Bons hábitos podem ajudar a prevenir infertilidade

Os números não deixam dúvidas, em cada cinco casais, um tem ou terá algum problema para engravidar. Estima-se que no Brasil cerca de 15 milhões de casais sejam inférteis. E é aí que fica a dúvida: é possível prevenir a infertilidade?

Responder isso não é muito simples, mas pode ser que alguns sinais nos dêem algum tipo de alerta de dificuldades futuras para engravidar.

 A endometriose, por exemplo, pode ser um dos sinais que indicam a infertilidade futura, nesse caso, as meninas podem sentir fortes cólicas menstruais. Esse problema acontece quando as células endometriais, que revestem o útero internamente, se implantam em outro lugar, que não seja o útero.

Quanto antes à doença for detectada e tratada, mais chances de evitar casos em estágios severos, que por sua vez, causam a infertilidade.

Segundo o Dr. Eduardo Schor, outros fatores importantes devem ser levados em consideração e, certamente, evitados e tratados. A obesidade, síndrome dos ovários policísticos, irregularidades menstruais graves, hipo e hipertireoidismo, entre outros, podem interferir na ovulação. “Mas todos esses problemas podem ser sanados com tratamento adequado. O ideal é a mulher ficar sempre bem atenta e manter uma alimentação balanceada e saudável, além de fazer exercícios físicos regularmente”, afirma Dr. Schor.

 Para evitar problemas futuros, não somente a dificuldade para engravidar, também é importante evitar maus hábitos como o álcool, o fumo entre outros costumes que podem refletir no corpo, como um todo, tanto do homem, quanto da mulher.
          

Fonte

Eduardo Schor – Médico ginecologista, Diretor Científico da Clínica GERA de Reprodução Assistida.
www.endometriose.med.br
             

*****
               

Sacha Silveira Assessoria de Comunicação
MTB – 51.948- SP
Tel – (11)2532 7887/ 2626-9219/ 8949-3747
Endereço – Rua Pelotas, 349 – Vila Mariana – São Paulo – SP
Site – http://www.sachasilveira.com.br
E-mail – sachasilveira@sachasilveira.com.br

 




Se você gostou deste artigo, deixe um comentário abaixo e considere
cadastrar nosso RSS, para ser notificado nas próximas atualizações do blog.

Comentários

Nenhum comentário.

Os comentários estão encerrados.