Bronquiolite é principal causa de internação de bebês

Bronquiolite é principal causa de internação de bebês com problemas respiratórios.

Entre os meses de março e julho, a infecção foi responsável por 60% das internações em crianças menores de um ano com doença respiratória.

Infecção respiratória causada por vírus, especialmente o sincicial respiratório (VSR), a bronquiolite é uma das principais causas de internação hospitalar de crianças no primeiro ano de vida. Em São Paulo, o período de maior incidência da doença começa em meados de março e se estende até o fim de julho. “Nesta época, cerca de 60% dos bebês menores de um ano hospitalizados com problemas respiratórios apresentam bronquiolite por VSR”, adverte o dr. José Eduardo Delfini Cançado, presidente da Sociedade Paulista de Pneumologia e Tisiologia (SPPT).

A bronquiolite atinge predominantemente as crianças menores de um ano. Os primeiros sintomas confundem-se com os de um resfriado, como coriza, obstrução nasal e eventual febre, seguida de tosse, ronqueira, chiado no peito e dificuldade para respirar. Pode evoluir para piora da tosse e vômitos posteriores, respiração rápida, dificuldade para alimentação e, nos casos ainda mais graves, as extremidades e a boca ganham coloração arroxeada.

“Nos quadros de grandes complicações, é preciso uma avaliação médica para certificar a necessidade da internação. Algumas crianças são mais propensas, como as prematuros, as portadoras de problemas pulmonares e de cardiopatias congênitas, entre outras”, explica a pesquisadora de infecções respiratórias virais profª. dra. Sandra Vieira, do Departamento de Pediatria da Faculdade de Medicina da USP.

Cerca de 30% das crianças desenvolvem sintomas típicos alguma vez na vida, mas os casos graves ocorrem em menos de 1% das crianças acometidas.

 

Prevenção e tratamento

Como há diversos tipos de vírus que podem causar a bronquiolite, não existe vacina para todos. É preciso, então, redobrar a proteção em bebês antes dos três meses de vida. Os pais devem evitar o contato com adultos e crianças que apresentem sintomas de resfriado ou gripe e lavar as mãos antes de manusear os bebês.

Também é prudente evitar locais com aglomeração de pessoas, onde a exposição aos vírus é maior. O contato com fumantes também deve ser restrito, pois o tabagismo passivo é fator agravante.

Uma vez diagnosticado, o tratamento baseia-se em medidas de suporte, como oxigenoterapia, hidratação e inalação. É recomendável oferecer líquidos sempre que possível, lavar o nariz com soro fisiológico e fazer nebulização para ajudar a fluidificar a secreção dos pulmões do bebê.

Alguns bebês podem necessitar de broncodilatadores por via inalatória e fisioterapia respiratória para auxiliar a respiração. Situações agravantes requerem que o doente permaneça no hospital.

Há crianças nas quais o chiado no peito pode permanecer de forma persistente ou recorrente após a bronquiolite viral aguda. Isto pode ocorrer durante semanas, meses ou até anos. Diversos fatores estão associados a esta evolução. A avaliação e acompanhamento por pneumologista pediátrico é indispensável.

 

Medicação reduz até 55% das internações em situações graves

O dr. Luiz Vicente Ribeiro Ferreira da Silva Filho, médico-assistente da Unidade de Pneumologia do Instituto da Criança (HCFMUSP) e pesquisador associado do Laboratório de Virologia do Instituto de Medicina Tropical da USP, comenta que existe um anticorpo desenvolvido em laboratório para impedir a infecção pelo VSR e atenuar os sintomas.

“Ele não tem efeito protetor para outros vírus respiratórios, mas é fundamental para os grupos especiais de pacientes com alto risco de bronquiolites graves. Existem regras bem definidas para seu emprego em cada uma destas situações, definidas pela Sociedade Brasileira de Pediatria”.

Capaz de evitar o agravamento da bronquiolite, e necessidade de internação em UTI, o remédio entrou recentemente na lista de medicamentos especiais do Sistema Único de Saúde (SUS) no Estado de São Paulo.

“Crianças com risco de agravamento serão beneficiadas com uma dose intramuscular mensal, no período de maior circulação do vírus – entre abril e agosto -, totalizando cinco doses anuais”, explica a dra. Fabíola Villac Adde, pneumologista pediátrica do Instituto da Crianças dos Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina da USP e membro da Sociedade Paulista de Pneumologia e Tisiologia (SPPT).

