Novo dispositivo ajuda pacientes de Alzheimer a recuperar habilidades

Pesquisadores israelenses desenvolveram um dispositivo que ajuda pacientes de Alzheimer em estágios leves e moderados da doença a recuperar habilidades cognitivas por meio de estímulo a áreas do cérebro responsáveis pela memória e o aprendizado. Com isso, os pacientes melhoram a capacidade de cognição e de tomada de decisões.

O dispositivo, chamado NeuroAD, é desenvolvido pela empresa Neuronix com base numa tecnologia denominada NICE (Non-Invasive Cortical Enhancer), não é invasivo e funciona por estímulos magnéticos. É o primeiro do mundo para tratamento do mal de Alzheimer e outras doenças degenerativas do cérebro.

“A ideia veio de uma compreensão de como a doença de Alzheimer envolve regiões corticais do cérebro, passando de uma área para outra”, diz Eyal Baror, CEO da Neuronix. “Identificamos algumas regiões responsáveis pelo declínio das atividades e então aumentamos a LTP, que é responsável pela memória e aprendizado e se degrada no mal de Alzhemer”, conclui Baror.
                   

Mais informações através do link:
http://www.israel21c.org/health/new-device-helps-alzheimers-patients-regain-cognitive-skills
               

*****

Informações

Assessoria de imprensa do Centro de Mídia Brasil-Israel (Cembri)
Ex-Libris Comunicação Integrada
RJ: Cristina Freitas (21) 2204-3230 / 9431-0001
cristina@libris.com.br
RJ: Fernanda Amorim (21) 3486-9897 / 7819-4102
fernanda.amorim@libris.com.br




Se você gostou deste artigo, deixe um comentário abaixo e considere
cadastrar nosso RSS, para ser notificado nas próximas atualizações do blog.

Comentários

Nenhum comentário.

Os comentários estão encerrados.