Zumbido no ouvido

11 de Novembro – Dia Nacional de Conscientização sobre Zumbido

No Brasil, cerca de 28 milhões de pessoas têm zumbido. Você é uma delas?

O que é o zumbido?

O zumbido é um som que algumas pessoas escutam no ouvido ou na cabeça, mesmo quando não há nenhum ruído no ambiente. Pode parecer um apito, chiado, cachoeira, cigarra, etc. Ele não é uma doença única, mas sim um sintoma provocado por diferentes doenças. Algumas pessoas ouvem o zumbido somente no silêncio ou quando prestam atenção em seus ouvidos; outras o ouvem o dia todo.

É comum ter zumbido?

Sim. Cerca de 17% das pessoas têm zumbido, o que representa mais do que asma, gota, cegueira ou Alzheimer, por exemplo. No Brasil, isto quer dizer que mais de 28 milhões de pessoas têm zumbido!

Como se sente uma pessoa com zumbido?

No início, muitas pessoas ficam preocupadas ou assustadas, principalmente se nunca ouviram falar disso. Imagine quando a pessoa tem que explicar que está ouvindo algo que ninguém mais ouve… É natural ter preocupações como “será que outras pessoas também sofrem disto?”, “será que isso vai desaparecer?”, “e se ele piorar?”, “será que vou ficar surdo?”. Por isso, procurar informações corretas e atualizadas sobre o zumbido com seu médico pode ajudar muito a entender o problema!

O que pode causar o zumbido?

Na maioria das vezes, o zumbido significa que a via auditiva está funcionando em ritmo acelerado por causa de alguma perda auditiva (mesmo que pequena!). Varias causas de zumbido já são conhecidas: algumas são fáceis de identificar e tratar, principalmente o abuso de cafeína, de doces e alimentos gordurosos. Outras causas comuns são a exposição a sons altos, otites, labirintites, envelhecimento, diabetes, pressão alta, doenças do coração, da tireóide, etc. Problemas emocionais também podem causar zumbido. Portanto, uma única pessoa pode ter mais de uma causa para o zumbido!

O que devo fazer se tenho zumbido?

Procure seu médico otorrinolaringologista de confiança: ele saberá lhe orientar adequadamente. O importante é procurar a(s) causa(s) que podem estar afetando o seu ouvido. Por exemplo: uma senhora de 70 anos pode ter zumbido pela somatória da idade, do diabetes, da pressão alta, da pressão alta, do abuso de cafeína e da depressão. Por outro lado, um jovem de 25 anos pode ter zumbido porque ouve música alta, come muitos doces e é ansioso. Portanto, tudo o que puder ser revertido ou controlado tem chance de melhorar o seu zumbido. Não deixe de tentar.”

O zumbido pode atrapalhar a vida das pessoas?

Sim. Apesar de não incomodar algumas pessoas, para outras ele atrapalha bastante a qualidade de vida, mesmo quando não é causado por doenças sérias. Pode interferir com o sono e com a concentração no trabalho ou na leitura, deixando a pessoa mais ansiosa, irritada ou deprimida. É importante lembrar que em muitos casos, o tratamento pode melhorar o zumbido, trazendo de volta a qualidade de vida!

Há algum tratamento para o zumbido?

Sim. Há vários tipos de tratamento que podem ajudar a controlar o zumbido, porém nenhum deles pode ser generalizado para todos os pacientes. Portanto, a melhor escolha é aquela personalizada para cada caso, considerando-se a(s) causa(s) do zumbido em cada paciente e a presença ou não de outros problemas como perda auditiva, intolerância a sons e tontura. Alguns tratamentos incluem medicação e outros não. Pergunte ao seu médico otorrino de confiança, ele pode lhe ajudar! Se quiser, procure ajuda na forma de palestras no GAPZ (Grupo de Apoio e Pessoas com Zumbido) de sua cidade (São Paulo, Campinas, Curitiba, Brasília, Salvador e Rio de Janeiro); a partir de 2008, também em São José do Rio Preto e São Luís do Maranhão).Os endereços estão disponíveis pelo site www.zumbido.org.br .

Como posso prevenir o zumbido?

O estresse causa zumbido e o zumbido causa estresse, formando um ciclo vicioso. Qualquer coisa que alivie suas tensões pode ajudar: caminhadas e outras atividades físicas, yoga e meditação podem ser muito úteis. Música suave ou sons agradáveis também podem ajudar.

Evite o contato com ruídos fortes e, quando for a ambientes ruidosos, use protetores de ouvido e faça intervalos periódicos. Lembre-se do perigo potencial dos equipamentos de som, motocicletas, secadores de cabelo, shows e festas, entre outros.

Alimente-se bem! Evite longos períodos de jejum e o abuso de cafeína, doces, álcool e nicotina. Evite auto-medicação, pois certos medicamentos são perigosos para os ouvidos e podem piorar o zumbido.

Resumindo…

Existem várias causas e tratamentos disponíveis para o zumbido, mas é essencial adaptar as opções para as necessidades de cada paciente. Consulte seu otorrinolaringologista de confiança, que saberá lhe orientar adequadamente. Procure informações corretas e atualizadas. Isso pode ajudar muito a entender o zumbido e os problemas associados. Não desista!

 

Fundação Otorrinolaringologia

Rua Teodoro Sampaio, 417 – 5º andar

São Paulo – SP

CEP 05405-000

Tel/Fax.: (11) 3068 9855

http://www.forl.org.br




Se você gostou deste artigo, deixe um comentário abaixo e considere
cadastrar nosso RSS, para ser notificado nas próximas atualizações do blog.

Comentários

Tenho zumbido ha uns 13 anos…
Sei que milhoes de pessoas tambem teem.
Fico muito aborrecida com a medicina em geral pois encontram cura para tantas doencas e nao me parece se preocuparem em resolver essa questao do zumbido.Se soubessem como é terrivel viver com esse problema, talves estariam se dedicando a buscar solucoes.
Daria muito do que tenho para reslover esse problema
grata marta hoadley

Olá,

Sou uma “nova” portadora de zumbido, ou tinido, que achei bem mais bonito. Parece um “zumbido” muiiito chic.

Procurei um otorrino bastante conceituado e estou agora lendo mais a respeito desta “doença”.

Percebi que as possíveis causas são variadas. Achei muito interessante a relação do tinido com a labirintite e a relação dos dois com o “stress”.

Vamos ver se conseguimos, o médico e eu, melhorar este efeito (tinido).

Fiquei ligeiramente aborrecida com o sintoma. Não muito. Sou muito otimista. Se existe uma chance de melhoria …. vou correr atras dela…

É isso. É só pensar que nossa vida tem fundo musical e tudo bem :-)

SINTO-ME MUITO MAL COM ESSE ZUMBIDO ELE ME ESTRESSA PRINCIPALMENTE PORQUE TENHO UMA FILHA DE 3 MESES… INFELIZMENTE ATE O CHORO DELA ME DEIXA LOUCA… ESTOU BUSCANDO A CURA PRIMEIRO EM DEUS E DEPOIS NA INTELIGENCIA QUE ELE DEU AOS HOMENS… ESPERO UM DIA NUNCA MAIS TER ESSE CHIADO NO OUVIDO… AMEM

passei a ter zumbido qdo deixei de tomar Rivotril. Voltei a tomá-lo, mas parece que o mal já havia se instalado de vez.

DEUS é fiel porque ate as 19:h58 eu estava penssando que só eu sofria desse mal que é o zumbido faz dois dias que comessei a sofre com o sito mesmo. sinto como se estiverse com a cabeça mergulhada, a v´rios metro de profundidade, fiquei mais tranquila quando lir esses comentarios. sertamente foi DEUS quem usou vocês para mi tranquilisar AMEM.

Tambem tenho esse zumbido…
quanta chatisse,meu Deus!!!
pensei que so eu ,tinha esse problema,agora fico conformada,pois eu não estou so.

Nelzira

Sou mais uma para fazer parte desse grupo.Tenho zumbido à 04 anos, já fiquei ate surda;graças a DEUS estou recuperando a minha audiçao(com medicamento) mais o zumbido permanece sempre ocilando, hora mais forte hora fraco. Eu estou tentando vence-lo juntamente com meu otorrino.

Quem aki falo em Deus, vamos fazer uma corrente de oração
estou com o zumbido à 3 dias e tenho só 15 anos
vamos lah gente juntos podemos fazer isso
eu sei que irrita e tudo, gostaria que parasse
ngm sabe como é, só a gente mesmo…

vamos conseguir vencer-lo em nome de Jesus……………AMÉM

Prezados Senhores,

Como é difícil o tal do zumbido. Sofro dele há uns 10 anos. Já fiz resson}ância magnética e deu tudo normal. Sou obrigado a tomar Rivotril continuamente. É um sofrimento, porem o nosso sofrimento deve ser entregue nas mãos de Deus. Sua carga é leve,e com certeza ele aliviará para todos nós, que sofremos com este mal. Tenham fé!
abraço todos.

Oi gente! Tenho 22 anos e também estou sofrendo com esse tal de Zumbido há uma semana! Não tem nada pior! To gastando horrores com medicamentos, perdi um pouco da audição do ouvido direito, mas, tenho muita esperaça de melhorar! Tenho fé em Deus e gostaria que todos vocês também tivessem! To torcendo por todos nós!
Um forte abraço e melhoras para todos!!!!

olá, queridos zumbideiros.. estou com este transtorna há uns 3 anos. já consultei vários médicos otorrinos, fiz diversos exames e nada. vou agora me consultar com um senhor da cidade de americana cujo método de tratamento é á base de ervas e aplicaçao de argila. ouvi dizer que dá bons resultados. quando eu fizer a consulta e abtiver melhoras conto p/ voces. por enquanto, vamos tentando conviver com isso numa boa, pois sei de muita gente que consegue e quase nem percebe. meu marido é uma dessas pessos. beijos, zélia

Eu já estou com zumbido, há mais de 2 anos, fico muito estressada, sinto dores de cabeça e na nuca.
estou sem qualidade de vida.
Infelizmente eu concordo com o primeiro comentário, a medicina não está tão evoluida assim, principalmente na otorrinologia.
Confio em Deus, que vamos ter essa cura.
Fiquem todos na paz

Oi Gente!!!!! Voltei aqui pra dizer pra todos vocês que não pecam as esperanças! Também estava desesperada com este Zumbido terrível! Fui a uma Otorrino, tomei medicamentos, tive muita fé em Deus e hoje posso dizer que estou curadíssima! Ja fiz audiometria e descobri que nao tive perda auditiva! To muito feliz! estou pedindo a Deus e estou torcendo por todos vocês! Não percam as esperanças!!
Beijossss…

Olá amigos,saibam que me sensibilizo muito pelo problema de vocês.Meu marido sofre com este mal á algum tempo,e relata que ningúem sabe como é ,só quem passa por isso. Olha ,as vezes a gente ouve falar,toma isso,toma aquilo,vai em tal médico,mas acho que a cura está em vcs mesmos,são barulhos que o sub consiente emite.Falo sempre ao meu marido:Não aceita este mal na sua vida não!Se auto sugestione:Vou ouvir apenas sons que todo mundo ouve,sons bons! Espero que todos se curem deste mal,do fundo da minha alma desejo…

Estou tomando vertigium e gincko biloba juntos.
Percebi que o zumbido não está mais me incomodando, eu acho que ele tem alguma coisa a ver com nossos pensamentos ligado a Stress.

Mais tenhamos fé em Deus para que ele cure todos nós e de inteligência para a medicina descobrir esse mal.

Primeiro DEUS, segundo a medicina.

sofro deste mal ja ha tres anos . ja consultei varios medicos e nã tenho melhora to labirim , rivotril e gingo biloba mehorei das tonturas mas o zumbi e constante. mas como todos vcs espero em Deus .

concordo com o primeiro comentario da marta, acho tbm que a medicina não se empenha o bastante p/ buscar soluçôes p/ o problema. eu ja não sei mais o que faço como eu disse. melhorei das tontuas , mas o zumbido me tortura dia e noite e na maioria do tempo o zumbido e muito alto não consigo me concentrar em nada principalmente no meu trabalho . estou sofrendo muito. por favor se souberem de alguma coisa que alivia . me responda , fico grata .

Oi! Gabriella Nunes. Fiquei surpreso com seu comentário,pois vc foi a única pessoa que postou aqui dizendo que se curou através de mendicamentos. Gostaria de saber quais foram estes mediamentos, os quais fizeram tão bem para vc ter obtido a cura por completa. Sei que se alto-medicamentar não é aconselhável, mas já tentei tantas coisas que uma a mais não fará diferença. Conto com sua ajuda.

Oi galera
Eu tambem fasso parte desse time, pois venho sentindo este zimbida ha uns 8 meses, sendo que ha um mes atraz, acordei de madrugada com o zumbida que pensei que iria enlouquecer, a ponto de ir pra rua pois não aguentava nem a minha mulher perguntar se eu estava bem. Confesso que esta noite foi a pior de toda a minha vida.
Na manhã fui ao médico e minha pressão estava 16 por 11 . Tenho tomado ginko biloba e as vezes diminui. Espero que alguém encontre um tratamento para a cura, se vocês souberem ficarei grato.
Um abraço a todos !

Oi pessoal ,

Estou tendo esse zumbido mais ou menos uns 5 meses, no começo o médico me disse que teria de fazer uma cirurgia para uma tal de esteotamose não lembro ao certo o nome consultei outro médico professor da PUC e o mesmo me examinou, passou um exame de audiometria , fiz esse exame e deu uma pequena e insignificante perda no ouvido direito.
Às vezes esse zumbido pára e volta em seguida, às vezes o barulho esta baixo outras ele aumenta, é um Fanfarão esse meu ouvido.rssssss
Tenho percebido e também o médico me disse que pode estar relacionado a coluna vertebral.
Eu pego fretado todos os dias e dormo muito mal todo torto nesse fretado ,percebi que quando eu durmo no fretado o barulho aumenta esta aí um motivo pelo qual eu passei me preocupar menos com zumbido. Estarei procurando um Ortopedista além do Otorrino.
E é isso aí pessoal estamos com a pulga atrás da orelha ou melhor com o grilo dentro dela.rsssssssss……..!!!!

Hà mais ou menos 6 anos acordei com brusca tontura,não podia ficar de pé, o tento passava como faixas de canal de tv. Sentí vomitos. No mesmo dia foi ao ortorrino, submeti a todos exames clinicos ; audimetria, tomografia computadorizada da cabeça, raio x fiz exames gerais ; tudo normal. Acusou simples perda auditiva direita. Consegui aparelho intraauricular, melhorou um pouco a audiçao. Porém o zumbido continua, não sei mais que fazer.

Queridos, estou com este problema de zumbido ha + ou – 10 dias, que também veio com perda de audiçao severa no ouvido esquerdo. Primeiramente solicito a todos voces que busquem em JESUS CRISTO o médico dos médicos que Ele venha abençoar os medicamentos e dá sabedoria aos médicos que tem nos tratados. Logo no primeiro dia comecei a tomar TEBONIM 120MG 12/12h – dilataçao de veias,ACICLOVIR 200 MG e PREDSIM 20 mg . com a FÉ no meu SENHOR JESUS já estou com minha audiçao no LEVE. Creio na minha cura completa em JESUS, este nome tem PODER.

TEM 18ANOS QUE SOFRO DESSE MAU,OU VC ACEITA NA MARRA OU FICA LOUCO OU SUICIDA.NÃO EXISTE REMÉDIO PARA ESSE INFERNO.

Pessoal, chega dessa babaquice de Deus e Jesus, pois o que interessa aqui é a cura para o zumbido. Aq

Aqui não é igreja !!

Olá Tenho zumbido nos dois ouvidos desde Agosto 07, musica suave, barulho de agua e calmantes tem me ajudado muito. Sorte

tenho um zumbido igual uma cigarra faz mais ou menos trinta anos espero um dia achar uma saida para esse mal. abraços a todos os zumbideiros.

eu fui em uma festa..
la som estava muito alto.
hora que sai dela ja ñ estava ouvindo bem
cheguei em casa fui dormi acordei meu ouvido esta com um zumbido..
eu queria saber si vai passar esse problema sem precisar ir ao médico

Olá a todos,tenho esses sintomas a pouco tempo..
so fiquei a saber, quando estava tendo uma aula
e a professora disse, que algumas pessoas tem este barulho a vida inteira(zumbido)e nem percebem….
afzzz. e nessa aula q vim a perceber que eu tinha este danado.hhaauhauhauha
entao, agora estou fazendo uma seleçao para entrar na empresa, e percebeu,que tenho uma pequena falta de audiçao, porém a medica mensinou
que à tratamento…
e agora estou so no aguardo
rsrsr
obrigado a saber que nao sou o único do mundo
hehhehhee
abraços a todos.

Amados,
Não vamos desesperar com as coisas que aparecem em nossa vida, tenho esse tal de zumbido e nem por isso cheguei ao desespero. Tem fé em DEUS, ajuda muito a superar. Medicamentos que amenizam esse sofrimento: rivotril 2,5mg – 05 gotas ao deitar e 40mg de extrato seco de ginkgo biloba, apóso jantar. No mais procurar não stressar muito e não fazer extravangacias, diminunindo os se possível tirando o álcool, café, chocolate, doce, gorduras, até que DEUS permita que a medicina encontre a solução para este problema.Que DEUS abençõe a todos e vamos procurar ser felizes e encarar nossos males com serenidade.
Amém.

Venha atravez, via internet, requerer a Remedio para cura zumbido que eu sofre deste mal a muito ano me ajudar cura deste mal zumbido no meu adição, ficarei muito agradecido pela sua atenção.

