Vacina contra HPV é discutida em Seminário Médico

A Sociedade de Ginecologia, vinculada à Associação Médica de Brasília (AMBr), realizou neste sábado (15) seminário sobre prevenção de papilomavírus humano (HPV).  A atividade voltada para os profissionais da área visa entre outros assuntos, debater o projeto aprovado pela Comissão de Assuntos Sociais do Senado que propõe a aplicação de vacinas contra o HPV, em meninas com idade entre nove e 13 anos, pelo Sistema Único de Saúde (SUS).

“Este tema é de tamanha importância para a área médica, pois trata-se de um procedimento que certamente vai reduzir o índice de mortalidade de mulheres”, afirma a ginecologista Walquiria Quida, responsável pela palestra. “Sabemos que isso só irá repercutir daqui alguns anos, mas se soubermos trabalhar com este procedimento podemos evitar a maior parte dos casos da doença”.

Para a médica, esta é uma solução eficaz, mas deve vir associada ao trabalho de conscientização da população. “Não dá para achar que isso resolve tudo. O procedimento não exclui a necessidade de prevenção no ato sexual ou de acompanhamento periódico da saúde da mulher. Essa é, sem dúvida, nossa maior preocupação”.
  

*****
   

Mariana Luz
RP1 Comunicação Brasília
Tel. 61 3328-5687 / 3328-0665 / 92685279
www.rp1.com.br

 




Se você gostou deste artigo, deixe um comentário abaixo e considere
cadastrar nosso RSS, para ser notificado nas próximas atualizações do blog.

Comentários

Nenhum comentário.

Os comentários estão encerrados.