Diabetes e controle de peso

“No Dia Mundial do Diabetes, aproveitamos para enfatizar que mais de 50% dos pacientes portadores dessa doença não estão ainda diagnosticados e com tratamento adequado – assim, aumentando a frequência do aparecimento das complicações crônicas micro e macrovasculares (infartos, derrames, trombose). Isso ocorre porque o diabetes é uma doença insidiosa e pouco sintomática no seu início.
 
O aumento na incidência do diabetes mellitus tipo 2 está relacionado diretamente ao aumento do peso corpóreo e ao estilo de vida atual. Cerca de 80% desses pacientes com diabetes tipo 2 estão acima do peso.
 
Se levarmos em conta os dados do IBGE de 2011 que mostraram uma elevação do índice de obesidade de 11,4% (2006) para 15,8% e do sobrepeso de 47,2% em homens e 38,5% em mulheres (2006), para as proporções de 52,6% e 44,7%, em 2011, respectivamente compreenderemos a razão do aumento gradativo do diabetes tipo 2 no nosso meio.
 
Uma mulher obesa tem 93 vezes mais chance de desenvolver o diabetes tipo 2 do que uma com peso normal, no sexo masculino a chance de um homem obeso se tornar diabético é de 42 vezes mais.
 
O controle do excesso de peso, a reeducação alimentar e o aumento das atividades físicas são fundamentais no controle epidemiológico dessa doença.
          

Fonte
 
Claudia Cozer – Diretora da Abeso – Associação Brasileira para o Estudo da Obesidade e da Síndrome Metabólica.
          

*****
 
 
 
Informações

Edson Raphael | Tel/Fax: (11) 3666.2695
www.crcomunicacao.com.br | twitter.com/crcomunicacao
CR.COMUNICAÇÃO – Cláudia Rubinstein Girard

 




Se você gostou deste artigo, deixe um comentário abaixo e considere
cadastrar nosso RSS, para ser notificado nas próximas atualizações do blog.

Comentários

Nenhum comentário.

Os comentários estão encerrados.