Pois é, de repente apareceu este tal de zumbido no ouvido. Praticamente da noite para o dia, logo após uma pequena indisposição que me acometeu. Um chiado cujo grau de intensidade sofre variações aleatórias. No inicio, confesso, fiquei um pouco assustado, mas depois me convenci que dá para administrá-lo, desde que nao permita que o estresse se instale, o que somente irá servir para exacerbá-lo. No mais, só espero que termine como começou…inesperadamente, hehehe

Companheiros de zumbido: se tem cura ou não eu não sei; entretanto, não tenho dúvidas de que qualquer que seja a solução, a mesma passa por medicamentos ou ações que melhore a circulação sanguínea. em se tratando de fitoterapía, as ervas mais indicadas são: gincobiloba e centela asiática. elas pódem ser tomadas misturadas. 1 lt de água em alta temperatura mas sem estar fervendo; despeje sobre um punhado das ervas; quando esfriar, coe e tome um copo ao deitar e um copo ao levantar-se. A caminhada e exercícios é indispensável. Se não resolver ou melhorar o problema do zumbido, com certeza, ajudará em muito, na melhora da memória.

Obrigada Alan! precisamos mesmo é repassar dicas pensando na melhora de todos.Deus abençoe a todos.

Amigos:
Dicas para mehorar e controlar o zumbido:
Café; chocolate; alcool; fumo; gorduras (diminuir):
Evite ficar nervoso(a) e ou Stressado(a), controle melhor seu Sistema Nervoso(chave para diminuir o zumbido);
Zumbido é caracteristico de pessoas muito responsáveis e que levam muito a sério tudo e todos(boas virtudes, vamos cultivar, mas não podemos exagerar);
Caminhadas, muito necessário, lazer, amor e principalmente acreditar num ser Superior (DEUS). No mais evitar doses elevadas de medicamentos químicos principalmente RIVOTRIL e outros derivados benzodiazepinicos). Vamos procurar relaxar e não dar importância ao Zumbido, porque quanto maior a importância dada, mais ele nos incomoda.Boa melhora para todos e que DEUS nos abenções. Amem.

Começou um zumbido no ouvido direito ,há uns 4 dias e incomoda muito ,gostaria de saber ,como fazer para amenizar esta situação?

Olá amigos do zumbido , parece até brincadeira , mas a coisa é séria mais do que eu pensava , a 12 dias atrás comecei a sentir esse chamado “zumbido” e perdi um pouco da audição foi no otorrino e ele me fez alguns exame e disse que tenho 70% de chance de se recuperar , tomara que seje verdade porque se nâo me recuperar será muito difícil a minha vida , os especialista no aparelho auditivo deveria se preocupar mais com a matéria , por a um incomodo muito grande com esse ” ZUMBIDO”. Espero em breve a medicina solucionar esses casos com bastante simplicidade . Um abraço a todos e Fé em Deus…

Caros compaheiros do zumbido.

24/05/2008 , há 12 dias , estou sentindo zumbido no ovido esquerdo , e até agora nenhuma solução concreta para o caso , os especialistas no aparelho auditivo deveriam ter soluções objetivas nesses casos o que não a vejo até o presente momento , a medicina deveria pesquisar mais sobre o assunto , porque é muito irritante ter esse tal zumbido além do que perdemos um pouco audição ,Unicamp ou outros centros de pesquisas deveriam se dedicar mais no assunto , porque só quem tem zumbido sabe oquanto é ruím.
Um grande abraço a todos .

Olha gente eu tenho este zumbido desde os 12 anos de idade, não é facil conviver com ele mas nós temos que se preocupar com outras coisas em nossas vidas, assim nos esquecemos dele e a vida continua, fui em varios médicos cada um falou uma coisa e não resolveu nada.

Primeiro: Concordo, ficar botanto Deus e Jesus em tudo é babaquice.Tenho zumbido a anos e anos
e já faz parte da minha vida.Atrapalha sim minha audição. Ouço e muitas vezes não entendo.O som tem que chegar com certo grau de intensidade para que eu posso decifrar que som é esse.O zumbido me deixa distraído constantemente.Hoje procuro conviver com isso e bola prá frente.Todos comentários são válidos e é por isso que estou participando.Muito obrigado.

Companheiros dessa mer…
Entrei na pesquisa do Google com “DEUS zumbido” para ver onde ia parar e caiu neste site que, curiosamente, cada um dos comentários me me deu um pouco mais de alento para suportar essa mer…
Mais interessante e realista é o comentário que diz: “OU VOCÊ AGUENTA NA MARRA, ou fica louco, ou se suicida.” Estou “aguentando na marra há 1,5 ano, uma vez saí como louco na rua, tal a altura que essa mer… quase me deixou louco, quase fui atropelado (vi nos comentários que houve um caso assim),enfim, estou aguentando na marra. Infelizmente os médicos não estão preparados para lidar com isso. Meu médico, por exemplo, aprendeu muita coisa comigo sobre o zumbido, e quando falei do Campral (acamprosato), ele nem sabia o que era, apesar de, desde 2005, testes apontavam ser essa droga eficaz em 70% dos casos de zumbido, diminuindo o sofrimento ou, até mesmo, conforme o caso (no qual acredito que me enquadro) a tão esperada cura. Mas, paradoxalmente, depois que consegui uma receita dele, a Merck parou de fabricar esse medicamento que é destinado aos manguaceiros. Parece que os manguaceiros brasileiros não querem parar de beber, senão certamente a Merck não o teria parado de fabricar por aqui, pois na Europa continua. Tenho notícias de quem tomou Campral e obteve melhora a ponto de poder dormir em paz! Às vezes fico pensando nos dias que dormia em paz, e como as coisas simples, que a gente nunca dá valor, são importantes!

Para quem acredita, que Deus abençoe, a quem não acredita, que tenha a inpiração para descobrir algum paliativo abençoado pra nos livrar dessa mer…

Sofro com esses zumbidos (no plural porque são diversos) há uns 20 anos, mas nunca preocupei-me muito pois eles assim como vinham desapareciam de repente e passava meses até anos sem experimentar essa terrível sensação.
Acontece que ultimamente eles voltaram com força total acompanhados de tonturas e vômitos. Já fui a três médicos diferentes e o último disse-me que eu tenho Síndrome de Ménière.
Os medicamentos só me deixam numa espécie de letargia que não me permitem fazer nada e o barulho não diminue. Não sei mais o que fazer.

Olá, tenho 21 anos e há um certo tempovenho sofrendo a esse Zumbido que me deixa sem vontade de fazer as coisas até fico tonto as vezes, não consigo dormir tem noites,atrapalha na minha leitura,na minha concentração e o que eu devo fazer ???
Já procurei médicos e nada de resultados satisfatórios, e etc…
Espero um dia ter solução esse problema como também na vida de milhares de pessos que sofrem com esse problema…
Não sei o que fazer, acho que deve ser minha alimetação ou porque gosto muito de ouvir músicas altas…

Oi pessoal, há um ano eu fiquei com zumbido, do tipo um apito fino e irritante no meu ouvido direito, fui ao otorrino e ele fez aquele exame que lava o ouvido com tipo uma seringa de aço grande e água morna, sai de lá sem barulho nenhum feliz da vida, no entanto 1 ano e meio o zumbido voltou, fui novamente e após o mesmo procedimento o sintoma não sumiu, o otorrino dessa vez foi outro, reparei que a “seringa” que ele usou era bem menor tanto que não senti muita pressão da água no meu ouvido durante a lavagem, ele me receitou amoxicilina, ebastil e uma injeção de beta trinta, não está funcionando, vou a outro otorrino e comentar a respeito na esperança desse barulho sumir. Quem sabe esse exame possa ajudar outras pessoas!? fica a dica, outro dia eu posto para dizer o resultado.

Oi pessol, tenho zumbido (um barulho desesperador, que não podia ouvir nem o barulho do ar-condicionado)desde que tive labirintite. Fiquei curada com tebonim 120mg, mas com o tempo voltou de uma forma diferente(um chiado). O meu otorrino fez todos os tipos de exames possíveis, mas estou tomando rivotril de 5,00mg e não sinto mais nada, mas estou impedidada de várias coisas, como: não comer muito doce, café, chá preto, nenhum remédio à base de cafeína, coca-
cola e nenhum tipo de bebida à base de Àlcool e uma lista de remédios que não posso tomar(se a
guém quiser eu tenho).Pois é, desse jeito não sinto nenhum chiado, somente com o rivotril de 5,00mg.Vou indicar um médico excelente que reside em Recife/Pe, Dr.Chicão. Ele é um dos melhores médicos em diagnóstico do Nordeste, ele atende no Hospital Português, fone:(81)3222-4866 ou 3416-1637. Vocês vão adorar! Beijos e abraços para todos.

olá, tem 5 anos que tenho zumbido com barulho do tipo comprimidos efervecentes ou escape de vapor,já tomei ginko biloba, parece que começou depois de um intervenção pra retirar cera, as vezes piora as vezes melhora.
acho legal compartilhar isso com que tem tambem,
reparei que quando mudo de ambientes, viajo, melhora bastante , parece que tem uma influencia do stress ambiental muito forte.

sinto mt zumbidos nos ouvidos a mt tempo ja tomei tanta medicaçao e nao passa vastrel lm stuguerom forte mt comprimidos de gingo boloba mas tou igual fico mt vervosa kr faço tambem da-me mt tontoras falta de equilibrio vomitos sei la ajudem-me ok madeira

ola meu nome é celsoluiz.jau@ig.com.br,tenho esse zumbido no ouvido dia e noitye sem parar e é muito alto,esta me enlouquecendo,não aguento mais isso,tenho que fazer isso parar,acabou com minha vida com meu humor,felicidade e minha vontade viver,ja fiz tratamentos fiz de tudo que vcs possam imaginar mais infelizmente nada deu certo,isso é muito errado,e é gravissimo espero parar com esse barulho que me atormenta dia e noite sem parar,alguem me ajude……tenho que fazer isso ter fim…………….

Pessoal,

Nossos médicos ainda estão a anos luz para descobrirem o tratamento correto para doenças em tão delicado sistema nervoso que é a audição. Eles são impotentes e incapazes de resolver estes problemas. Atualmente, o que melhor conseguem fazer é receitar os remédios que vocês já leram acima: Ginko, diazepam, Vertix, betaistina, etc. Mas nem eles mesmo sabem se vai funcionar e por quanto tempo. E vão levando. E, aparentemente, não estão investindo o suficiente para descobrir uma cura definitiva. Só vão investir quando enxergarem uma possibilidade de ganho, muito ganho real, como aconteceu com a impotência, com doenças cardíacas, etc. Embora eu não entenda porque eles não enxergam este ganho, já que passa de um bilhao de pessoas no planeta que tem algum tipo de doença no ouvido interno.
O que resta fazermos? O que eu sugiro que se faça é aquilo que deveriamos ter feito desde quando nascemos (e que muitos de nós não fizemos): levar a vida mais saudável possível, evitar cafeina, álcool, drogas, stress emocional, dormir pelo menos 8 horas, procurar companhias alegres, melhorar as condições de trabalho, evitar som alto, cuidar do corpo por meio de esportes, melhorar a musculatura em um academia sob orientação especializada, fazer exames de check up periódicamente, evitar carne vermelha (max 300gr por semana), comer fibras, frutas frescas, fazer sexo regularmente,e etc, etc. Procure também se ocupar com coisas que não fiquem lembrando o tempo todo o problema que voce tem. Muitos de nós somos aposentados e tá na hora de nos darmos um pouco do nosso tempo para os outros mais necessitados.

Isto vai com certeza tornar a degradação destas doenças mais lenta, além de melhorar o quadro geral da nossa saúde. Como a perspectiva de vida vem aumentando, isto é fundamental para que não cheguemos à terceira idade em uma cadeira de rodas.

Como vimos, para zumbido, meniere, tonteiras, ainda é pouco o que a medicina e seus médicos conseguem fazer. Deve até ser frustante para eles não conseguirem resolver os problemas dos seus clientes. Até entre eles, existem vários com problemas iguais.

Então amigos, cada um terá que cuidar de si mesmo. E já vai avisando a família que você é para você mesmo, a partir de agora, a pessoa mais importante do planeta. E que conta com a colaboração de todos.

Boa sorte e saúde acima de tudo.

Meu zumbido no ouvido esquerdo data de set de 1981, tinha 20 anos.Estudava muito trabalhava e dormia muito pouco de 4 a 5 horas/noite.doença do stress.Procurei auxilio medico fiz inúmeros exames, apenas detectaram perda de audição no ouvido esquerdo. tive náuseas durante quase um ano.achava ser um tumor cerebral.em1982,descobri na literatura que não tinha cura.Desenvolvi a técnica mental do “esquecimento” e funcionou para aliviar quando não dei mais importancia a ele diminuiu.creio ser um problema no cerebro,ligado a decodificação dos sons ambientais causado pelo stress.tenho pena de quem tem.tomara que encontrem a cura logo.Um abraçoe parabens pelo humor com que encaram este mal. enquanto espero em vez de remedio tomo ceva.

Caros amigos,profundamente solidario com todos,após ler os depoimentos,tive coragem de relatar a minha vivencia com o zumbido,sou portador dessa molestia há 19 anos,no inicio muitas tonturas,ficava aereo por longos periodos do dia,desmaios,pernas tremulas,vomitos etc..,tinha a sensação que meu cerebro travava em situações que exigiam muita concentração no trabalho, depois passei por fases de insegurança,medo,depressão tal era o volume altissimo do zumbido, constatado atraves de exames relatados por todos,passei por todos os medicamentos relatados:stugeron,vertizine, tebonin,equilid,e tantos outros que ja esqueci,rivotril o que me da a melhor contribuição ate a cura,acredito estarmos longe dela pelo fato de as causas serem diversas e afetarem de forma diferente cada um, os possuem ,fato positivo adotado por mim ao longo desses anos foi viver um dia por vez,procuro evitar pensar no passado, nos anos vividos com a molestia,atrapalha muito o dia-a-dia, as vezes desanimo,mas procuro levantar o astral junto da familia, minha filha,minha esposa que muito me apoia e principalmente ser sentir o efeito entende e tem muita paciencia nos momentos de irritamento.Uma boa é as vezes conversar sobre o problema com um psicologo, pois afeta muito o nosso modo de ver a vida.
No mais muita perseverança e ..fé porque sem ela estamos sozinhos

Caros sofredores de zumbido,
sou de Sumaré-SP, tenho zumbido tipo cigarra há mais de um ano. No começo achava um inferno, mas após passar por várias consultas, exames, audiometrias, tomar alguns medicamentos…. tenho percebido que depende muito mais de mim mesmo do que dos médicos e dos medicamentos.
Tomei a decisão de que isso não iria mais interferir no meu humor e no trato com as pessoas. Por isso tenho procurado viver uma vida normal e nem mais reclamar para os outros. No trabalho brinco com todos, dou muita risada e em casa levar uma vida saudável com a esposa e os filhos.
Bem, tenho procurado desenvolver algumas técnicas para que o zumbido não seja insuportável, como assistir televisão(algo que me prenda a atenção), ouvir música leve bem baixinho, procurar não se concentrar no zumbido propriamente, enfim, desligar o cérebro deste barulhão terrível.
Tem momentos que quando tudo isso falha, vou aos pouquinhos tentando pensar em coisas agradáveis, dos meus tempos de juventude, viagens que fiz, etc….
Uma otorrino chegou a me receitar “Cloridrato de fluoxetina” (PROZAC/ DEPRAX/ VEROTINA) que é para depressão, mas foi horrível, me fez muito mal e fiquei pior ainda. Parei depois de uns 20 dias. Também tomei Ginko Biloba por uns quatro meses e nada.
Hoje, devido a Triglicerídeos alto, mudei bastante minha alimentação, como alguns já postaram acima. Caríssimos, a saída por enquanto e não fazer disso o pior dos mundos, pois tem muita coisa pior que isso, claro que não é consolo mas tem que se pensar que isso não é o fim.
“Pois no final tudo dá certo, e se não deu certo ainda é por que não chegou o fim”.
Para aqueles que tem dito que falar em Deus e em Jesus é babaquice, lembrem-se que não se deve falar mal daquilo que não se conhece. E quando verdadeiramente vocês tiverem um encontro com JESUS, Ele irá transformar suas vidas como transformou a minha. E creio firmemente que Jesus ainda hoje cura e realiza milagres, continuem crendo.
Abraços a todos, não desistam, pois na vida temos muitas coisas lindas para aproveitar.
Edivaldo

Ah, esqueci….
Para tirar dúvidas, ver mais informações e ter ajuda, entrem no site:
http://www.zumbido.org.br

Inclusive, tem alguns sons que mostram os tipos de zumbidos, serve para identificar o seu tipo e até para mostrar à família que não estamos “doidos”, que o zumbido é real.
Abraços.

Pessoal,

Como já estava muito longo o comentário que fiz no dia 24 de junho08, não me prolonguei para pelo menos informar o porquê de ter perdido as esperanças de que os médicos, com o conhecimento atual, possam resolver todos os problemas. Mas como recebi um e-mail contraponto isto, gostaria de esclarecer que:
A)Eu estou convicto que casos complexos, como de síndrome de Meniere ainda não tem cura. O que existe são tentativas de diminuir a velocidade com que degrada a audição, aumenta a tinito e causa vertigens. E não entendo como cura ações traumáticas e extremas como cortar o nervo auditivo, necrosar a cóclea ou similares. Isto realmente não é cura, é uma espécie de amputação! E sem certeza de que vai resolver o problema, pois o zumbido pode estar “implantado ” no cortex e continuar sendo “ouvido”. Minha convicção se baseia em 20 anos de tentativas, em vários países, gastando uma senhora grana em exames complexos e caros,além dos remédios. Admito que estas tentativas e principalmente as orientações quanto o que é uma vida saudável e as dietas prolongaram o declínio. Mas não é cura. E a perspectiva não é boa, pois o meu segundo ouvido está sendo degradado . Como pretendo viver mais uns 30 anos, já estou avisando meus filhos, que se quiserem falar algo comigo, falem agora, ou escrevam mais tarde. (temos que manter o bom humor, mesmo um pouco negro…)
B) e, alguns casos podem sim serem resolvidos ou atenuados.