Devido ao custo elevado da medicação, as indicações são para bebês prematuros que nasceram em até 28 semanas – cerca de sete meses – somente no primeiro ano de vida; crianças menores de dois anos com cardiopatia congênita que exija tratamento clínico e/ou cirúrgico; assim como para portadoras de doença pulmonar crônica da prematuridade (displasia broncopulmonar)¸ que necessitem de tratamento nos seis meses precedentes à estação do VSR.

 

Pulmonar

A SPPT, sempre prestando serviços ao seu público, abre espaço em seu site www.pulmonar.org.br para prestação de serviços à comunidade. Ele traz aos cidadãos todo o tipo de conhecimento sobre as doenças respiratórias e pulmonares. Também dispõe de dicas de hábitos saudáveis, prevenção e cuidados para cuidar da saúde. As dicas do portal Pulmonar, assim como seu conteúdo, não substituem o acompanhamento médico.

 

 

Acontece Comunicação e Notícias
(11) 3873-6083 / 3871-2331

Chico Damaso ou Monica Kulcsar

acontece@acontecenoticias.com.br

chicoacontece@uol.com.br




Se você gostou deste artigo, deixe um comentário abaixo e considere
cadastrar nosso RSS, para ser notificado nas próximas atualizações do blog.

Comentários

Vejam voces meu bebe hj tem 10 meses e qdo tinha quatro meses foi internado com pneunomonia, depois disso ele sempre teve varios resfriados e constantes, na ultima sexta dia 10 levei ao pediatra e mesmo me assustou dizendo q meu bebe estava c/problema serio no pulmão, disse q ele precisaria entrar com antibiotico Amixilina 400mg , Predisan (corticoide) e Hixizine (anti alergico) durante 14 dias e as inalações de cinco em cinco horas e cuidado total e absoluto, como cabeceira elevada e olhos atentos com ele ao tossir pq se engasga, nossa tive muitos cuidados antes nem sei pq isso aconteceu, eu so sei que meu bebe come bem, toma um leite (bebelac) enriquecido em ferro, toma vitaminas, qualquer resfriados levo no pronto socorro, e foi isso q o pediatra me disse essas inalações em pronto socorros são muito perigosas, sera que alguem que tiver lendo esse meu comentario poderia me ajudar, pq eu trabalho fora eu e meu marido o bebe fica com a baba, então estamos muito preocupados , por favor alguem me ajude a poder ajudar meu bebe.

eu quero saber qual o diagnostico da bronquiolite por favo ,des de já muito obrigado.

Minha filha tem 3 meses e tem o diagnostico da bronquiolite, estou fazendo inalação com 3 ml de soro e 1 gota de berotec, gostaria de saber se estou seguindo o caminho certo ou tenho outras alternativas? Pois passei por varios pediatras e uns pedem inalação com o berotec e outros dizem que é pra fazer somente com o soro fisiologico.
Se alguém puder me ajudar.Eu agradeço.

Minha filha tem 5 meses e nesta segunda feira foi ao pronto socorro pois estava om uma tosse muito carregada, ainda não estava com febre e a médica receitou dcadron e inalação 5ml de soro 2 gotas de atroven e 4 de berotec. , porém ela nao esta melhorando e agora (quarta) esta com uma febre constante de 38 graus, receio ser essa bronquiolite.

Meu filho tem 2 meses e há 15 dias ele esta internado com bronquiolite,e no quarto dia de internação o problema se agravou e agora ele esta na uti pediatrica do hospital.Ele precisou até ser entubado e ficar sedado,agora ele esta melhor mais continua lá,nossa meu sofrimento esta sendo muito grande,gostaria que alguém ou um médico que visse esse depoimento me desse um conselho,pois o sofrimento do meu bebe é o mue sofrimento.Desde de já agradeço.

a bronquiolite tem cura?

Olá meu bebe tem 10 meses, e a uns dois meses começou com uma tosse forte, que não passava de jeito nenhum, dei xarope e nada, levei ao pronto socorro pediatrico e na hora coletaram exame de urina e sangue e tirou raio x do pulmão, fiz 3 inalações a cada 20 minutos e passou com a medica novamente e como não melhorou internou, ficou 03 dias, quadro de pneumonia com bronquiolite, ele se recuperou bem, ficou em casa super bem, e começo desse mês internou novamente com quadro de bronquiolite, ficou 04 dias depois que saiu do hospital, passei ele pela pediatra e ela pediu alguns exames de sangue para tentar descobrir do que ele é alergico, e sempre que der crise continuar fazeno inalações, esta fazendo fisioterapia respiratoria, e talves vai precisar usar bombinha, tirei tudo de casa, tapete, cobertor, o que foi possivel, mas é dificil conter ele pq agora ele esta gatinhando e não tem como deixar ele num lugar forrado ao chão, ele sai do lugar…e tenho que deixar ele explorar não é? e essa bronquiolite o que é realmente, sempre que começar com tosse, eu já posso dar por conta propria em casa o Prednisilona e fazer inalações, o que eu faço realmente qdo começar a tosse,a crise de bronquiolite começa mesmo a atacar qdo der a tosse? é dificil essa situação nos sofremos junto com eles, e são tão pequenininhos…mas o que eu estou fazendo é rezar muito e pedir pra DEus e eu não aceito mais isso na minha vida e na vida do meu filho…só Deus para nos ajudar…bjuss

