia (Goiás) e Cedic Cedilab (Mato Grosso). “Acreditamos que, por meio da formação de novos profissionais, podemos colaborar para que existam pessoas cada vez mais qualificadas no mercado de Medicina Diagnóstica”, ressalta.

.

Serviço

Residência Médica em Patologia Clínica DASA-UnB

Inscrições: 07/01/2013 a 31/01/2013, das 8h às 17h

Endereço: SHLS Q 716 SUL Bloco B Subsolo – Canal do Médico DASA/Brasília

Para acessar o edital e a ficha de inscrição:
http://www.laboratorioexame.com.br/profissionais-da-saude/artigo/residencia-medica

Informações: Rubenildo Queiroz Silva
(61) 3212-2210 ou pelo e-mail: medicosdf@dasa.com.br

.

.

Sobre a DASA

A DASA é referência no mercado de saúde brasileiro por ter como princípio excelência no atendimento, inovação e qualidade nos serviços oferecidos à população. Com 50 anos de atuação em serviços auxiliares diagnósticos (SAD), a companhia tem uma das maiores equipes médicas do país, composta por quase dois mil médicos renomados no Brasil e no exterior, além de mais de 18 mil profissionais treinados para prestar o melhor atendimento aos clientes.

Os investimentos constantes em soluções e serviços que integram tecnologia e inovação são direcionados para todas as camadas sociais por meio de suas marcas e prestação de serviços a pequenos e médios laboratórios (Alvaro) e ao sistema público de saúde (CientíficaLab).

Única companhia do mercado de saúde a ter conquistado os prêmios Destaque Agência Estado Empresas de Sustentabilidade de 2010 e a quarta colocação no Ranking Agência Estado – Economática 2009, a DASA é certificada OHSA 18001, ISO 14001 e ISO 16001, College of American Pathologists (CAP) e National Glycohemoglobin Standardization Program (NGSP), além de acreditada pelo Programa de Acreditação de Laboratórios Clínicos (PALC) e pela Organização Nacional de Acreditação (ONA).

Pioneira em oferecer exames de análises clínicas e diagnósticos por imagem em um mesmo local, garantindo conveniência ao cliente, a DASA oferece um amplo menu com mais de três mil tipos de exames por meio de suas 26 marcas – mais de 500 unidades – situadas em 13 estados brasileiros e no Distrito Federal. SP: Alta Excelência Diagnóstica, Delboni Auriemo, Lavoisier, Cytolab e Previlab | RJ: Alta Excelência Diagnóstica, Bronstein, CDPI, Lâmina, Med Imagem, Multimagem, Pro-echo, Sergio Franco | DF: Exame e Pasteur | GO: Atalaia. | PR: Frischmann Aisengart e Álvaro| BA: Image Memorial | SC: Lâmina | RS: Delboni Auriemo | MT: Cedic e Cedilab | PE: Cerpe | CE: LabPasteur e Unimagem. CientíficaLab (sistema público): ES, MG, RJ, SP e TO | Álvaro (apoio laboratorial).

Desde 1999 a DASA adquiriu 24 empresas do segmento, que a fortaleceram e contribuíam para o reconhecimento de estar entre os quatro maiores grupos do mundo, sendo o único da América Latina.

Para mais informações: www.dasa.com.br

.

*****

.

Carol Rodrigues
Imagem Corporativa
www.imagemcorporativa.com.br
www.twitter.com/icdigital
São Paulo / Rio de Janeiro / Brasília
Tel: (55 61) 9153-7379 / 3039-8101

 

 




Se você gostou deste artigo, deixe um comentário abaixo e considere
cadastrar nosso RSS, para ser notificado nas próximas atualizações do blog.

Comentários

Nenhum comentário.

Os comentários estão encerrados.