Reitero portanto: façam rigorosamente as dietas, levem uma vida mais saudável possível e procurem os médicos. Talvez seu caso seja um dos poucos que eles podem resolver. Mas mantenha o foco na realidade e não se engane.

Boa saúde, perseverança e bom humor.

E lógico, estamos torcendo para que a medicina avance e realmente encontre uma cura.

Abraços

Olá a todos,
Primeiramente, devo apresentar-me a todos. Meu nome é Kleber, tenho 29 anos, sou Sd PM na função de Bombeiro Militar, moro em Atibaia (próximo a São Paulo). Bem, em relação ao zumbido, acredito que já venho passando por isso há alguns meses e/ou anos até, porém, fazem apenas 3 dias que me dei conta de tal irritabilidade. Geralmente ele começava à noite bem lentamente, quase imperceptível, porém, acreditava ser algo relacionado à toda barulheira ouvida durante o dia e não dava importância, resumindo-se num longo e profundo sono agradável. Acontece que, nesses dias, passei a dar mais atenção a ele, já que foram dois dias sem dormir, pois no silêncio total, ele me encomoda e muito. Lendo diversas matérias pela internet, diga-se de passagem, ainda que pouco estudo sobre o assunto, pude perceber que, primeiramente, cada caso é um caso. Eu por exemplo, ávido fumante (fumo há 15 anos aprox.), costumo(ava) tomar aquela cervejinha pra relaxar nos finais de semana e às vezes durante a semana também. Como faço escala de 24 por 48 no bombeiro, nos meus dois dias de folga sou programador, desenvolvo sistemas pra internet, fico dois dias em casa praticamente fumando e tomando até um litro de café por dia! Absurdo não é mesmo ?! Porém, infelizmente, aprende-se dando a cara aos tapas, quando, geralmente, já é tarde. Acredito que o meu problema de zumbido esteja relacionado ao stress (quase entrando em drepressão), longas datas dormindo muito pouco (cerca de 3 a 4 horas apenas de sono). Como sou bombeiro, trabalhar no resgate não é fácil, não se consegue ter um sono agradável que realmente nos dê a real necessidade de descanço, já que vira e mexe dormimos e acordamos para ir atender às ocorrências. Gostaria de dizer a todos os portadores de zumbido que, primeiramente, não se deve desesperar com o problema, a melhor opção no momento é aceitá-lo e aprender a trabalhar a mente, corpo e alma, pois, quanto mais se pensa (lembra) nele(dele), mais encomoda! Para quem possa interessar, outra dica, eu tenho bruxismo, e meu maxilar faz barulhos (estalos) na região temporal, e estou procurando saber mais sobre “DTM”, disfunção temporomandibular, analizar e, caso realmente tenha esta disfunção, um tratamento adequado pode ajudar e bastante, veja: “As Desordens Têmporomandibulares podem desencadear ou perpetuar um zumbido onde o tratamento dessas desordens podem muitas vezes eliminar, amenizar bastante este problema.” Para maiores informações sobre o assunto, acesse: http://www.especialistaematm.com.br. Caso alguém queira compartilhar informações sobre esse problema, sinta-se a vontade de me enviar um e-mail: kmazzolini@gmail.com. Desde já deixo um grande abraço à todos e claro, BOA SORTE, só não vale perder as esperanças, que todos encarem isso como um desafio, pois, já que não serve de consolo, apenas devemos nos lembrar que ainda podemos “escutar” e que exintem milhares de problemas piores do que este. Um grande abraço!

Olá companheiros(as)

Depois de ler todos os relatos cheguei a uma conclusão: realmente a nossa medicina ainda não encontrou uma solução para este problema,talvez por incompetencia ou desinteresse em soluciona-lo,principalmente os profissionais que atuam nesta área da medicina, isto porque é ainda muito vantajoso explorar esta situação que acham que não tem solução e com isso vamos sofrendo e explorados por um conceito incopetente, ora estamos no século 21, onde a tecnologia tem avançado em todos os setores e podemos observar todos estes avanços da ciência ,mas infelizmente tudo que esta relacionado ao aparelho auditivo tudo indica que parou no tempo. Também já passei e estou passando com problemas de zumbidos nos dois ouvidos e perda de audição no direito,zumbido este que estou aquentando a mais de 6 anos, consultei vários otorrinos e sem nenhuma solução,medicametos? nem tem conta, quase todos que os companheiros(as) relataram,mas não devemos perder a esperança, que Deus ilumine os homens da medicina da boa vontade e embrenhem na solução deste problema que tanto nos atormenta que é o zumbido nos ouvidos seguidos de tonturas e outros mal estar, abraços a todos e que Deus nos ajude.

Gente, eu tenho um zumbidinho a pouco mais de uns 2 mêses, confesso não estar tão preocupado pois acredito que irei solucionar esse problema. Mais eu acredito, que tem algumas pessoas que o zumbido tomou proporções bem maiores a ponto de mudar o foco do assunto e questionar quanto ao ser superior “DEUS”. Calma gente! é um simples zumbido e nós somos bem, mas bem maiores que ele.

Faz 4 meses que, infelizmente, apareceram os zumbidos!
Fui ao otorrinolaringologista, fiz exame de audiometria e ele receitou-me Labirin e Tebonin 120mg. O mais curioso é que o próprio médico dizer que também é portador do famoso “zumbido”. Parece brincadeira!
Comecei a tomar: Labirin = 2 por dia e Tebonin = 2 por dia durante 60 dias e mais 60 dias = 1 p/dia.
Comecei a tomar os dois: quase fiquei louca de dor de cabeça e na nuca! Antes era apenas o zumbido! Parei com os dois!
Não dá prá mim!
De acordo com os demais participantes, acredito também que não há muito interesse em cuidar do assunto!

Estou sofrendo há tres anos.
Piora quando como queijo,comida salgada, vinho tinto, café, chá preto. Quando fico muito tempo no computador. Quando uso telefone do lado do zumbido.
Com Labirin piorou muito. Parei.
Melhora com exercícios fisicos. Exercício de respiração prendendo e soltando por mais ou menos cinco segundos.

ola para todos, comecei a sentir zumbidos ultimamente ,mais a tempos venho sentindo de vez em quando esses sintomas .Primeiro sou deficiente auditivo da orelha direita isso chega ate me assustar devido a preocupacao frequente com o que esta funcionando.Tudo comecou numa manha de sabado apos eu ter reposto o aparelho ortodontico novamente, antes dele nao ocorria isso .
Por favor me mandem um e-mail me explicando esse problema que afetam milhares de brasileiros .

Obrigado!

Olá!! Saudações a todos.
O assunto em pauta, zumbido, a muito me acompanha, 7 anos, e cheguei a seguinte conclusão, após procurar um médico que, segundo ele, não sabe o que tenho, desestressar e não ligar para o zumbido fazer de conta que, não existe, é dificil mas, com paciência a gente consegue.

Abraços
Fabiano

OI, COMO TODOS VC,S TAMBEM TENHO ESSE CHATO ZUNBIDO, TEM HORAS QUE FICO MUITO TRISTE. O MEU FOI DECORRENTE DE MUITO SOM ALTO , ALCOOL E MUITA PREOCUPAÇÃO. MAIS TENHO FÉ EM DEUS QUE SE FOR DA SUA VONTADE ELE VAI ME CURAR E CURAR VC,S TAMBEM QUE TEM FÉ . VI ALGUNS COMETARIOS E TEM PESSOAS QUE MANDARAM DEIXAR DE BESTEIRA EM COLOCAR O PROBLEMA PRA DEUS . POIS DEIXA EU TE FALAR MEU AMIGO OU MINHA AMIGA QUE PESSA ASSIM SE DEUS NÃO CURAR MAIS NADA CURA. SE VC NÃO COLOCAR O PROBLEMA PRIMEIRO PRA ELE NADA VAI RESOLVER. POIS EU NÃO SEI VC,S QUE NÃO TEM FÉ . MAIS EU VOU SER CURADO PELO DIVINO ESPIRITO SANTO DE DEUS . SE ELE VAI USAR REMEDIO OU QUALQUER OUTRA COISA EU NÃO SEI E NEM QUERO SABER . O QUE EU SEI E QUE ESTE PROBLEMA ESTA NAS MÃOS DO SENHOR E ELE VAI ME CURAR. VC CRER……..

Tenho chiado nos ouvidos,estou fazendo exercícios com a cabeça e pescoço,girando para a direita no sentido horario e inverso , 10 vezes cada, olhar bem para cima e para baixo, 10 vezes, olhar bem para o lado esquerdo e direito, tambem 10 vezes,procurar colocar a cabeça encima do ombro esquerdo e direito, 10 vezas.
Fazer estes exercícios 2 vezes ao dia, eu melhorei
50% da densisade do chiado no ouvido.

Oi gente gostaria de saber se e normal sentir este zumbido acompanhado de uma pressao na cabeça
muito ruim parece, que tem agua no ouvido!que vem acompanhado de uma pressao….
por favor me respondam…
tenho medo que seja algo mas serio….

Entao queria saber se e normal ouvir este zumbido,acompanhado de uma pressao na cabeça!parece que tem agua dentro,como se estivesse com a cabeça cheia de agua!! e igual como agua do mar,quando entra no ouvido,sua cabeça fica toda com som diferente.E o mesmo que acontece comigo.
por favor me ajudem…..
obrigada.

Não sabia sobre o zumbido até participar de uma caminhada em Salvador em prol dos portadores do zumbido. Foi quando li pela primeira vez informação sobre o distúrbio e logo associe ao que percebo nos meus ouvidos. Não tenho certeza ainda se realmente sou portadora do zumbido, mas pretendo procurar um especilista para investigação. Ouço constantemente algo como um aparelho eletrônico ligado, é algo como um “thuiiiiimmmmm” contínuo. Horas percebo mais, é quando me incomoda, horas nem percebo que ele existe. Depois de saber sobre o distúrbio passei a ficar preocupada com a minha situação e a ler mais para tentar entender melhor se sou mesmo portadora desse incômodo.

OLA PARA TODOS.SOU MAIS UMA COM O FAMOSO BARULHINHO,VINTE E QUATRO HORAS POR DIA.REALMENTE É UM SACO AGUENTA-LO,SÓ QUEM TEM É QUE SABE O PROBLEMA QUE É.O HOMEM JÁ FOI NA LUA,JÁ DESCOBRIRAM CURA PARA TANTAS OUTRAS DOENÇAS,E NAO ENTENDO PQ ESTA TAO DIFICIL ACHAR A SOLUÇAO PARA ESSE PROBLEMAO.UM ABRAÇO

Queridos amigos
Sou mais uma que, como vocês sofro há 4 anos deste barulho horrível…parece uma panela de pressão que vai explodir. Tenho tido muita paciência e tambèm tomo Rivotril…mas parece que melhora apenas a minha ansiedade. Quem sabe um dia encontrem uma solução para esse problema.
KELLY, É ASSIM MESMO….NÃO SE DESESPERE POR QUE É PIOR…VOCÊ FICA MAIS TENSA E A PRESSÃO PIORA.
Todos sabemos que há momentos que o zumbido dimunui um pouco, portanto tire a atenção dele…
Não vamos morrer disso….nem enlouquecer…a menos que vc só pense nisso.
Fico feliz em dividir com todos vocês, parceiros deste transtorno…mas vamos em frente. Um abraço

É chato demais ter que ouvir zumbido, quando o bom seria somente “ouvir estrelas”

Há cerca de um mês comecei a sentir uma tontura estranha que me deixou nervoso e com palpitação e sudorese. Depois deste dia esporadicamente a mesma voltava de forma mais suave tendo deixado permanentemente um zumbido no meu ouvido esquerdo.
Após ir ao otorrino e fazer exames para o labirinto , o mesmo detectou uma excitação no labirinto do ouvido esquerdo , tendo receitado Dramin B6 para aliviar as tonturas e Vertix para as vertigens.
Após tomar Vertix durante 3 dias , fui obrigado a parar pois estavam voltando alguns sintomas de depressão que tive no passado , tendo o mesmo médico cancelado o Vertix e receitado o Tebonim 120.
Uma coisa que chamou minha atenção é que já tive problemas neste ouvido esquerdo , pois sofri duas otites médias de alta intensidade , tendo a última ocorrido há poucos anos , e antes de surgir o zumbido percebi que o ouvido esquerdo começou a apresentar uma secreção com leve cheiro e com uma cera amarelada , pois antes quando cutucava os dois ouvidos a secreção natural de ambos eram sem qualquer odor e sem coloração.
Com o Dramin as tonturas reduziram , mas permanece o incômodo do zumbido e uma leve pressão no ouvido esquerdo , como se ele tivesse meio obstruído.

Ola pessoal. Há 1 mes mais ou menos notei que tinha esse zumbido no ouvido. Fui ao otorrino e estava tudo em ordem. Pediu-me para fazer junto ao dentista uma placa de descanso noturno, não melhorou em nada. Procurei um neuro e me receituou um tal de amitriptilina, que causa dependencia conforme consultei. Estou tomando a 5 dias e vou parar se não melhorar. Estou pensando em trocar de médico neuro se não houver melhora. Tenho somente 36 anos e acho mto cedo para esses tipos de problemas, sempre tive uma vida saudável e me cuidei. Acredito que não tenha encontrado o remédio certo ainda. Abraços á todos.

Tenho este zumbido no Ouvido a +- 15 anos e hoje eu esta chateado perguntando a Deus porque eu ja pedi tanto e ele ainda não me curou pois a ciencia nao cura, e navegando na Internet achei este Site, que fez eu me sentir melhor, para mim que sou evangélico ja foi um resposta do Senhor, obrigado a todos.

Tenho 64 anos e acho que desde criança tenho zumbido que, no início, era demasiadamente discreto para causar maiores preocupações ou sequer merecer qualquer comentário. O problema me parecia insignificante e de fato nunca foi uma prioridade pensar no fato seriamente. Porém, a cerca de dez, quinze anos ou mais, a sensação foi se tornando gradativamente mais presente e o som que me acompanha pela vida a fora na forma de um chiado contínuo tornou-se tão presente que decidi não exatamente ignora-lo mas, considera-lo uma espécie de radiação de fundo, agora tão persistente que, se um dia ela desaparecer, vou pensar que algo dentro de mim morreu e essa espécie de silêncio já não me interesa em absoluto. Sugiro a todos que padecem desse mesmo desconforto que façam o mesmo, passando a considera-lo apenas como uma espécie de radioestesia, um ruído que o velho cérebro emite enquanto processa bilhões de informações em seu trabalho cotidiano, afinal ele tem sob sua responsabilidade a máquina mais apurada que a natureza magnifica ousou colocar em funcionamento em todos os tempos, uma máquina que se recria sem descanso.
Num futuro distante, quando o homem alcançar a cura de todos os males, olhará com saudade para esses tempos de perplexidade, sentindo até inveja desses velhos pioneiros.

Tenho zumbido no ouvido parecido com o canto de muitas cigarras.
Há muitos anos o ortodentista me disse que é por causa de meu poblema na ATM (oclusão, mordida profunda e cruzada)e eu só o percebia à noite, quando ficava tudo em silêncio. Há algum tempo começou a me incomodar também de dia, a qualquer hora. Às vezes parece insuportável, mas graças a Deus tenho conseguido ignorar.
Estou buscando ajuda, mas até o momento não consegui nada, me parece que no Brasil esse assunto ainda é pouco conhecido.
Existe um site sobre o assunto até interessante, sugiro que o visitem: http://www.zumbido.org.br

Tenho 43 anos e sempre tive ótima saúde. Há pouco mais de um ano, depois de um grande desgaste físico e mental e uma forte gripe senti tonturas, um pouco de dor de ouvido e apareceu um chiado no ouvido. A gripe passou, as vertigens foram se reduzindo mas ficou o chiado. Procurei um otorrino que pediu exames de sangue (curva de glicemia).Disse que o que eu descrevi (mudança de cidade, gripe, concursos) já seriam suficientes para as vertigens, mas me passou um regime alegando que eu era intolerante à glicose. Tentei seguir a risca a dieta, eliminar doces, massas e até reduzi um pouco o café, mas o chiado não se altera. Como tenho problemas de articulação (ATM), questionei se essa poderia ser a causa mas ele descartou, então, como não me convenci, procurei especialistas na faculdade odontologia. Ao mencionar o chiado eles disseram “algumas pessoas têm até tonturas” por causa da ATM. Deram-me “alguma” esperança de melhora. O mesmo otorrino também descartou síndrome de Ménière, um problema que minha irmã tem e, possivelmente pela demora em diagnosticar (apesar dela ter procurado tratamento), perdeu a audição de um ouvido com pouco mais de 30 anos de idade. Bom, diante disso, procuro uma orientação para não ficar andando em círculos, vivendo mal e piorando desnecessariamente por diagnósticos equivocados.
Ressalto que no silêncio o chiado irrita e eu sempre gostei de “ouvir o silêncio”, por isso não funciona a sugestão de ouvir algo antes de dormir e meu sono fica prejudicado (demoro a dormir e quando acordo o chiado incomoda muito para retomar o sono). Não devemos desistir, mas é preciso lembrar que o que não tem remédio, remediado está. Por um lado cobramos da ciência, mas é preciso lembrar que vivemos hoje de forma diferente de outros anos (computador, digitação…) e nossos sintomas podem ser “novos”. No meu caso, continuo apostando na ligação com a articulação mandibular (ATM) já mencionada pelo Kleber.