OLÁ AMIGOS
MEU NETO NASCEU DIA 27/7/09 E PASSOU POR DUAS INTERNAÇOES NOS CAUSANDO TRISTEZA E PREOCUPAÇOES. EU PRECISO SABER SE BRONQUIOLITE TEM CURA,POR FAVOR!? COMO DEVO PROCEDER NOS CUIDADOS?
GRATA PELA ATENÇÃO

ANA#

Gostaria de saber se a bronquiolite tem cura??? Meu bb tem 5 meses e está com bronquiolite. Estou seguindo todas as recomendações do pediatra (inalação com broncodilatadores), mas a tosse ainda persiste.

MINHA FILHA TEM 6 MESES COM 1 MESES DE IDADE COMEçOU O NARIZ A FAZER BARULHO FICAR SEMPRE INTUPIDO, LEVEI ELA AO MEDICO E ELE FALOU QUE ERA UM RESFRIADO ME PASSOU RINOSORO E INALAçAO COM SORO FISIOLOGICO, DEPOIS DE DUAS SEMANAS NADA, A LEVEI EM OUTRO MEDICO AI MANDO EU DAR PREDISIM E INALACAO COM SORO E BEROTEC E ATROVENT TEVE UMA MELHORA MAS DEPOIS DE UMA SEMANA VOLTOU NOVAMENTE SO QUE AGORA COM CANSAçO A LEVEI NOVAMENTE EM OUTRO MEDICO AI FOI FEITO A RAIO X DO PULMAO E DIAGNOSTICOU BRONQUIOLITE ME MANDAR CONTINUAR A MESMA MEDICAçAO TEVE MELHORA. NO MES DE OUTUBRO MINHA FILHA COM QUASE 4 MESES ESTAVA COM O PEITO CHIANDO MUITO A LEVEI EM UMA EMERGENCIA A DOUTORA FEZ 4 INALAçOES DE 20 EM 20 MINUTOS MAS NADA ADIANTOU. QUANDO A DOUTORA FALOU QUE ELA IRIA FICAR INTERNADA MEU MUNDO CAIU. FICOU INTERNADA 5 DIAS TOMANDO AMPICILINA, FAZENDO INALAçOES E FISIOTERAPIA PULMUNOR.TEVE ALTA E GRAçAS A DEUS REIS DOS REIS MINHA FILHA EM DEUS ESTA CURADA. AGORA ESTAMOS PASSANDO UM PERIODO NA SUIçA AQUI O FRIO E GRANDE MAS NAO DEIXO DE SAIR DE CASA, GRAçAS A DEUS MINHA FILHA JA ESTA A MAIS DE UM MES BEM, ESPERO QUE ONTINUE ASSIM PARA SEMPRE. GOSTARIA DE SABER SE POR CAUSA DO TEMPO AQUI TEM RISCO PARA MINHA FILHA?

Meu filho tem 7 meses e já o levei ao hospital varias vezes com bronquiolite… Sua carga genética é muito grande para deselvolvimento de alérgia pois quando pequena tinha, e meu esposo quando criança teve bronquite. Acredito que Deus pode curar todas as coisas que são impossiveis ao homem. Sempre tive todo cuidado com ele, mais desde q nasceu, seu nariz vivia entupido o medico do parto me disse q isso era porque ele tinha sido mal aspirado… O tempo passou e isso foi piorando, a primeira vez q diagnosticaram bronquiolite, meu filho tinha 5 meses. Ela para e logo depois volta… ESTOU COM CUIDADOS COM ELE Q TEM EVITADO UM POUCO. nÃO USO PERFUMES E NADA Q TENHA CHEIRO; NO QUARTO PASSO PANO UMIDO PARA NÃO LEVANTAR POEIRA; VENTILaDOR TEM Q LIMPAR TODO DIA; AR CONDICIONADO LAVO UM DIA SIM E OUTRO NÃO O FILTRO; AGORA ESTOU FAZENDO NEBOLIZAÇÃO TODOS OS DIAS SÓ COM SORO…
Dizem q isso não tem cura, mas já determinei a cura na vida do meu filho e eu creio que em nome de jesus, ele será curado, para honra e glória de Deus…

