Infecção urinária – descubra como prevenir e tratar

A infecção urinária é causada por bactérias, vírus, fungos e outros microorganismos que infectam as paredes da bexiga. Quando não tratada adequadamente pode causar complicações, levando a infecção dos rins e  vias urinárias superiores, passando a ser denominada de pielonefrite.

A cistite ou infecção urinária ocorre principalmente em mulheres, devido à anatomia feminina que favorece a infecção, já que a vagina fica muito próxima da uretra, canal por onde sai à urina.

“A infecção urinária pode incluir vários sintomas, como: vontade frequente de urinar; dificuldade de urinar; dor, queimação ou ardência ao urinar em casos mais avançados; urina com cheiro forte, podendo ter sangue ou pus; dor nas costas e no estômago; tremores, suores, calafrios; náuseas, vômitos e febre também fazem parte desse quadro”, afirma o Dr. Domingos Mantelli Borges Filho.

O diagnóstico deve ser realizado pelo médico por meio de avaliação clínica e realização de exames complementares, sendo o mais comum a coleta de Urina tipo 1.

As infecções urinárias podem ser combatidas com facilidade a partir do uso de antibióticos de eficácia comprovada. A duração do tratamento depende do diagnóstico e da gravidade da infecção. Crianças e principalmente mulheres grávidas devem receber cuidado médico especial.

O antibiótico correto depende da avaliação médica, portanto não é recomendada a auto-medicação que pode resultar em atraso do tratamento correto e ainda resultar em bactérias resistentes ao antibiótico.

Para prevenir o problema, é indicado beber bastante água, pois isso contribui para a formação de um maior volume de urina e eliminação de eventuais bactérias. Outra dica para a prevenção é fazer xixi sempre que tiver vontade, evitando ficar segurando a urina por muito tempo. Sempre que for usar o papel higiênico, use-o de frente para trás. Nunca o contrário, porque pode levar micro-organismos da região anal para a vagina, aumentando o risco de infecções. Após a relação sexual, é recomendado urinar para limpar o canal da uretra.
            

Outras dicas para as mulheres

* Evite o uso de absorventes internos;
* Evitar a realização de “duchas”, “chuveirinhos”;
* Evitar o uso constante de roupas íntimas de tecido sintético, prefira as de algodão;
* Usar roupas mais leves para evitar transpiração excessiva na região genital.

 Seguindo essas recomendações, dificilmente você terá problemas urinários.
           

Fonte

Domingos Mantelli Borges Filho – Médico ginecologista e obstetra.

www.domingosmantelli.com.br

 

*****

Sacha Silveira Assessoria de Imprensa
MTB – 51.948
Tel – (11) 2626-9219/2532 7887/8949 3747
Endereço – Rua Pelotas, 349, Vila Mariana, São Paulo-SP
E-mail – sachasilveira@globomail.com
 




Se você gostou deste artigo, deixe um comentário abaixo e considere
cadastrar nosso RSS, para ser notificado nas próximas atualizações do blog.

Comentários

Nenhum comentário.

Os comentários estão encerrados.