Olá colegas de infortúnio! Há 36 anos sofro com o zumbido. A sintomatologia foi se alternando: batidas de asas de inseto; estouros de chiclet balão; batidas do coração etc,etc.Atualmente é só um chiado, dia e noite.Já fiz vários tratamentos, todos em vão.Fiquei estupefata em saber que existem mais de 200 causas.Sendo assim, fica difícil diagnosticar. Atualmente, por ter se agravado,pois tenho dificuldade em manter o equilíbrio, tomo stugeron e rivotril. Não tenho mais esperanças de curar. O jeito é aprender a conviver com o zumbido,ou tinido, ou ruído,ou….

Olá a todos,que possam estar melhores do que eu! bom fiquei consolado em saber que são milhares de pessoas que sofrem deste mal,mais ao mesmo tempo triste,porque meu médico falou que tenho que conviver com este problema, é chato de mais gente! ele disse que deveria dormir com som ligado,aí eu disse minha mulher vai me expulsar do quarto,é complicado; estou em um estágio que não posso ouvir alguns sons em casa como: o barulho de lavar louça,talheres em contato com o prato,o fechar de porta etc.. eu pensei que estava ficando tantan,e que estava já precisando passsar em um neurologista? bom o tratamento é super caro com remédios gostaria de saber de vcs se com medicamentos obtiveram algun resultado positivo.olha que Deus nos ajude pq tá difícil.abraços á todos.

Olá a todos!

Tenho 33 anos e desde o início de Junho de 2008 que sinto o tal apito no ouvido direito. Já fui ao médico e ele disse que era algo muito dificil de diagnosticar.
Quando estou ocupado não me apercebo muito bem da sua presença mas no silêncio fica muito incomodativo.
Os meus triglicéridos estão altos. Vou fazer dieta e exercício e depois se verá se a causa é essa.
Um abraço a todos os chiantes do Universo!

Olá pessoal!!!

Alguém pode me dizer se colocando aparelho auditivo o zumbido melhora, pois eu tive no otorrino e ele indicou aparelho??!!??

Tenho zumbido a aproximadamente vinte anos. Já consultei com diversos especialista e nada´de solução. Creio que a medicina joga muito nessa questão.

olá malta do Brasil! q saudaade… só de ler estes depoimentos já sinto me melhor! estou com zumbido a tres semsnas e isto está a incomodar me muito… minha médica é uma maluca q passou me um tanto de medicamentos q ñ resolveu nada… mas tenho certeza q vou melhorar. Deus Pai é fiel. Jesus abençoe a todos. bjs – Elieide – Portugal

Ola amigos zumbideiros,

tenho 47 anos, e tambem sou portador dessa droga de zumbido, sofro desse mal desde 1984 quando entrei no exercito, ai começou a tortura, quando realizavamos treinamento de tiro de fuzil, e quando o colega ao lado disparava o tiro, aquele back entrou no meu ouvido e não saiu mais, já consultei varios especialistas mas nunca tive exito, já na epoca quando consultei pela primeira vez o meu médico já falou que isso não existia cura, ai estou convivendo com isso até hoje, tomo calmante natural 02X ao dia para manter sob controle.
Discordo dos colegas acima referente ao consumo de chocolate, alcool, gorduras pois nunca fiz dieta nesses anos todos lavando uma vida normal e nunca tive problema baseado nisso, e sim tenho uma vida muito agitada, trabalho com vendas, muito stressante, e ainda faço faculdade a noite, talves isso tem me prejudicado e aumentado um pouco mais o zumbido principalmente do ouvido esquerdo o que esta me incomodando muito, quanto ao sono nunca tive problema para dormir, na hora que vou deitar durmo em segundos.
Quanto a medicina esta muito atrasada axo que pelo avanço da tecnologia já deveriamos ter a solução deste problema que afeta milhões de pessoas. Conto com voces profissionais da medicina para que achem a solução o mais rápido possivel, e nos ajudem a nos livrarmos desse maldito zumbido.

Aki fica um abraço de mais um zumbideiro.

TENHO ESTA PORCARIA DE ZUMBIDO A PELO MENOS 20 ANOS,MÁS DESDE QUE EU TIVE LABIRINTITE ( 2 ATAQUES COM TUDO QUE TEM DIREITO)ESTA PORCARIA SÓ PIOROU,NÃO PODEMOS FICAR NERVOSO E PROCURA ESQUECER DELE(ZUMBIDO)

Adquiri o livro “Quem disse que zumbido não tem cura” da Dra. Tanit Ganz Sanchez, criadora do GAPZ (Grupo de apoio a pessoas com zumbido) e achei muito interessante, porque traz esclarecimentos e orientações muito importantes a respeito desse problema que eu pensava ser raro, mas que atinge em torno de 28 milhões de brasileiro, segundo dados do livro. A obra toda é um incentivo aos portadores de zumbido para que procurem ajuda e o tratamento correto, dando esperanças de melhoria e até cura desse mal. Vou tentar encontrar em minha cidade algum profissional que possa me ajudar e espero, num futuro próximo, poder trazer boas notícias a todos vocês. Saúde a todos.

bom achei um otimo artigo pois começei a sofrer desse zumbido a quatro dias e fui ao medico e ele disse que umas da causa poderia ser por eu andar muito de moto com a viserira aberta pode ter provocado o zumbido,e terriveu pois minha esposa nao consegue dormi e nei eu e constate,meu medico passou uns remedios para mim ele esta achado que possivel mente pode ser uma arlegia estou torcedo que sim e passe logo esse zumbido como se fosse como um televisao ligando esse e o zumbido que eu ouso

O NEGÓCIO É VER O ÇADO BOM DA COISA…..O ZUMBIDO QUE NEM NAQUELE PROPAGANDA DA ABELHA QUE VIVE DENTRO DO OUVIDO DO CARA E ELE ACHA QUE VAI FICAR LOUCO…MAS COM O TEMPO ACOSTUMA E ACABA ATÉ CUIDANDO BEM DA ZUMBIDEIRA….IMAGINA UMA ABELHA STRESSADA DENTRO DO OUVIDO POR 4 ANOS!! HEHEHE FÉ EM DEUS QUE DIAS MELHORES VIRÃO!!

tenho 25 anos estou com zumbido no ouvido esquerdo e perca de audição isso esta me irritando cada dia o zzumbido esta maior a otorrina passou o medicamento labirn 16 não esta resolvendo não sei oque fazer estou batalhando para uma melhora obrigado.

Aproximadamente 01 (mês) estou com zumbido no ouvido, a impressão que tenho é uma cachoeira nos ouvidos, é horrível!Preciso urgente saber algum medicamento para não sofrer mais deste mal, se alguém souber de algum medicamento me informe por favor, isso está me levando a loucura! Tomava rivotril pela manhã e a noite e sertralina 02 (duas) vezes ao dia, pois sofria de sindrome do toque, não sofro deste mal mais, mas agora sofro do zumbido do ouvido que eu acho 1000 vezes pior. Por favor me ajude! Obrigado. Um abraço.

Olá pessoal, sou uma zumbideira recente, começei a ouvir o zumbido junto com uma crise de labirintite, procurei um otorrino,fiz audiometria e descobri que estou perdendo a audição do ouvido direito o que eu sinto o zumbido,estou tomando medicamentos, mas como sempre gostei de silêncio a minha vida virou um caos, tenho tido pronblemas para conciliar o sono, encomendei o livro quem disse que zumbido não tem cura, e começei a buscar informações até encontrar este site, li todos os comentários e espero em Deus que isto tenha cura.

Olá pessoal!
Sou mais uma sofredora do zumbido, começou a pouco tempo mas me incomoda muito,estou tratando e consegui acordar um dia sem zumbido, mas depois ele voltou, espero poder resolver o meu problema.

beijos

Oi pessoal.
Tenho 43 anos e sempre tive alguns zumbidos suportáveis.
Sou da geração que houviu muito rock and roll no último volume e acho que isso é o responsável pelos pequenos chiados que ouço. Quando adolescente, ía em shows de rock e voltava para casa com um zumbido bem alto que ía aliviando com o passar dos dias. Fazendo esse comentário agora vejo como fui irresponsável na juventude. Protejam seus filhos disso!

Também gostava muito de dançar em casas noturnas com som alto e notava o mesmo zumbido depois. Ele sempre passava em um ou dois dias.

Para evitá-lo, passei a fazer algo que era a piada da turma: colocava discretos chumaços de guardanapo molhado nos ouvidos, lacrando-os, e isso evitava que o zumbido aparecesse. Eu dançava em paz e podia dormir sossegado. Meus amigos riam na hora, mas eu ria depois pq o zumbido já conhecido não aparecia.

Há uns 20 dias comecei a notar um zumbido mais forte e alto. Parece que ele é mais forte do lado esquerdo, mas também o escuto do lado direito. Fui ao otorrino que me fez exames de audiometria e impedanciometria e foi constatado que tenho excelente audição no ouvido direito(acima da média)e normal(dentro da média)no esquerdo. Não tenho perda significativa de audição no esquerdo.

Tem mais uma coisa que gostaria de relatar: notei que esse zumbido maior PODE ESTAR relacionado ao levantamento de pesos que tenho feito em casa. Talvez isso esteja pressionando alguma terminação nervosa ou algo assim, porque preciso fazer muita força, contraindo a musculatura da nuca também. Notei o aumento do novo zumbido claramente enquanto fazia o exercício e parei imediatamente.

Outra constatação: gosto de ler na cama, colocando travesseiros nas costas, encostado na cabeceira. Essa postura me deixa curvado, pressionando a nuca, e notei que isso parece aumentar o volume do zumbido. Sei que não é pelo silêncio que me faz ouvi-lo mais alto. Ele aumenta mesmo. Começa bem baixinho e chega uma hora que fica bem mais alto. Alguém já passou por isso?

Foi muito importante ler os comentários de todos vocês. Concluí, lendo o que escreveram, que a medicina está longe da cura, que os médicos receitam remédios e tratamentos diferentes e ineficazes e que cada um de nós deve tentar encontrar a melhor maneira de conviver com o seu zumbido. Seja eliminando um ou outro alimento (um por vez, assim como o pessoal que tem alergia faz em sua dieta até encontrar o alimento que causa a alergia); seja evitando barulhos; seja controlando o estresse ou, como eu, metendo bolas de guardanapo molhado nos ouvidos. Risos.

Acho que meu caso é bem recente e ainda vou ficar observando se surgem outros sintomas que podem ser sinais de tumor ou outra doença onde o zumbido faça parte, mas se tudo isso for descartado, não pretendo fazer essa romaria de médicos e especialistas. Pelo que voces relataram, não há remédio. Meu zumbido novo é alto e o escuto forte quando estou deitado, no silêncio da noite, mas vou aprender a conviver com esse barulho. Desejo boa sorte para todos.

se vocês acham que tem problema, estão ENGANADOS !!! Problema tenho eu que com todo este ZUMBIDO no ouvido, sou OBRIGADA A TENTAR USAR PROTETOR DE OUVIDO para TENTAR conseguir DORMIR… Tudo começou pora causa de uma MERDA de vizinho que mudou para perto de minha casa… eles BATEM AS PORTAS QUANDO BRIGAM, DÃO MURROS NA PAREDE, E O BEBE GRITA QUE NEM LOUCO… JÁ NÃO AGUENTO MAIS ESTE POVO !!! E agora então, que meu ZUMBIDO SÓ PIOROU, como fazer para CONSEGUIR USAR O TAL DO PROTETOR DE OUVIDO??? Estou entre duas decisões, uma PIOR que a outra: SE COLOCAR O PROTETOR DE OUVIDO, NÃO ACORDO COM O BARULHO DESTE POVO CHATO…Mas o zumbido AUMENTA TERRIVELMENTE NO SILÊNCIO….Ou durmo SEM PROTETOR (o zumbido fica melhor, mais baixo) mas acordo QUASE PULANDO DA CAMA COM O BARULHO QUE ELES FAZEM TODA MANHÃ…
O QUE VOCES SUGEREM QUE EU FAÇA ????

e horrivel ouvir este zumbido,e tamben nao ouvir nos dias que voce esta agitada o zumbido almenta,voce perde a paciencia.

tenho sumbido nos dois ouvido desde criança , o meu parece gritos de morcegos misturado com cachoeira, batidas do meu coração, se tapo os ovidos os sumbidos parece que aumentam os medicos só dão remedios para má circulação, pressão alta , calmantes, nunca vi melhoras agora vou procurar um neurologista e até acumpultura tenho 47 anos sou evangélico e óro todo dia para aparecer um remedio abençoado para espulssar esse demonio que nos atormenta dia e noite , vamos todos nós sumbidiarios fazer uma corrente de oração pra Deus abençoar nossos ouvidos isto não é defeito de fabrica não, que Deus nos abençoe. amem.

Caros amigos,no sofrimento
Saudações
Recebi este site de meu filho que há nove meses passou ter ZUMBIDO no ouvido direito que reflete no meio da cabeça. Já fez tratamento e nada!E fica desesperado!…
Por que meu filho me enviou este site tão precioso? Porque eu sofro de zumbido no ouvido há TRINTA E UM ANOS !!!…Eu tinha TRINTA E NOVE ANOS precisamente em junho de 1977. Considero, que nesta época era relativamente moça, nunca fumei, nunca bebi bebida de álcool, não tinha strees,etc. fiquei apavorada, procurei um otorrino mas, depois que recebi de uma professora colega de serviço que este mal não TEM CURA, pois ela tinha na época um primo formado na área de doenças de ouvido vindo dum curso especialização na Alemanha e depois de muitos exames feitos nela, este médico deu-lhe este conselho: ” TOME ESTE ZUMBIDO COMO AMIGO, pois não Há cura para ISTO!… Conscientizei-me do que me tinha acontecido e passei a ter este ZUMBIDO “COMO AMIGO”!!! E sempre ofereço este zumbido a Deus pelos meus filhos… Em 1979, uma colega de serviço levou-me um artigo sobre zumbido no ouvido para eu ler, constava que no presente ano existia um milhão de pessoas, no Brasil que sofriam deste mal, hoje, são 28 milhões conforme relata este site. Então, em média a cada ano aumenta um milhão de pessoas desse mal! O que faz a medicina? NADA! E os médicos otorrinos, estão perdendo de ficarem mais RICOS! Esta é minha opinião!!!…Obrigada por ler meu depoimento em 15 de setembro de 2008. Cidade do Rio Grande-Rio Grande do Sul. Gostaria de receber email da revista VIGOR. Obrigada sobre os relatos expedidos.

Bom, já tive este problema ha algum tempo atrás, parece que havia desaparecido, ou talvez é porque não estava tão preocupado com este zumbido. Agora voltou pra valer, principalmente no ouvido direito.
Procurei um médico que me passou Labirim alegando que estava com labirintite, sem pedir nenhum exame para constatar. achei estranho. Só que estou tomando a duas semanas e não resolveu nadica de nada.E agora fui consultar no google para ficar a par, causas, doenças, complicações. Enfim caí também neste site e estou aqui tbem comentando alguma coisa, só que depois que lí a metade dos comentários aqui existentes resolvi parar, pois acho que ficou pior do que estava antes, ou seja, depois de tantos comentários negativos ví que não tem solução, e agora colegas, vamos nessa de curtir este barulho, ou como disse alguem acima, ou aguenta, ou fica louco. Então é melhor aguentar, administrar o problema e pronto. Só que pelos comentários parece que o zumbido piora quando fico nervoso, estressado, quando a pressão fica ou pouco alta, ou seja já vi que são problemas que não são fáceis de resolver. Fico pensando quando ousso de médicos que não podemos ficar nervosos, estressados, que não podemos preocupar, mas a receita de como fazer isto acontecer ainda não consegui, pois quem não fica estressado, quem não fica nervoso, vcs não acham que é muito fácil falar e muito dificil fazer acontecer.
Um abraço a todos os zumbideiros.

Prezados amigos zumbideiros,

Tenho zumbido há 11 anos. É muito louco ter esse problema, pois ninguém sabe muito sobre ele e somente quem tem conhece bem o sofrimento que causa. De tudo que li acima, posso dizer sem medo de errar que concordo com o relato de Jorge Gonçalves. Já tentei de tudo, tomei todos os remédios mencionados acima e realmente melhorei quando resolvi compreender o zumbido como algo produzido pelo meu cérebro ou ouvido e que sempre estará presente em minha vida. E esse melhorei significa apenas que nada mudou, senão a maneira de encarar o zumbido. Quanto mais pensamos nele, mais ele ganha força, e nada se resolve. Precisamos ignorá-lo.

Amo a vida e não vou perder a alegria em viver por conta de um problema de saúde como o zumbido. Pior se estivesse em uma cadeira de rodas, com cancêr, enfartado etc.

O conselho que posso dar a todos é o seguinte: cuidem da saúde, caminhem e façam outro esporte que lhes deem prazer, tentem dormir bem, não ficar nervoso por pouca coisa, ter alegria em viver, prestar serviço solidário a pessoas doentes ao menos um dia por mês e evitar tudo que prejudique o zumbido, aumentando-o (e cada um já tem um mapeamento próprio).

Como todos sabem, tudo interfere no zumbido. Assim, quanto mais saúde, alegria em viver, bom sono etc., menor a chance de a situação atual piorar.

No mais é aguardar que a medicina um dia consiga resolver esse problema.

Um forte abraço a todos e que Deus os abençoem.