MEU BEBE TEM SETE MESES E ESTA COM GRIPE A 25 DIAS ESTOU DANDO ANTIBIOTICO E PRELONE E NEBULIZANDO EM 6 E 6 HORAS,MAIS ATÉ AGORA NÃO VEJO MELHORA,ELE JA PASSOU POR 5 PEDIATRA,O PRIMEIRO DIAGNOSTICO FOI,RESFRIADO AI PASSOU ANTI- ALERGICO,E NEBULIZAR COM SORO,DEPOIS PASSARAM PRELONE E UM XAROPE E NEBULIZAR COM AFRIN,AGORA ELE ESTA COM PRELONE,ANTIBIOTICO E NEBULIZANDO COM BEROTEC E ATROVENTMAIS AINDA NÃO MELHOROU,CONTINUA COM NARIZ ENTUPIDO E ESCORRENDO,CHIANDO,E TOSSE,ME ACHUDEM POR FAZOR,ALGUEM JA PASSOU POR ISSO?ELE NÃO TEVE FEBRE EM NENHUM MOMENTO…BJS!

OLA MNHA BEBE ESTA COM 3 MESES E 7 DIAS E ESTAVA MUITO GIRPADINHA , E ALGO ME DIZIA RA LEVAR ELA AO HOSPITAL CHEGUEI LA FIQUEI 4 HORAS FAZENDO EXAMES RAIO X ETC…E FOI UANDO A MEDICA DIAGINOTICOU BRONQUIOLITE, ELA FICOU UUM DIA INTERNADA E APRENSOU MELHORAS!!MAX ME MANDARAM AFZER MNEBULIZAÇAO COM BEROTEC ATROVENTE ESORO , ESTOU FAZENDO MAX NAO VEJO MELHORAS ESTOU PREUCUPADA JA FUI DUAS VEZES AO HOSPITAL NA SEGUNDA VEZ ME MANDARAM EMBORA!!TENHO MEDO QUE ELA PIORE PQ NADA PARECE AJUDAR E MELHORAR MINHA FILHA!1QUERIA SABER SEBROQUIOLITE TEM CURA!!E O QUE DEVO AFZER??ME JUDE PORFAVOR MEU CORAÇAO ESTA EM MIGALHASSSSSSSS!!

gostaria de saber os cuidados de enfremgens para esses casos

Olá, minha filha esta com 4 mêses e tem o diagnóstico a BRONQUEOLITE estou muito preocupada pois ela esta com febre dores no corpinho vomito tosse e esta muito amoadinha, tenho medo deste quadro se agravar o pediatra dela receitou inalação por 5 dias de 8/8H 3Ml de soro com 1/2 flaconete de clenil e paracetamol, gostaria de saber se estou indo pelo caminho certo.
Obrigada.

NOSSA GENTE É MUITO TRISTE VÊ NOSSOS PWQUENOS DOENTINHOS.
PASSEI PELA A MESMA SITUAÇAO ESSA SEMANA COM MEU BEBE DE 10 MESES,ELE FICOU INTERNADA COM BRONQUIOLITE DURANTE OITO DIAS,TRATEI COM ANTIBIOTICOS ,INALAÇAO,FISIOTERAPIA RESPIRATORIA.
MAIS ELE AINDA TÁ COM P PEITINHO RONCANDO,MAIS VOU PROCURAR FAZER TODO O TRATAMENTO POSSIVEL EM CASA.
QUE DEUS DÊ BASTANTE FORÇAS PRA NÓS MAÊS…

Meu filho tem 2 meses e esta com bronquiolite, descobri levando-o ao pronto atendimento com febre e tosse, graças a Deus peguei uma medica que caiu do céu , ela descobriu na hora já entrou com inalação , e fisiotterapia respiratoria , ele só não inter. ou porque respondeu muito bem a medicação . Ela me receitou pra casa xarope Prelone, fisioterapia , inalação e muita limpeza no narizinho, já e o terceiro dia e ele esta muito melhor. Tenham fe que logo,logo se Deus quiser vão encontrar uma vacina contra essa doença do momento, rezo a Deus pra que iso aconteça rápido .

Os comentários estão encerrados.