Trupe da Saúde atua há cerca de seis anos em Curitiba

A equipe de palhaços aderiu o jaleco branco ao seu figurino e mantém um trabalho contínuo em hospitais de Curitiba
    

O rosto pintado de piadas do palhaço é presença constante nos hospitais da capital paranaense há cerca de seis anos. Com sapatos enormes, nariz vermelho e a velha roupa colorida, a Trupe da Saúde iniciou sua atuação em dezembro de 2002 e desde então prova que é verdadeira a antiga frase que diz que rir é o melhor remédio.

A Trupe da Saúde é uma equipe de palhaços que levam o teatro aos hospitais, incorporam a função de médicos da alegria e transformam o ambiente hospitalar em um espaço de diversão, brincadeira e gargalhadas. O trabalho é contínuo e segue um cronograma semanal de visitas por cinco hospitais curitibanos cadastrados no programa.

Por mês, mais de 1.500 crianças são atendidas – número que não inclui acompanhantes e até funcionários que são envolvidos pelo trabalho. O objetivo principal do projeto é devolver para estas crianças, que precisam de tratamento médico, a infância que é perdida no monocromático ambiente hospitalar. Junto com as risadas, os atores aproveitam para ensinar métodos de prevenção de acidentes e doenças, de higiene e de alimentação saudável.

É comprovado que a terapia do riso reduz o tempo de leito, a tensão e o estresse do paciente e acelera a sua recuperação. A Trupe da Saúde soma a isso, um trabalho que visa melhorar a política de atendimento dos funcionários, o que aumenta a qualidade de vida dos internos durante sua estada no hospital.

O projeto é realizado por meio da Lei Federal de Incentivo à Cultura, a Lei Rouanet, do Ministério da Cultura. Entre atores e outros envolvidos, são gerados quinze empregos diretos e dezessete indiretos, graças ao patrocínio de empresas como Volvo, Berneck e Paraná Clínicas e o apoio de O Boticário.
          

O amor é contagioso

O ambiente hospitalar é caracterizado pela tensão, dor, e sofrimento; porém é comprovado o sucesso da recuperação de um paciente num ambiente humanizado. Baseada nessas comprovações até a comunidade científica já parte para investimentos de projetos que contemplam a alegria no ambiente hospitalar.

A terapia do riso foi desenvolvida pelo médico Patch Adams e hoje é inspiração para diversos grupos que desenvolvem trabalhos em hospitais. O médico, cuja história foi levada às telas do cinema, acreditava que “o amor é contagioso” – apesar de todas as dificuldades – e primava pela qualidade de vida do paciente durante sua internação. Em seu pioneiro trabalho, ele procurava minimizar o sofrimento dos pacientes e acompanhantes por meio do sorriso e da atenção. Uma de suas premissas era de que “muitas pessoas doentes neste mundo sofrem de solidão, tédio e medo, e isso não pode ser curado com uma simples pílula”.
                 

Ficha Técnica Trupe da Saúde

Elenco:

Dr. Zê – Edran Mariano
Dr. Risolis – Fábio Lins
Dra. Alegreta – Patricia Ramos
Dra. Risoleta – Karina Pereira
Dr. Caramelo – Frank Sousa
Dr. Maracujá – Milena Lopes
Dr. Goiaba – Rafael Bareiros
Dr. Palito – Ringo
Dr. Carmela – Camila Jorge
Diretor Artístico – Mauro Zanatta
Figurino – Eduardo Giacomini
Ilustrações – José Aguiar
Psicóloga – Evelise Yumai dos Reis
Design Gráfico – Adriana Alegria
Assessoria Jurídica – Marilis de Castro Mueller
Assessoria de Imprensa – Ana Hupfer
Fotografia – Elenize Dezgeniski
Coordenação do Projeto – Ricardo Trento
Diretor de Produção – Jéssica Beatriz
Produção Executiva – Ricardo Trento
Revisão de Textos – Trento Edições Culturais

Realização – Trento Comunicação Integrada

Ana Hupfer
Assessoria de Imprensa
Trento Comunicação Integrada
(41) 3023.2008 / 9933.1802

Trento Comunicação
Trupe da Saúde




Se você gostou deste artigo, deixe um comentário abaixo e considere
cadastrar nosso RSS, para ser notificado nas próximas atualizações do blog.

Comentários

olha eu gostei muito e penso ser de extrema importancia termos estes conhecimentos……….eu gostaria muito de saber também como posso fazer um tratamento de sono neste hospital, pois tenho sofrido m uito , mas ãgora estou consciente que é uma doença grava e precisa ser tratada….vocs podem me fornecer estas informações de como faço para conseguiir o tratamento
desde já muito obrigada silvia

Gostaria de ajudar!!!!
´Precisa ter algum curso para ser da trupe???

gostei muito do trbalho de vcs gostaria de ser tambem uma dr. da alegria vc pode me dizer por onde começo ou algus telefones de contato com quem ja faz este trabalho.gostaria de ir com os doutores uma fez para saber como é bjus

gostaria de saber como poso facer parte de drupe???emcontrei vcs no hc e ajei o maximo!!!

O trabalho de vocês é MARAVILHOSO … realmente o AMOR,

a DOAÇÃO, a ALEGRIA, é a fórmula do melhor remédio!!!

Gostaria de fazer parte desta turma, é possível? O que é preciso???
Até breve, obrigada pela atenção.

Bom Dia!!!! Mesmo

Como faz para ser do seu grupo…
De anos tenho esta disposição..

Aguardo
Wilson

Os comentários estão encerrados.