De vez em quando visito este site, movido mais pela curiosidade do que pela esperança de descobrir entre os relatos, o de algum felizardo que tenha se curado desse infortúnio, coisa que não acredito que possa acontecer dentro dos próximos duzentos ou quinhentos anos, posto que é um mal menor, cujo desdobramento máximo é a sensação de seu aumento paulatino sem relação com coisa alguma, apenas um aumento da percepção por parte da vítima, sendo apenas o sintoma de alguma coisa que nenhum especialista de ouvido sabe ainda, embora que não ouse confessá-lo.
Por outro lado, percebo que muitas pessoas já estão encarando a coisa mais pelo lado da comédia, mostrando-se involuntariamente como humoristas natos, relatando seus tropeços com as sumidades médicas que, ao lerem esses relatos, tratarão judiciosamente de esconder seus certificados que, para esse tipo de “enfermidade”, em nada lhes servem senão para enganar os neófitos que ainda não se deram conta de que muitos dentre eles certamente estarão sofrendo do mesmo mal, esperançosos até por encontrar, entre os pacientes que atendem, algum felizardo que tenha se livrado do problema por algum golpe de sorte, como alguma beberragem ancestral, já esquecida da farmacopéia indígena e que por certo deveria existir no passado pois era fundamental para a sobrevivência dos moradores da mata, para escaparem de serem degustados por algum felino mais esfomeado, possuir uma audição perfeita, sem as interferências que acontecem no ouvido de nossa pobre geração da era industrial.
Enquanto isso, vamos levando esse fardo com bom humor pois, qualquer assunto mais interessante, um livro, uma boa conversa, uma música ou até mesmo a vista de uma bela paisagem, nem que seja numa fotografia, apesar do silencio quebrado pela infame zumbideira, já basta para atenuar o incômodo do persistente intrometido.
Portanto, na área do zumbido, nada de novo no front, nem sequer promessas, apenas esperanças, e na beberragem indígena que minha fantasia criou.

adorei o comentário de Jorge Gonçalves!! Pois é, só rindo para a coisa não ficar ainda MAIS FEIA. Resolvi não ir em nenhum ESPECIALISTA seja de OUVIDO ou LARINGE para que ELE SOLUCIONE MEU PROBLEMA. Principalmente depois de ler este site. Então, com muitos pedidos à DEUS para que me guiasse pelos bons caminhos, resolvi POR CONTA PRÓPRIA E RISCO, começar a tomar o LABIRIN 16mg (3* ao dia). E POR INCRÍVEL QUE PAREÇA…COMIGO FUNCIONOU !!! Não digo CUROU… AMENIZOU MUITO O ZUMBIDO. Quase não o ouço quando, por exemplo, escrevo aqui, assisto TV, ou leio algo. Antes, nestas simples atitudes do dia a dia PARECIA QUE EU TINHA UMA PANELA DE PRESSÃO NO OUVIDO ESQUERDO. Sei que ele está aqui…mas bem baixinho. E QUE DELÍCIA A SENSAÇÃO NOVAMENTE DE FECHAR OS OLHOS E NÃO OUVIR NADA ALÉM DE SEUS PENSAMENTOS !!!! Nunca antes percebi como isto é DIVINO, embora sempre gostei muito de SILÊNCIO.Mas agora é muito mais APRECIADO, pois só quem sofre de zumbido CONSTANTE, sabe como seria delicioso se ele pudesse PARAR, nem que fosse por apenas 5 minutos. Por isso, escrevo aqui. Espero que mais alguém possa SENTIR novamente o prazer de ficar em silêncio… o mesmo silêncio de antes, quando colocávamos a cabeça no travesseiro, e facilmente pegávamos no sono ou quando apenas alguns pensamentos nos vinham a mente antes de adormecer.Não vejo nada de errado em indicar para vocês, pois o medicamento escolhido NÃO É CONTROLADO e eu escolhi o que achei ser o Médio (existe de 8mg e 24 mg)…não escolhi nem o muito fraco e nem o muito forte. Portanto, com cuidado, escolhi algo para tratar este meu zumbido e consegui um resultado BASTANTE SATISFATÓRIO, além de completar meu tratamento com exercícios de pescoço (girar o pescoço no sentido horário e anti-horário 10 vezes) e cabeça(baixar e levantar bem a cabeça e FORÇAR OS OLHOS para olhar BEM para cima e para baixo (10 vezes). Faço estes exercícios SENTADA, COM AS COSTAS RETAS E AS MÃOS NOS JOELHOS, BEM RELAXADA. Se mais alguém conseguir alguma melhora, ficaria MUITO FELIZ EM SABER. Me escrevam. Que DEUS nos abençoe, e assim como ELE me guiou e ALIVIOU BASTANTE o incômodo que o zumbido me causava, espero sinceramente que MUITOS possam também compartilhar deste MILAGRE. Quem diria que NÃO É ????

Lydia, fiquei muito feliz e ao mesmo tempo surpreso pelo fato de alguém ter encontrado uma solução para esse tipo de desconforto, mas saiba que é o primeiro depoimento neste site em que encontro o relato de uma espécie de cura, mesmo que relativa, como você mesma diz. Talvez não seja uma má idéia seguir sua sugestão e adquirir logo o produto embora deva confessar que não é bem uma questão de vida ou de morte erradicar de vez o onipresente ruído de gerador autógeno que, em verdade, já faz parte até de meu ambiente interno, talvez nem consiga raciocinar direito sem a costumeira orquestra a acompanhar minhas digressões.
Nem sequer receio caso não funcione comigo, sou muito pouco sugestionável e, se um dia afirmar que tal medicação representou uma melhora sensível, é porque ela é de fato eficiente.
Portanto, aqui fica meu agradecimento pela dica e desejos para que aos poucos, não só você mas o restante da humanidade, já desalentada pelo descaso da ciência com relação a essas moléstias de quinta prioridade, também possa usufruir do mesmo bem-estar.

Pois é queridos amigos, acho que virei usuária habitual deste site, pois gosto de escrever minhas desventuras com o tal ZUMBIDO, que para mim, ainda é um ESTRANHO. Mas vejo que para alguns, ja tornou-se o AMIGO MAIS SECRETO. Digo isso, porque o ZUMBIDO apesar de tudo é nosso AMIGO. Preferível ouvir este ZUMBIDO em nossa CABEÇA ou OUVIDO (Não sei ao certo), porque é NOSSO BARULHO PARTICULAR. Antes este BARULHO, do que o BARULHO INSUPORTÁVEL DESSE MEU VIZINHO. Imaginem vocês que estava eu sentada muito tranquilamente em meu quarto, na SANTA PAZ DO SENHOR, sem música ou TV ligados quando derrepente, não mais que derrepente, a MULHER DO LADO COMEÇOU A SOCAR A PAREDE !!! Quase caí da cadeira onde estava e minha cachorra começou a latir feito doida !!! Coitadinha dela…parecia que estva vendo um MONTE DE CAPETAS !!! Deus me LIVRE DESTA MALDIÇÃO !!! Por isso, afirmo a vocês: MELHOR O NOSSO ZUMBIDO do que ter que ENGOLIR ESTES CHATOS que moram do meu lado, cujas PERSONALIDADES EGOCÊNTRICAS se negam a viver pacificamente em sociedade. E se você reclamar, ELES É QUE CHAMAM A POLÍCIA !!! Qual será o problema desta mulher?? Já imaginaram essa DONA com um ZUMBIDO INFERNAL NA ORELHA ??? Pois eu até já roguei uma praga para ela !!!Portanto, só me resta AGRADECER À DEUS, pois estou me acostumando melhor com o PROTETOR DE OUVIDO que tem sido meu melhor SEGUNDO AMIGO, pois com o LABIRIN, melhorei muito e o zumbido está ficando CADA VEZ MAIS BAIXO. Espero um dia poder relatar à vocês que ele DESAPRECEU TOTALMENTE. Às vêzes penso se mereço este milagre !!! Gostaria muito que DEUS me concedesse isto, visto o ESFORÇO que ando fazendo para não BRIGAR TODO DIA COM ESTA PORCARIA DE VIZINHO que me acorda TODA MANHÃ com uma barulheira insuportável (nem o protetor de ouvido AGUENTA muitas vêzes, pois o barulho NÃO É NORMAL).Espero que este relato sirva de ALENTO aos mais DESESPERADOS, achando que este ZUMBIDO é a pior coisa que já lhe aconteceu. Pois eu digo que NÃO É NÃO !!! Que DEUS abenções a todos nós !!!

MEU ZUMBIDO COMEÇOU QDO TOMEI UMA ANESTECIA PARA TRATAR UM CANAL DE DENTE, A ANESTECIA PEGOU UMA VEIA ERRADA E FOI DIRETO PARA A CABEÇA.ACHEI QUE IA MORRER NA CADEIRA DO DENTISTA POR CAUSA DA DOR, ERA MUITO FORTE, EU GRITAVA, ACHANDO QUE MINHA CABEÇA IA ESTOURAR.DEPOIS DE 40 MINUTOS MAIS OU MENOS, A DOR DIMINUIU, FIQUEI COM DOR DE CABEÇA POR UM LONGO TEMPO.SÓ QUE PARTIR DESSE DIA NUNCA MAIS FIQUEI SEM O ZUMBIDO NA MINHA CABEÇA OU OUVIDO, NÃO DA PARA DISTINGUIR DA ONDE ELE VEM, QDO FICO NERVOSA, AUMENTA O BARULHO É HORRIVEL , ESTOU PROCURANDO UM TRATAMENTO, FIZ UMA RESSONACIA E AI FOI O PIOR MOMENTO,ESTAVA ATRAS DE DESCOBRIR UM ZUMBIDO NO OUVIDO DESCOBRI UM TUMOR NA PARTE DE TRAS DA CABEÇA, AGORA NÃO SEI O QUE TRATO PRIMEIRO, O ZUMBIDO, O TUMOR, ELE NÃO É MALIGNO, MAS ESTÁ NUM LUGAR MUITO DELICADO PARA OPERAR,ENTAO FICA O ALERTA, CUIDADO COM AS ANESTESIAS, ELAS PODEM PREJUDICAR E MUITO QDO SÃO DADAS ERRADAS ESPERO ME CURAR PORQUE É HORRIVEL ESTE BARULHO 24 HORAS EM NOSSA CABEÇA.

Olá!Tenho 16 anos e a 5 anos convivo com um zumbido chato no ouvido..mas soh ouço quando a silencio..e nem sei como explicar o zumbido,soh sei que é estranho, mas ja estou aprendendo a conviver com ele..espero que ele melhore..mas meu pior medo msm é ficar surda ou ele piorar,podendo se tornar insuportavel! :(

O negócio é o seguinte: esqueçamos desse tal de zumbido. O certo é que, enquanto temos o zumbido, temos consciência que estamos vivos e não estamos loucos. No começo fiquei um pouco preocupado, mas agora, não dou muita “bola”. Embora ele esteja sempre lá, tem dias que nem me lembro que tenho zumbido. O meu médico me disse que se eu quiser ficar de bem com o zumbido, o melhor a fazer, seria esquecê-lo. É o que estou fazendo. Estou vivendo relativamente bem.

Ola gente estou com voçês nessa…mais tem muita gente pior que a gente…vamos pensar assim que melhora

Pois é queridos amigos !! Posso dizer que estou muito FELIZ pois meu zumbido NÃO MAIS EXISTE nas horas normais do dia, como quando estou escrevendo aqui. Minha mente está tranquila, bem diferente de antes !! Por isso, continuo a afirmar que foi o LABIRIN que amenizou meu problema. Isto porque, como sou obrigada a USAR PROTETOR AUDITIVO, aí eu ouço um zumbido muito baixinho, quase imperceptível. Com o protetor, ouço MUITO MAIS FORTE um som que parece como se eu estivesse no mato, um som meio indecifrável. Mas o APITO que tinha antes, DESAPARECEU, ou abaixou de tal forma, que já não ouço mais. Antes, era possível ouvi-lo mesmo aqui, escrevendo para vocês.Portanto, este SOM que escuto quando estou de protetor, não é bem um zumbido. Antes ele não existia no silêncio da noite e agora, mesmo sem protetor, eu consigo ouvi-lo. É bem mais TOLERÁVEL que o APITO. E como consegui isto depois que passei a tomar LABIRIN, aconselho que vocês tentem também. Pois estou MUITO FELIZ AGORA. Mesmo com este som de MATO. Ele já não atrapalha meu sono. Faz parte de mim agora. Não sei se daqui a algum tempo, ele também irá desaparecer (como o antigo zumbido, este sim INTOLERÁVEL). Espero que vocês também tenham muita PACIÊNCIA, como eu, apesar de tudo.
No início, achamos que não dará certo. Para mim, só começou a fazer efeito após o QUINTO DIA. Mas acho que VALE A PENA TENTAR. Também não acreditava muito. E agora, VEJAM SÓ. E que DEUS abençõe TODOS NÓS e de alguma forma, NOS TORNE MAIS FORTES para aguentar este tão ESTRANHO sintoma, que de uma hora para outra, passa a fazer parte de nossa vida…E nem sabemos bem porque !!!!

Olá amigos, acabei de entrar neste site, pois há cerca de uma semana pasei a fazer parte dos zumbideiros”provisórios” claro, mas, a partir de agora, entro na corrente daqueles que acreditam que o Senhor Jesus poderá curá-los. agurdem a vitóra, pois, porem a DEUS nada é impossivel. bjs.

Foi de uma grande ajuda, pois minha mãe de 88 anos que mas ou menos 4 a 5 meses está com esse zumbido e eu sua filha não sei mas o que fazer… já levei ao médico especialista, mas acredito por ser uma idosa acham que é invensão da cabeça dela, então procurei ajuda na internet e entre outras encontrei vocês, espero ser informada de alguma atualidade sobe esse tão zumbido, e assim melhora a vida de minha mãe e outras pessoas. Fiquem com Deus.

Minha cara lydia fico feliz que seu problema tenha sido amenizado só tomando labirin. Infelizmente não posso dizer o mesmo, pois a pedido do meu otorrino, tomei duas caixas, desse remédio e não obtive resultado algum. Esse apito em meu cérebro, principalmente quando vou me deitar, às vezes realmente me deixa estressado. Pra variar tenho que fazer rpg uma vez por semana devido a uma lombalgia, e o médico me disse que acupuntura seria um método que ajudaria bastante a reduzir o famigerado zumbido. Tenho 43 anos e já até perdi a conta de quanto tempo já tenho esse troço.
Me solidarizo com todos. Luiz.

Ola pessoal , apesar de ter ha varios anos esse maldito zumbido , agora que resolvi procurar ajuda….mas ja vi que naum ta facil..fui ao um otorrino nessa semana , me pediu exames de sangue ( naum deu nada) , audiometria e disse que meu zumbido naum tem cura… alem da decepção e da grana que gastei com a consulta, que naum serviu pra nada, me deu um tal de vertix , que é horrivel, me deixou meio de zoeira , sonado irritado e o som parece que aumentou…..achei esse site , e lendo os dversos tipos de depoimento, percebi que realmente naum tem cura…e o melhor remedio é de vez em quando tomar uns porres ( ja fiz isso como se fosse um teste) …tomei tres caipirinhas e depois disso percebi que o zumbido desapareceu…falei ao medico e ele explicou que quando a bebeida alcoolica cai na corrente sanguinea, faz com que ocorra a dilatação das veias e gera o “relaxamento”…dando a sensação qde que desapereceu….mas o preço é caro, pq no dia seguinte alem da ressaca, o zumbido parece mais intenso….sinceramente , nos estamos numa bela encreca.

Acabei de consultar mais um otorrino. Ratificou aquilo que eu já sabia. O Zumbido, por enquanto, não tem cura. Entretanto, deu-me um alento. Talvez, daqui uns anos, teremos a cura para esse inconveniente barulho. Segundo ele, experimentos com células-tronco estão em andamento. Portanto, há esperança. Continuemos firme, aceitando esse barulhinho. Façamos-lo nosso amigo.

DESCOBRI ,QUE TENHO ESSE ZUMBIDO HORRIVEL, O MEU E FORTE,ALTO TEM UMA PRESSÃO MUITO FORTE NA MINHA CABEÇA,PARECE QUE ELA VAI EXPLODIR,HOJE FUI A NERO/PISIQUIATRA,ELE ME RECEITOU CLORIDRATO DE PAROXETINA DE 20MG/1 A NOITE,BROMASEPAN 3MG AO DEITAR,E LABIRIN 1 A NOITE TAMBEM,NAÕ SEISE VAI DAR CERTO,ESTOU MUITO ASSUSTADA COM TUDO ISSO,EM POUCO TEMPO PERDI QUASE TOTAL MINHA AUDIÇAÕ DIREITA,DEPOIS DE ENCONTRAR VOCêS,FIQUEI MAS DESANIMADA AINDA;ACHO QUE DEVEMOS NOS JUNTAR E GRITAR BEM ALTO PRO MUNDO ESTAMOS ESPERANDO UMA CURA,FAZER CAMPANHAS,SE PRECISO PEDIR PATROCINIO PARA ALERTA EM TV,FORMAR COMITES PEDINDO SOLUÇÃO PARA SAUDE ,POIS ESTAMOS VIVENDO UM CAOS,MAS SOMOS BASTANTE,VAMOS COBRAR UMA SOLUÇÃO DOS GOVERNANTES,SENÃO ELES QUE NOS APOSENTE,POIS NAÕ DORMIMOS DIREITO TEMOS UM DIA ESTRESSADISSMOS,COMO CONSEGUIR TRABALHAR DIREITO,JA QUE NAÕ TEM CURA ELES QUE SE RESPOSABILIZEM POR NOSSOS GANHA PAÕ.QUE COM SAUDE JA E DIFICIL, IMAGINA COM UM BARULHO DESSE.VAMOS A PERICIA E DIZEMOS SOFREMOS DE ZUMBIDO NO OUVIDO ISSO NOS PREJUDICA MUITO,E OS MEDICOS DIZEM QUE NAÕ TEM CURA,JA ESTOU PERDENDO A AUDIÇÃO,MAS PRECISO TRABALHAR E NAÕ CONSIGO,E CLARO QUE UMA DOENÇA QUE NAÕ TEM CURA,TEM QUE SE APOSENTAR,OU ENTAÕ ACHA RESULTADOS PAR NOSSO PROBLEMA.SAÕ MILHOES SOFRENDO DESSE MAL, SERA QUE O GOVERNO IA QUERER APOSENTAR TANTA GENTE, ACHO QUE IA FICAR MAIS BARATO ACHAR A CURA……..PEÇO QUE PENSE NISSO COM CARINHO,SE PRECISAR DE MIM ESTOR AQUI AMIGOS ME RESPONDAM……..ADRIANA CARMEZIN EM 08 DE OUTUBRO,2008@

pois é, queridos companheiros de zumbido, tenho um ALERTA muito importante para lhes fazer. Nós, portadores de zumbidos, JAMAIS poderemos nos aventurar à OUVIR SONS MUITO ALTOS sem nenhuma proteção AUDITIVA. Digo isso por EXPERIÊNCIA PRÓPRIA. Como meu zumbido havia melhorado muito, como havia dito anteriormente, num final de semana inventei de OUVIR MÚSICA como sempre gostei: BEM ALTA !!! Jamais pensei que o resultado fosse ser TÃO DRAMÁTICO. O zumbido que tinha BAIXADO MUITO SATISFATORIAMENTE com o labirin, AUMENTOU TERRIVELMENTE. Não acreditei no que tinha acontecido. Passei 2 semanas terríveis, pois já tinha me acostumado com o silêncio novamente. Ou seja, NUNCA MAIS VOU ME AVENTURAR A OUVIR MUSICA ALTA novamente, visto o ESTRAGO que causou. Só voltei a ficar melhor HOJE, depois do QUINTO DIA que voltei a tomar o LABIRIN. Graças à DEUS, pois pensei que TODA ALEGRIA que mostrei para vocês,IRIA DESAPARECER PARA SEMPRE. Foram 2 semanas TERRÍVEIS, pois meu zumbido estava tão baixinho, quase nem conseguia mais ouvi-lo. Depois desta TERRÍVEL AVENTURA, prometi a mim mesma não tornar a fazer TAL LOUCURA. É uma pena, pois adoro muitas músicas do meu tempo e agora estou com muito medo, mesmo com protetor auditivo, de ouvi-las, pois é tão trabalhoso curar este ZUMBIDO e de repente, ele voltar MAIS ALTO AINDA, é DESESPERADOR. Portanto, não AGRIDAM NUNCA MAIS seus ouvidos, seja numa festa, num cinema, num local muito agitado. Protejam-se de alguma forma, pois o resultado de uma exposição à altos RUÍDOS, pode prejudicar AINDA MAIS, o efeito já tão PERTURBADOR que o zumbido causa no cérebro ou no ouvido. Ninguém sabe ao certo. Só sei que o efeito é CATASTRÓFICO.Mas hoje, graças à DEUS estou bem melhor, graças a MUITA PACIÊNCIA e FÉ, que fizeram meu quadro REVERTER novamente. Espero que este ALERTA possa servir para TODOS AQUI. Tchau !!!

ola estou com vcs , pois tenho zumbidos no ouvido a 3 anos,nesse tres anos nunca mais tive uma noite de sono ,pretendo procurar a cura mas esta dificil.xau e estou com vcs meu amigos zumbideros

Olá, tenho tinido no ouvido há alguns anos. O meu se deu por causa de uma câncer na rinofaringe, que piorou o ouvido e com isso veio o barulho no ouvido. Eu sinto que quando a audição piora o tinido arruina(aumenta) junto. Gente vamos tentar seguir em frente…percebi que no meu caso exercícios físicos + um melhor estado da laringe diminuem o barulho.

e ai pessoal o meu zumbido ja ta com 7meses mais nao estou me importando com ele fui no especialista mais nao me disse nada nem esperanças so disse que tinha uma perda pequena,nao to tomando nenhum remedio gostaria de saber os efeitos colaterais dos remedios se engordam ou da muita fome ou sono etc.MAIS UMA COISA EU PERCEBI QUE NUMA CAMINHADA QUE EU FIZ DE +- 8KM O ZUMBIDO DIMINUI, VOU APOSTAR AS FICHAS EM EXERCICIOS ANTES DE TOMAR QUALQUER COISA, MELHORAS A TDS

Ola a todos. Passei a ter zumbido no ouvido e nao passei no otorrinolaringologista. Tenho medo de saber se, o que eu tenho, eh de certa forma mais grave do que eu imagino. Voces podem me dar um conselho? De como eu devo reagir nessas horas. O tratamento funciona?

Novo Hamburgo 15 de Outubro de 2008

Olá fiquei impressionada com a quantidade de pessoas com este problema, eu estou com zumbido nos ouvidos a 2 anos, mas começou bem baixinho, não dei bola, gora no último semestre aumentou de tal forma que não consigo nem dormir direito, preocupada, por que me afetou o sono, fui ao otorrino, antes nã tivesse ido. Constatou através de alguns exames, que aos meu 45 anos não deveria estar com esta perda de audição que tenho e vou ter que fazer mais alguns exames para ver o por que e a causa do zumbido e aí então se submter a algum tratamento. Não faça como eu. Vá logo procurar um otorrino para não ser tarde de mais. O zumbido é a doença do século.

Olás membros zumbideiros,
O meu problema é mais à noite, ao deitar, escuto o incômodo, mas Graças a Deus é somente à noite mesmo, durante o dia, com a presença de outros ruídos não me incomoda. Mas, tenho tonturas e para acabar de arrebentar tenho renite e um desvio de sépto nasal, o qual me incomoda muito, não sei se com o zumbido, stress etc, às vezes sinto falta de ar. Meu problema de zumbido foi diagnosticado pelo dentista como ATM, estou usando a noite a dentadura lá, mas ainda não obtive resultados. Eu tenho brixismo noturno, amanheço com fortes dores na cervival por causa da tensão do nervo e isso acarretou em zumbido etc…(ps. meu Otorrino nem mensionou isso, pesquisei na internet, disse à ele e procurei o dentista). Gente muita fé em DEUS, pensamento positivo em que iremos melhorar um dia e esse COM CERTEZA chegará. EU TENHO FÉ NISSO E TENHO DIVERSAS PROVAS EM MINHA VIDA QUE ESSE DIA CHEGARÁ!

Abraços a todos!

A minha vontade é de me matar. Ou de me internar em algum hospício. Não tenho mais vontade de fazer nada. Às vezes esse desgraçado desse zumbido diminui mas rapidinho volta. Tenho vontade de enfiar algo dentro do meu ouvido pra ver se passa. Tenho vontade de me matar já que viver desse jeito não vale a pena. Alguém por favor me ajude!

olá queridos, olha eu aqui de novo, conforme comentei anteriormente, estive com o tal zumbido durante mais ou menos uns vinte dias,depois que fiz uma ressonãncia magnética; após ler alguns comentários, orei ao senhor, procurei um otorrino na minha cidade, ele passou um remédio, que fiz em uma farmacia de manipulação, coloquei no ouvido esquerdo por 05 dias, no sexto dia, retornei ao cosultório, meu ouvido foi lavado e GRAÇAS AO MEU DEUS e ao médico, não estou mais com estes zumbidos insuportáveis; espero que vocês também consigam ficar livres dos seus zumbidos e peço ao senhor que o meu não volte. bjs a todos, oro por vocês.
há cerca de uns

Estou impressionado, sou jovem 27 anos, faço Yoga, corro, surfo porem sofro de zumbido a aproximadamente um mês, fui a um otorrino que confio muito pois é de minha familia, uma médica dedicada e super bem sucedida pela sua competência. Estou tomando rivotril, remédio que reprovo por suas várias contra indicações inclusive dependência. No momento estou em uma viagem internacional a trabalho e especialmente hoje o zumbido aumentou a um grau quase que insuportavel, Meu Deus help me kkkkkkkkk…
Estou no loby do Hotel lendo milhões de articos sobre e me interessei sobre opiniões confortantes de pessoas que sofrem deste mau terrivel e jamais imaginavel.
Agradeço pelas valiosas informações lidas e irei procurar segui-las para tentar solucionar junto a vários exames que farei ao retornar ao Brasil.
Obrigado a todos
Bernardo

ola,galera,eu moro em campina grande pb , tambem sofro desse zumbido xato ,axo q peguei em uma festa de sao joao aqui em campina ,quando estava na casa de um conhecido ,ele morto de bebado foi soltar um rojao(fogos de artificil),quando ele apontou para o céu ,ele colocou o lado errado e em vez dos cartucho subirem desceu e saiu disparando no meio do povo ,foi um desespero ,desde esse dia nunca mas me livrei desse zumbido xato,ja perdi dois emprego por comta do zumbido ,pois era em empresa privadae tinha q fazer teste de aldiometria,e como concequencia perdi um pouco da minha audiçao e nao pudi trabalhar por norma da empresa.hoje sou tecnico de enfermagem só fia meio xato para aferi P.A(pressao arterial)dos pacientes.mas graças a deus ja me acostumei com eese zumbido xato.fiquem com deus e vamos ter fé nele para nos sermos curados.

OI GENTE TOU VENDO TUDO ISTO QUE NOS PASSAMOS CON O SUNVIDO É MUITO RUIN EU SOFRO FAS 16 ANOS DISSO A CURA DO SUNVIDO SO POR DEUS SAVE POR QUE ACIENCIA POR ENCUANTO NADA FES POR NOS MAS DEUS FARA.

Talvez, realmente, o exercício físico possa amenizar o problema. Pude perceber uma melhora, sempre que faço alguma coisa nesse sentido. Todavia, minha esperança está na cura por meio de experimentos com células-tronco. É o que meu Otorrino me disse. Vou ter esperança. Acho que um dos segredos é fazer o sangue correr mais rapidamente pelas veias. Talvez aí, esteja o segredo. Colesterol alto, também prejudica. Tem lógica, o colesterol alto diminui a pressão do sangue. Talvez seja por aí.

Olá !!Eu tenho 22 anos e a 2 meses estou com um zumbido que parece com o som da tv quando esta chiando!!!!!!!! Escuto mas é o noite quando vou dormir e é horrível!!!Estou muito preocupada com isso, fui ao medico fiz os exames necessarios e ele disse que meu ouvido esta ótimo!!!!Mas o zumbido esta aqui!!!Tenho medo que isso possa me atrapalhar no futuro,pois,pretendo seguir carreira militar!!!!!Será que isso pode ser por causa do stress ou ansiedade????Sou uma pessoa bastante ansiosa!!!!!Ou por causo da Mandibula??? Tbm ouvir falar que tem haver !!!!!!

Oi pessoal. Como eu disse anteriormente, estou procurando ajuda pra me livrar do zumbido. Consultei-me com uma ortopedista facial a respeito do meu problema de ATM e depois de providenciar toda uma documentação a respeito ela disse que provavelmente meu zumbido é proveniente desse problema antigo que tenho (mordida profunda e cruzada), porque o osso da minha mandíbula se desgastou e fica muito próximo do ouvido(dois lados). A pedido da ortopedista, fiz tbm uma consulta com otorrino, fiz alguns exames e minha audição está perfeita, não é problema do ouvido, a médica otorrino tbm acha que deve ser a ATM. Fui orientada a colocar aparelho móvel nos dentes, sem previsão de quanto tempo teria que usar, o que resolveria o problema da ATM mas sem certeza se resolveria o zumbido. Como isso fica caro, pois além do aparelho tem a mensalidade, e no momento não tenho condições de arcar com esses gastos, adiei o tratamento, mas pretendo iniciar assim que possível. Portanto, para aqueles que têm problemas de ATM, sugiro que procurem um especialista pois a origem do zumbido pode estar aí. Sempre que tiver alguma novidade a respeito estarei reportando aqui. Quem sabe não resolvo o meu problema mas ajudo alguém a resolver o dele. Abraços.

Meu Zumbido começou depois de um gripe muito forte que tive…
ae não sei falar se foi por causa da gripe ou por causa dos remedios que tomei… como tive muita inflamação na garganta então tomei muito antiflamatorio… acho que pode ser isso…
qual seria o melhor tramento para essa causa…
se alguem comentar sobre isso podia me enviar por email tambem… abraços……..

Rosy Nunes, será que você pode dizer qual remédio foi manipulado, para que eu possa conversar com meu médico a respeito?
Eu estou quase ficando doida. Esse zumbido está atrapalhando minha vida. Estou stressada, sem paciencia e acabo discontando em quem não tem nada com isso.
Além de tudo dá uma vontade de ficar surda, acho que eu prefiro parar de ouvir do que ouvir essa mer…no meu ouvido o tempo inteiro.
Além de tudo, ainda tenho o inferno das cigarras em volta da minha casa, moro em um prédio que tem muitas árvores e as cigarras gritam o dia inteiro na frente e atrás do p´redio, já não aguento mais…

Olá

Tambem tenho zumbido

Estou a investigar, já fiz analise ao sangue um TAC e nada

Acho que estou com depressão, também tenho dores mosculares

O que devo tomar?

Menos zumbido para todos

Oi pessoal, sou mais uma a sentir este tal zumbido.Já fui ao otorrino fiz exames tomei remédios e nada. Vou trocar de médico e continuar crendo que o Senhor Jesus pode nos dá cura e Ele vai me curar pois eu não aceito esta enfermidade na minha vida. Que o Senhor derrame a cura na vida de vcs.

eu também tem sumbido mas naõ se desespero tem jente pior do nós um dia vai ter cura.vamos torser que deus vai arumar´soluçao para iso; 08 de novembro de 2008

Ola ouço isso a 4 meses tudo começou apos uma dor de garganta e uma ingua na garganta quando sarou a garganta veio o zumbido meu deus espero um dia naum ouvir isso + que Deus nos abençoe amem

Bom dia a todos, meu zumbido começou na madrugada de ontem 11/11/2008 para 12/11/2008, estou desorientado, pois, não estava acostumado com isso em meu corpo, mas tem fundamento os sintomas, como muito doce, tomo muito café, sou muito ansioso, e tinha brigado com minha esposa nesse dia, inclusive arranquei minha aliança de tanta raiva. pós isso fui trabalhar e voltei para casa a noite, quando acordei na noite achei que fosse um som externo, fui tomar banho e comecei a me desesperar, achei que eu iria caducar”ficar maluco”, acordei ela para dizer que não estava bem. Hoje dia seguinte, estou mais tranquilo e vou procurar um otorrino, não sei nem por onde começar, pois, nunca precisei de médico, estou com 34 anos e trabalhei com saúde por 2 anos e meio, agora não consigo pra mim de tão desorientado. Ainda bem que eu tenho Deus. meu consolador.
Volto aqui para dizer qual solução eu consegui pra mim.

Caramba, nunca pensei que tivesse tanta gente com o mesmo problema que eu.
É verdade sofro com esse troço tem mais de anos e o otorrino simplesmente me disse que eu teria que usar aparelho pra não ficar surda, Ele é um doido, pois tenho certeza que não tem nada a ver , pois o barulho que eu ouço, parece uma cigarra ou coisa parecida e realmente está dificultando a minha audição, coisa que deve ser tratado e curar isso.Já me mandaram fazer até lavagem no ouvido. E aqui estou eu, como muitos de voces,marquei mais um de vários otorrino e vamos ver o que esse vai me dizer.
A minha esperança é que eu fique boa , sem precisar usar aparelho no ouvido.

Ola pessoal, sou tec. de anatomia de uma faculdade, começou alguns zumbidos nos dois ouvidos, a cerca de 2 mesese e realmente é pertubante, de dia o zumbido mistura com o barulho do serviço, da faculdade, da rua em fim camuflando o zumbido, mas quando chega a noite ou silêncio o mundo pareçe que vai acabar para vcs e para mim.Deixando todos estressado, angustiado, a P.A. sobe, os ritimos cardiacos aumentam é complicado.
Mas irei em um quiropraxista e tambem consultar um ortodontista pois talves pode ser uma solução meus dentes não são “alinhados”,e minhas mordidas não estão corretas.
Quem sabe né? Boa sorte a todos

Meu ouvido direito está ruim de escuta de uns dias pra ca,parese intupido e agora está com esse zimbido 24 horas, fis uma limpeza mais ainda não melhoro..Já ta dano nos nervos por não melhora.

Pois eh pessoal, eu tambem sofro desse mal…tenho 23 anos e tenho o zumbido ha 2 anos, moro nos EUA,foi depois q cheguei aqui foi q comecou, e o mais triste , eh q fui ao medico e ela me disse q e normal e q tenho sensibilidade ao som(me deu vontade de bater nela)hehehe…Nao pode ser normal…uma coisa q te incomoda e te faz mal… ha uns 9 meses atras tenho sentido com mais intensidade, antes nao me incomodava, porem hoje tem me deixado doida…entao gostaria de saber o pq tenho isso? Medicos especialistas ajuda nos…PLEASE
Mas eu creio q eles e Jesus vao nos ajudar
Bjos a todos

Pinguei uma semana Cerumim e fis uma lavagem . O zumbido paro e voutei a escutar normal.

Bom dia povo do Zumbi…..do!!!!
Gostaria de tentar aliviar o desespero de vocês contando o que está acontecendo comigo!
Há dois dias atrás fui jantar e senti que não conseguia abrir totalmente a boca (total disfunção da ATM).Motivos????Fiz um tratamento dentário recentemente e com certeza a Doutora esqceu-se de fazer o controle da mordida correta, por causa dos desgates feitos.Desde esse episódio comecei a sentir um barulho como se tivesse uma cigarra dentro da minha cabeça.Então penso q todo esse sofrimento de vocês e que não passa de jeito nenhum, seja porque ao invés de procurar um otorrino, devessem procurar também um especialista de ATM (dentista especializados).Quem sabe isso possa ser a solução.Boa sorte a nós todos!

o q fazer se estou com labirentite e barulho nos ouvidos??

Olá!

Tenho 36 anos e zumbido há 2 anos. Quero dizer que meu zumbido apareceu depois de um forte stress em família, simplesmente acordei pela manhã sentindo um forte barulho no meu ouvido que parecia marteladas, até achei que vinha da janela do meu quarto, então sentei na cama e vi que não era, fiquei desesperada, com falta de ar e taquecardia, levantei rapídamente da cama e comecei andar pelo quarto e falar alto para ver se desaparecia, mas foi em vão. Então procurei um médico, fiz exames e soube que não tem cura. Depois desse zumbido sinto dificuldade em entender o que as pessoas falam e peço para repetirem vária vezes. Agora tento conviver com esse problema, mas tem dias que parece que vou ficar louca, principalmente quando vou dormir. Sinto que quando me estresso ou estou com algum problema, além do zumbido ainda ouço marteladas na cabeça.
Espero que a solução apareça logo.

Obrigada pelo desabafo e abraços.

Olá pessoal, sofro do zumbido a mais ou menos uns 10 anos, no início não comentava com ninguém, pois achava que iam pensar que eu estava louca. Hoje não suporto mais esse barulho, não consigo me concentrar nas leituras e tenho muita dificuldade para dormir. Peço a Deus que me dê forças pois tenho medo de enlouquecer.Vou procurar um médico com urgência e quem sabe voltar a ser uma pessoa normal.

Ola novamente pessoal do zumbido, bom fiz alguns exames não tenho labirintite, meu colesterol esta alto porem poderia estar ligado com o problema de tanto zumbido que eu tenho, bom enfim na verdade não descobriram nada.
Porem começei a fazer caminhadas de manhã, alongamentos, cortei tudo quanto era alimento com alto grau de colesterol, mudei minha dieta radicalmente, começei a tomar Ginko Biloba,a noite e não é que voltei a durmir legal, e o zumbido esta desapareçendo aos poucos, assim eu me sinto hoje depois de trinta dias com essas mundaças radicais, se eu melhorar bem mais ainda, eu aviso vcs pessoal não desanimem tudo tem uma saida.

Nossa, fiquei chocada com a quantidade de comentários a respeito do zumbido. Eu também passei a ter esse zumbido no ouvido esquerdo depois de ter excedido nas horas de trabalho. Entretanto, depois que comecei a tomar uma fórmula com gingobiloba, castanha da india e centella asiática me sinto bem melhor. Não tive mais tonturas e o zumbido já quase sumiu. Se alguém estiver interessado, passo a fórmula. Bjs

Ola pessoal,é realmente estou varios dias sem zumbidobom na verdade esta diminuindo bem e aos poucos,pessoal tome essa atitude pois não custa nada só força de vontade mesmo e não esqueça procure médicos na area para tirar duvidas atéde certos tipos de medicamentos,mas o que eu fiz estou felis tudo natural,apesar que no começo fiquei sem paciência, mas quando vc percebe a melhora, pareçeque vc não quer mais parar de praticar exercicios e largar de varios vicios,”natureba” para nosso corpo e muita paz pessoal.

Olá pessoal !!
Meu nome é Daniel tenho 28 anos e estou com este zumbido há 2 semanas depois que fui ao mar. Houve um momento onde a onda bateu em meu rosto próximo ao ouvido e fiquei com alguma qtde de água alojada e nao conseguia retirar por nada, não conseguia e entao qdo cheguei em casa depois de algumas horas tentei usar o cotonete e então agravou o quadro. Este Zumbido está aumentando cada dia, por enquanto consigo concentrar em outras coisas mas na hora de dormir é mais complicado pois o silêncio enfatiza o problema! Fui ao médico e expliquei tudo e ele me receitou um anti-biótico e pediu para buscar a um otorrino. Vou buscar essa ajuda mas acredito mais em DEUS no que no homem, espero em DEUS que todos nós possamos sair deste mal que atormenta!!

Senhores, ha uma semana comecei com este tal zubindo… alguem conhece algum medico bom aqui em Belo Horizonte que possa me ajudar??? aguardo contatos pelo e-mail ou por aqui mesmo. Fiz todos os exames e nao deu nada…. que barrulho chato????

meu e-mail: ildineyboca@hotmail.com

Sinto um zumbido no ouvido há muitos anos, graças a Deus é uma coisa súbita e passageira, o que eu faço é tampar os lóbulos das orelhas com os dedos, faço pressão e solto bruscamente. Faço isso umas duas a três vezes e o zumbido sempre desaparece. Espero ajudar algumas pessoas com este tipo de zumbido, já que na maioria dos comentários, o zumbido parece ter relação com outra coisa, no meu caso ocorre esporadicamente e é passageiro.

Acho maior maldade colocar culpa nos médicos…Com certeza essa é uma doença complexa! O médico que descobrir a fórmula, esse sim, irá ficar milionário e merece todo louvor.
Até o momemto mas não há falta de interesse e sim falta de sorte nossa que precisamos dessa cura.
Tenho 68 anos e passo meu dia normal.Faço tudo que posso, vou a praia,costuro,jogo meu baralho uma vez por semana, não sinto nada o dia todo.À noite, no silêncio de meu quarto aí vem ele: o zumbido! É baixinho como se fosse um ruidinho de aparelho de som,nada que me tire do sério.Para dormir melhor, ligo meu som ao lado da cama e durmo com músicas bem suaves e assim vou levando a vida há 7 mesesetemeses .Quando me sinto agitada tomo um calmante às vezes, pois não quero ficar dependente.
Esse problema de zumbido começou após uma labirintite.Tomei alguns remédios e como nao sou ligada nem guardei os nomes.
Fiz fiz tomografia do crânio,eletro-encefalograma e radiografia da coluna.Na radiografia da coluna, deu um problema na cervical.Acredito que aí esteja a causa.
Creio que com um pouco de minha “atenção” eu venha melhorar,pois não sou de esquentar.
Hoje fiquei calma, porque vi que o problema é comum.
Amei ver este site, pois ele nós dá uma luz…
Que o Bom Deus ilumine os médicos e seus esforços nos ajudem e os zumbidos sejam coisas do passado, como outras doenças hoje o são. Eu acredito na medicina!
Um FELIZ NATAL ,meus queridos.

Meu caso é estranho, quando tinha uns 18 anos pequeguei o carro do meu pai que tinha um amplificador tojo e sumi o volume ao ultimo para aparecer para a mulherada, pois naquele tempo não tinha muito carro e o do meu pai tinha um som magnfico. Me lembro que em uma musica de vocal feminino um grito e meu ouvido ficou apitando do lado esquerde. Fui ao medico e ele me passou um decongestionante e sumiu o apito. Depois dai pra frente, notei que qualque som alto que eu ouvia meu ouvido ficava fadigado, más voltava ao normal. Um passeio de moto na pista já fadigava meu ouvido esquerdo e apitava e depois voltava.
De uns 5 anos pra cá, pois estou com 36 anos, percebi que todo som um pouco alto fadigava meu ouvido e pior que desse tempo pra cá, começou da dar uns estalos, quando um chachorro late, quando alguem bate o pé forte, quando gritam ou batem palma perto de mim. Fica insuportavel qualquer barulho, faz estalos no ouvido, e eu tampar o ouvido e se eu falar, minha voz me incomoda, faz estalar tudo por dentro. Dá uma sensação d pressão e fecha e abre a audição na hora. Agora pra ajudar, depois de eu tomar muito cafe, porque eu sou muito nervoso, sou responsavel demais com minha empresa, fico as vezes sem dormir. Não estava muito ligado ao barulho no ouvido, digo os estalos, más depois que voltou a apitar, estou ficando paranoico. Sinto uma pequena pressão no ouvido para qualquer barulho com estalos e esse zumbido que não passa nunca muito alto.
Fui ao medico e ele pediu audiometria. só que ele só vai me atender pra ver o resultado daqui duas semanas, sendo medico pago. A moça que fez o teste disse que tive perda leve de audição, más que iria analizar o caso para passar na ficha para eu levar ao medico.

Minha pergunta, alguem tem esses estalos tambem, quando tem um som meio forte, tipo bater palmas perto de você, quando um cachorro late, quando alguem fala muito alto ou uma panela caindo ao chão algo assim???? Sinto como se minha aldição divesse ficado sensivel demais e qualquer barulho mexe com a pressão interna do ouvido só do lado esquerdo.

Ah!!! mais um detalhe, esse apito começou mesmo depois que tomei coca cola geleda de madrugada. Más nem o apito de aborrece, más é esse barulho e estalos que tenho com sons ambientes e essa pressão leve no ouvido. Tá me enloquecendo

O zumbido começou a 2horas, mas já estou preocupado. =/

A única coisa que posso aconselhar a respeito deste problema, por experiência própria, é que todos possam cansar bastante o cérebro com leituras, trabalhos monótonos e bem complicados que exijam BASTANTE ATENÇÃO do cérebro, para que ele fique bem cansado antes de dormir. Quando os olhos já estiverem FECHANDO de sono, é uma boa hora para você dormir.
Se o cérebro dorme descansado, facilmente você acordará durante à noite…e ai, para dormir, será bastante difícil. Portanto, evitar acordar à noite, é uma boa saída, pois com o barulho do ouvido, é difícil o cérebro se desligar dele e conseguir concentração para dormir novamente, principalmente se le estiver descansado… Mas se você estiver cansado, o sono voltará naturalmente, mesmo com toda a barulheira do ouvido. Eu faço isso toda noite, pois meu barulho parece panela de pressão e como preciso usar protetor de ouvido, à medida que o tempo passa, o barulho aumenta e fica ainda mais concentrado, por causa do protetor.Mas sabem, já estou quase me acostumando…pois com o protetor, o único ruído que ouço é a panela de pressão e estou aprendendo, pouco à pouco, a gostar dela. Espero que um dia, vocês também possam aprender a gostar deste ruído… por enquanto é a única solução…quanto mais detestarmos o ruido, mais ele nos incomodará.

Olá pessoal espero que todos estejam bem!! eu escrevi no dia 09/12 um comentario aqui e disse que iria buscar ajuda médica ao um otorrino e fui lá na última terça-feira!
Como um milagre o médico fez uma lavagem e retirou com uma ferramenta dele uma pedrinha que foi formada pela agua do mar suja, sal e juntamente com a cera empurrada pelo cotonete que usei. Esses ingredientes do mal petrificou em 2 semanas no meu ouvido esquerdo e provocou o zumbido e perca da audição em 40%.Mas a lavagem foi um sucesso, precisei de fazer umas 5 vezes naquele momento mas foi um milagre voltar a ouvir tudo perfeito e sem aquele maldito zumbido!! Procure ao um otorrino e peça a lavagem, quem sabe melhora!? este é o meu desejo para todos aqui!! Obrigado! Daniel

Sou + 1 com a tal cigarra cantando 16 hrs, meu caso deve ser a preçao alta que a e 10 por 14, tenho que parar de soltar fumaça e com o dinheiro que dou para o cigarro,pago os novos pedagios nas rodovias que estão por vir esse ano de 2009

Tenho zumbido a 12 anos no meu caso, estava com um amigo conversando em um corredor dentro da fábrica onde trabalhava quando um infeliz bateu em uma placa de metal com um martelo.O som foi enorme e daí nos dois temos zumbido até hoje.Tento conviver com ele mas nâo é fácil………

Olá a todos
Eu tb tive esses sintomas há uns 5 anos atrás e melhorei.
O melhor a fazer é não dar importancia que ele vai passando e some em quase sua totaliddade. O stress é o pior vilão, segundo meu ponto de vista.
Certa vez, estava viajando e percebi que ele tinha ido embora. Acabei descobrindo que o som do frigobar, no quarto tinha sido meu melhor terapeuta rsrs fui nas casas bahia e comprei um em prestações.Parece doido isso né ? mas ajudou muito… Acho que em pouco tempo todos serão curados rapidamente, não percam as esperanças.

Olá compartilhantes deste famigerado zumbido. Tenho este mega problema há 05 anos e desde então a minha qualidade de vida priorou. Sou policial civil há 10 anos e sempre gostei de praticar tiro mas com os protetores. O zumbido começou aos poucos, quando ainda era jovem e o som ser semelhante a pernilongos. Durante esta epoca eu me levantava a noite e ficava a procura destes insetos e costumava achar alguns. Acontece que meu irmão insistia que não estava ouvindo o som dos pernilongos. Como o barulho era bem baixo, eu não me importava muito e ele tampouco me prejudicava, sendo que era perceptivel apenas em ambiente com total silêncio. Certo dia fui até a cidade de Mariana/MG, interior de Minas e ja durante o trajeto meus ouvidos tamparam. As pessoas que comigo viajavam relataram que era comum isto acontecer durante a viagem em razão da mudança do clima, altitude etc., e que o mesmo acontecera com elas na ocosião. Nesta cidade, durante a noite, fui a praça principal onde estava acontecendo um evento, com musica alta e ainda, vários carros com o som ligado em volume máximo. Recordo-me de ter ingerido bastante coca cola e que na ocasião fazia um frio insuportaval. Daí começou de vez este zumbido atormentador que me acompanha até hoje, passados mais de cinco anos. Logo a retornar da viagem, procurei um especialista (otorrinolaringolista) que me recomendou vários exames (audiometria, TAC,) lavagem do ouvido etc. De posse dos resultados, ele me disse que apresentava pequena perda de audição no ouvido direito (o do zumbido) e que não conseguiu deparar com o problema. Relatou também que provavelmente celulas do meu ouvido foram mortas em razão do som alto e que elas não se regeneram, ministrando para o tratamento Ginkgobiloba, que passei a usar por anos, sem contudo, apresentar melhoras. Por trabalhar eum uma profissão bastante desgastante e estressante, nos ultimos anos tenho sofrido mais com este zumbido enlouquecedor, que esta fazendo com que eu imagine várias coisas ruins, dentre elas a mais inocente é ficar surdo do que escutar este maldito tinido. Me tornei uma pessoa muito grosseira com meus familiares, que só não brigam comigo porque sabem do problema que estou passando, mesmo que isto não justifique qualquer grosseria. No meu seriço, tenho sido bastante forte para me estressar com os colegas de trabalho que certamente não compreenderão o meu problema. Sempre faço exercicios fisicos (caminhada, corrida, bicicleta etc) para melhorar a minha qualidade de vida e principalmente, ficar exausto e assim deitar na cama já dormindo e orar para não acordar durante a noite com algum telefonema urgente, cachorro do vizinho latindo, bandido dando tiro na vizinhança, filho chorando e etc.
Passei o natal todo longe das pessoas pois não estava suportando ouvir conversas. Meu filho fez aniversário no dia 26, logo após o natal e eu estava louco para que o parabens fosse cantado logo e o pessoal todo se mandassem, principalmente os meninos que promoviam bagunça, gritando.
Meus amigos conversavam comigo e eu não conseguia prestar atenção. Não consigo mais estudar, conversar com minha esposa quando a gente volta do trabalho. Tenho me irritado facilmente com meu filho que acabou de completar dois aninhos. Minha esposa sabe que a razão deste meu strees é este zumbido. Nos últimos dias, tenho chorado bastante, principalmente á noite que pra mim é insuportavável.
No início do ano, farei novamente visita ao médido e espero que ele possa me ajudar. Certamente ele pedira os exames novamente. tomara que consiga me livrar deste zumbido maldito. GOSTEI muito deste espaço, e dividirei com vocês se conseguir alcançar algo que possa nos auxiliar.
No mais, fique com Deus.

Iniciar o ano de 2009 com este assunto (sem solução) é de nos deixar desapontados. Contudo, sou mais um portador desse zumbido há 9 anos. Tal e qual a dezenas dos que se manifestaram não encontrei uma solução. Entendo que remédios por conta própria são desaconselháveis, mas pude notar que algumas pessoas conseguiram algum resultado com “Rivotril, Vertigium e Gincko Biloba”. Será que esses podem mostrar uma saída? Pouco se fala em remédios. Os médicos e clínicas fazem questão de discorrer sobre as causas. Penso que elas pouco nos importam, queremos uma saída e ela não está vindo da medicina. Que providência podemos seguir? Me parece bem oportuno comentar a atual crise mundial, que stá consumindo bilhões de dólares para coisa nenhuma e milhões de pessoas necessitando de cura (aids, cancer, etc) que esses dinheiros poderiam trazer (desculpem, este é somente um desabafo). Como voces, estarei esperando uma luz que nos livre desse mal.
Desejo a todos bom ânimo e quem sabe em 2009 teremos algum resultado.

Iniciar o ano de 2009 com este assunto (sem solução) é de nos deixar desapontados. Contudo, sou mais um portador desse zumbido há 9 anos. Tal e qual a dezenas dos que se manifestaram não encontrei uma solução. Entendo que remédios por conta própria são desaconselháveis, mas pude notar que algumas pessoas conseguiram algum resultado com “Rivotril, Vertigium e Gincko Biloba”. Será que esses podem mostrar uma saída? Pouco se fala em remédios. Os médicos e clínicas fazem questão de discorrer sobre as causas. Penso que elas pouco nos importam, queremos uma saída e ela não está vindo da medicina. Que providência podemos seguir? Me parece bem oportuno comentar a atual crise mundial, que está consumindo bilhões de dólares para coisa nenhuma e milhões de pessoas necessitando de cura (aids, cancer, etc) que esses dinheiros poderiam trazer (desculpem, este é somente um desabafo). Como voces, estarei esperando uma luz que nos livre desse mal.
Desejo a todos bom ânimo e quem sabe em 2009 teremos algum resultado.

Nossa,desde de que me entendo por gente não sei o que significa a palavra “SILENCIO”. Por dificuldades emocionais sempre me senti diferente das outras pessoas e pra agravar achava que só eu tinha este tipo de problema, mas Graças a Deus, pelo menos nisso, hoje eu sei que faço parte de um grupo bem grande de pessoas que sentem a mesma coisa.Muita gente acha que eu sou muito irritada com supostos “barulhinhos”,mas nem adianta falar,por que só quem tem este problema é capaz de me entender. Ainda tenho esperença de uma dia “ouvir o silencio”.

ja fui a 18 medicos sem nenhum resultado acredito que nenhum medico tenha competencia para resolver este caso espero uma solusao para todos nos.

Caros Amigos

Dejeso que alguns medicos Otorrino especialistas em ovidos tenham esse tal zumbido , quem sabe eles se preocupariam um pouco mais em descobrir a causa e sanar o efeito , pois essa porcaria de medicina não se preocupa nem um pouco com essa materia , senhores pesquisadores estudem mais e pesquisem mais essa doença chata que incomoda , mais uma vez desejo muito zumbido aos OTORRINOS , para que posam discutir mais a materia em congressos , daqui há alguns anos 100% da população provavelmente terão zumbido os filhos e netos dos chamados medicos OTORRINOS , se Deus quizer nem que for na marra vão estudar mais o caso.

Um grande abraço aos amigos do Zumbido…

Olá ROSY NUNES!!!
vi que vc disse que conseguiu solucionar o zumbido com uma formula de manipulação, vc poderia me passar os componentes da formula para que eu possa verificar junto a minha otorrino???
CONTO COM SUA AJUDA! estou ficando louca com este zumbido obrigada!!!

Eu tenho esse chiado há 3 semanas e eu fui no médico ver o que tinha.E a medica disse que o chiado pode ter sido provocado pela gripe que eu tive e que eu tivesse de colocar compressa com pano não muito quente.Mas o farmaceutico disse que é muito perigoso.Eu queria saber qual remédio é bom para esse problema e,se é possivel ficar surdo de uma vez por todas.

Percebi meu zumbido a uns 4 anos + ou -.Eu trabalhava em industria-Tive depressão-tive labirintite e fiz + de 40 anos.Junta tdo isso e:resultado:ñ tem cura!!!Já fiz todo tipo de tratamento.Tomei rivotril,ginko,etc.O meu é alto e ñ para nunca.Já aceitei e convivo com ele(ñ tem cura!).O q me deixa triste é q eu perdi parte da memória.Esqueço de coisas q eu fiz,falei ou ouvi a dias,as vezes horas…Se com 43 anos estou assim,isso quer dizer q ñ vou mto longe…rsrs.È isso.abraço a todos.

Boa noite, João Neves

Obrigado por acessar nosso site.

É perfeitamente compreensível sua indignação. Felizmente, muitos otorrinos estão pesquisando muito o zumbido. E o melhor, estão obtendo grandes avanços no tratamento.

Sugerimos que você leia em nossa revista o artigo “Grupo de Apoio a Pessoas com Zumbido – GAPZ” e verifique um centro especializado próximo à sua casa.

Procure também um ortodontista para uma avaliação de Disfunção Temporomandibular (DTM). Muitos casos de zumbido são decorrentes de problemas nessa articulação.

Acesse http://www.revistavigor.com.br (livros recomendados) e veja o livro “Quem disse que zumbido não tem cura?”

Não há necessidade de ficar sofrendo com uma doença que já tem tratamento e resultados positivos em muitos pacientes.

Um abraço

Marcos Vinhal Campos
Revista VIGOR – editor
http://www.revistavigor.com.br

Boa noite, Inês Mota

Não deixe de verificar com sua otorrino a adequação da fórmula solicitada à leitora Rosy Nunes.

Acesse http://www.revistavigor.com.br (livros recomendados) e veja o livro “Quem disse que zumbido não tem cura?”

Um abraço

Marcos Vinhal Campos
Revista VIGOR – editor
http://www.revistavigor.com.br

AH AMIGOS, TAMBÉM TENHO ESTE ZUMBIDO, E MEU DEUS PARECE QUE VOU FICAR LOUCO, OU TENHO UM TUMOR NO CÉREBRO.TENHO LABIRINTITE HÁ 20 ANOS E AGORA ESTÁ PIOR,FUI NO OTORRINO MANDOU TOMAR 2 COMPRIMIDOS/DIA DE BETASERC, NÃO ADIANTA.PAREI DE TOMAR CLORIDATRO DE SERTRALINA, VI NA BULA QUE PODE DAR TINIDO(FICO MENOS RUIM),NADA.TOMO 1 RIVOTRIL Á NOITE, ACHO QUE VOU TOMAR 2 POR DIA.E TOMO TAMBÉM LORAZEPAN 2MG, NÃO ADIANTA NADA.ESTOU ENTREGUE NA MÃO DE DEUS…NÃO SEI O QUE FAZER…QUE VIDA HORRIVEL.ACEITO AJUDA DE QUALQUER TIPO.ESPIRITUAL, HOMEOPÁTICA, ETC…BJS PARCEIROS

olá a todos!

comecei com este zumbido a pouco mais de 1 ano e com uma crise forte de náuseas e tontura, além do zumbido é claro. Estas crises são ocasionais, passo meses muito bem sem nenhum sintoma. Os especialistas suspeitam de Síndrome de Menieure e uso Higroton 25 mg/dia. Nesta última crise que começou no ano novo, passei a ter dificuldades de dormir; qdo acordo a noite não volto a dormir e as vezes o zumbido que é um chiado passa a ser um apito que incomoda muito. Os médicos recomendam exercícios físicos diários, atividades recreativas,… Faço pilates e vou começar Yoga e acredito no Senhor Jesus que vai me curar!

Boa noite, Bruno Ribeiro

Sugerimos que você leia em nossa revista o artigo “Grupo de Apoio a Pessoas com Zumbido – GAPZ” e verifique um centro especializado próximo à sua casa. Mesmo já tendo consutado 18 médicos, vale à pena procurar um especialista que esteja especificamente pesquisando esse problema.

Procure também um ortodontista para uma avaliação de Disfunção Temporomandibular (DTM). Muitas pessoas tem zumbido por problemas nessa articulação.

Leia em nosso site (www.revistavigor.com.br) o artigo intitulado “Zumbido pode estar associado a questões dentofaciais” e, também, veja o livro “Quem disse que zumbido não tem cura?”

Não há necessidade de ficar sofrendo com uma doença que já tem tratamento e resultados positivos em muitos pacientes.

Um abraço

Marcos Vinhal Campos
Revista VIGOR – editor
http://www.revistavigor.com.br

Quero saber se alguém que tenha comprado o livro’Quem disse que zumbido não tem cura’pode emprestá-lo pra mim.Eu entrego de volta,viu?Eu não posso comprar(nem fazer tratamento),mas fiquei curiosa.obrigada.

ja tenho zunbido ha mais de dez anos e chato queria saber se tem cura para isso fico feliz por nao estar so nessa boa sorte pra todos e esperamos uma cura logo para isso

eu sou estudante de medicina e recentemente adquiri o zumbido. estou muito estressado, mais confio que deus vai me ajudar nessa minha luta.

Tenho 24 anos a 5 dias comecei a ouvir o zumbido em um dos meu ouvido (esquerdo) comecei a perceber ao dormi, realmente incomoda um pou não muito pq quando vc ta distraido não encomda mas quando vc lembra ummm, preciso de ajuda e oração pois não quero convier por resto da vida com isso no ouvido

oi pessoal, eu tambem tenho tido esses zumbidos a ums tres anos, mais ou menos, acho que o meu problema é porque sou musico, toquei muito nas noites, mas eu ja estava ate acostumado com ele, pois so me incomoda no silencio, porem de ums dias para ca, vem me incomodando, nem consigo tocar tranquilo, que me incomoda, e depois que acaba o som, eu fico com o zumbido mas intenso, e me irrita muito!
ainda não consultei medico, nem tomei nada, mas agora vou fazer isso, e vou usar protetores para tocar, mas em primeiro lugar estou buscando a cura em DEUS, pois o senhor JESUS ja levou na cruz todas as nossas doenças, então eu não aceito esse mal na minha vida, e vou ficar bom em nome de JESUS, e digo a voces tambem não aceitem tenham fé em DEUS, e lutem! nos vamos todos ficar boms, DEUS é MAIOR que todo o mal que possa exixstir, eu CRÊIO!

abraço e saúde para todos!

Não consegui ler todos os comentários postados nesta página, mas estou procurando qualquer trabalho sólido que estabeleça uma correlação entre a hipertensão arterial e a presença dos zumbidos (tinido, “tinittus”, ou acúfenos).
Sendo certo de que o obeso geralmente é hipertenso e consequentemente “agraciado” com zumbidos diuturnamente.
Se possivel gostaria de receber trabalhos no e-mail (wellingtonhercules@ig.com.br).

Pessol,desculpem a sinceridade mas vcs exageram colocando o nome de Deus e Jesus.Esse espaço é para dividir o problema de ZUMBIDO,Deus é TUDO,mas cada coisa tem seu lugar.Isso é falta de entendimento da parte de vcs.Eu tenho esse Zumbido que está me deixando louca.Se vcs tiverem sugestão pra ajudar eu agradeço.Se ñ tem,agradeço do mesmo jeito. Abraço a todos.

oi pessoal eu tambem estou com esse zumbido no ouvido desde dia 11 de janeiro de 2009,e nao quero conviver com isso nao.
pesso a Deus ,todos os dia que me livre disso,porque e muito ruim.
eu so tenho 25 anos ,sou casada e isso acaba atrapalhando,minha vida conjugal.
ja procurei medicos e ele disse que pode ser labirintite,pesso a DEUSque me ajude a achar a cura desse zumbido

OI PESSOAL SOU EU DE NOVO!
NOSSA COMO E RUIM ESSE ZUMBIDO,ELE TA ME PERSEGINDO DESDE O DIA 11 DE JANEIRO, JA NAO SEI MAS O QUE FAZER!
PESSOAL SE ALGUEM QUISE ENTRAR EM CONTATO COMIGO PARA FALARMOS DISSO EU VOU DEIXAR MEU MSN cry.slany@hotmail.com
OBRIGADO EM GENTE E QUE DEUS,NOS AJUDE A NOS CURARMOS DESSE ZUMBIDO
E SE ALGUEM QUERER ME ADD ESTA AI MEU MSN

Um medico me passo um remédio chamado (VERTIGIUM) São muitos comprimidos minúsculos que tomo de 6 em 6 hora aparentemente diminui o zumbido + não sumil ainda vo espera o fim do tratamento para ver se passa tem 24 ano não tenho labirintite, e creio que meu zumbido foi causado por fraqueza barulho intenso.

OI ARISTON,NAO VOU PERGUNTAR SE TA BOM ,QUE EU SEI QUE NAO TA NE,COM ESSE ZUMBIDO NADA FICA BOM.
EU SOU A MARCIA CRISTINA,A QUE COMENTOU ESSE ARTIGO ANTES DO SEU,TAMBEM TO SOFRENDO ESSE TAL DE ZUMBIDO A +OU- 1MES,E NOSSA COMO EU TO SOFRENDO,NAO CONSIGO NEM DURMI,PORQUE A NOITE O SOM PARECE QUE E MAS ALTO,MAS ESCUTO ESSE BARULHINHO O DIA INTEIRO.
OLHA SE VC QUISER ME ADD NO MSN ,PARA TROCARMOS ESSA EXPERIENCIA RUIM,SOBRE ESSE ZUMBIDO E TRATAMENTOS VOU DEIXAR MEU MSN TA.
POR FAVOR SE PUDER ME ADD MELHOR AINDA,PELO MENOS FALARIA COM ALGUEM QUE ME INTENDESSE SOBRE ESSE MAL.
MEU MSN E cry.slany@hotmail.com ,ou luna_luar_4@hotmail.com
OBRIGADO MEU AMIGO,E BOA CURA PRA NOS TODOS,E COM FE EM DEUS VAMOS SAIR DESSA

Pessoal,
Tenho Zumbido no ouvido direito faz 31 anos, desde um trauma por buzina de carro, mas de uns dois anos para cá, aumentou muito. O que melhora, é quando tomo MIRTAX (Cloridrato de ciclobenzaprina) que é relaxante muscular, ele relexa os musculos da face (ATM) e melhora o ZUMBIDO. Vocês devem se preocupar se durane a noite, não travam os dentes, nesse caso, uma placa pode ajudar. Esta dada a minha dica.

oi meu nome é ANDRÉA faz algum tempo que escuto esse som infernal no começo ñ dei muita importacia pois tudo começou quando tive uma crise de depressão quando eu comentava com meu medico ele dizia que fazia parte da doença pois alem da depessão sofro sidrome do panico tenho muito enjoos tontura e ñ cosigo ficar em filas de banco etc, enfim em lugares fechados me sinto muito mal com isso ,já faz dois anos emio que estou me tratando da depressão , embora quando medicada me sinto melhor mas esse zumbido esta cada vez pior estou com um pouco de medo, as vezes parece que vou ficar louca ,gostaria muito de ter minha vida como era antes ,poder sair de ônibus ,ir a um baile
me divertir mais. espero do fundo do meu coração de ter o milagre divino que é a cura apesar do meu medo tenho esperança e desejo a todos vocês a cura também a libertação dessa doença.

bjOoooos ANDRÉA tenho 37 anos foi bom desabafar com vcs
12/02/09

Eu comecei a viver com esse problema fazem dois anos aproximadamente, procurei um otorrino e ele me informou que não havia nada nos ouvidos e me aconselhou procurar um médico de coluna que constatou uma diminuição no espaço entre uma das vértebras devido a falta de exercício e má postura afinal trabalho em computadores o dia inteiro inclusive em casa e aconselho principakmente aqueles que não saem do computador a procurarem um médico e pedirem uma radiografia da cervical, eu comecei o tratamento com fisioterapia e alongamento, mexeu muito com meu pescoço e subia uma dor até meus ouvidos, acho que estou no caminho certo, agora vou fazer uma tomografia da cervical para saber se existe alguma hérnia de disco. depois eu digo.

Boa sorte a todos e cuidado com a postura na frente do micro.

Quem quiser trocar informações, meu e-mail wmbarros@gmail.com

O comentário Comentário por Romeu Domingues em 14 de dezembro, 2008 @ 12:49 pm descreve o que eu sinto. Qualquer barulho fadiga meu ouvido, e depois que o ouvido “fadiga”, cansa, sei lá, até um copo posto na mesa faz com que ele estale e também é no esquerdo.
.
Zumbido eu sinto nos dois ouvidos, os estalos apenas no esquerdo.
.
Tenho Bruxismo, sou ansioso por causa desse zumbido e já tomei alguns medicamentos sem sucesso.
.
Estou tenso até para escrever, mas sinto que a melhor solução é evitar o barulho do dia a dia, mas como evitar? temos que trabalhar, etc… É uma pena e acabo tomando medicamentos para depressão também. Tenho apenas 23 anos mas com esperança de tudo passar.
.
Confie em Deus, Só Jesus salva.

Estou até sem palavras quando vejo os jovens vivendo este problema. Sinceramente se tem alguém que possa nos ajudar somos nós mesmos com o senhor da LUZ nos dando o NORTE. Se até agora não conseguimos a tão esperada cura,seja,um diagnóstico preciso por parte daqueles que deveriam se empenhar nas pesquisas porque não nós que somos os portadores deste ruídos não damos as mãos e vamos em busca desta solução? Minha primeira crise foi por volta dos quarenta anos dia de domingo jogando golfe tudo rodou pensei que estava morrendo…quando melhorei percebi que havia um ruído (chiado) de fundo e assim foi alternando em épocas muito alto, baixo etc… uma vez no ano fazia meu periódico até que agora quinze anos depois, seja, alguns meses a coisa tem se potencializado e começa a me preocupar porque estive em nova consulta com meu médico exame otóneurologico, audiometria e NADA. Senti que o labirim 16 mg me ajudou associado ao betaserc mas senti um colateral (muitas dores nas pernas a ponto de não conseguir dormir) e só poderia ser do betaserc 16 mg (já conhecia o labirim)e assim suspendi e retornei ao médico que acabou por me passar agora apenas o tebonin 80 mg uma cs por dia. Na verdade o labirim amenisa mas como sou um apreciador de vinho tinto parei para dar uma trégua assim que senti melhora e final de semana tomei meus vinhos e queijos e ontem foi um dia horrível e hoje deveria estar nem treinamento e sem condições. De qualquer forma minha proposta é de que se tiver algum médico a nível de mestre em medicina poderiamos fazer uma dobradinha porque sou mestre em engenharia elétrica e entendo muito bem de sinais de microondas etc…(se me vissem agora me achariam louco porque estou com as orelhas tapadas com folha de papel alumínio na verdae estou testando uma blindagem)- na área da ciência vale tudo…Convido ao sofredor como uma parceria de doutorado neste tema de ZUMBIDOS somando a ciencia huma e a exata. Se houver algum interessado em parceria neste estudor favor me contatar segue meu e-mail: ricardo.rando@uol.com.br. Desejo a todos vcs melhora, agora é verdade que o exercício físico melhora e muito, caminhada, natação, viagens e acima de tudo querer viver.

Tenho zumbido a um ano e meio, já fiz todo tipo de tratamento e não consegui a cura(Otorino, fonoaudilogo…), procurei a medicina alternativa e nada, tava quase ficando louco pois o meio zumbido é 24 horas por dia e quando ia dormi ai que piorava, tive que tomar remedio para dormir pois o barulho me tirava o sono, ai eu entrei num centro espiríta para me consultar, e com muita perseverança e fé também não consegui a cura mais tive uma recompensa a ajuda esperitual me ajudou muito a aceitar este mal e hoje já aprendi a conviver com ele. Tenham fé.

olá pessoal, tenho 33 anos sofro com os zumbidos (no ouvido esquerdo)mais ou menos há 2 anos.Já fui a vários médicos e cada um fala uma coisa. Também tomei muitos medicamentos como: Tebonin, Rivotil, Vertix, Larim…entre outros. Acho que agora farei tratamentos alternativos, como acupuntura e homeopatia. Tomara que de certo!

OLA COMPANHEIROS DE ZUMBIDOS ESTOU COM ESSA PORCARIA FAZ CERCA DE 01 ANO JA FUI EM TRES OTORRINOS E CADA UM DA FALA UMA COISA POREM AGORA ESSA MERDA AGRAVOU ESTA ATRAPALHANDO MINHA VIDA EM TODO SENTIDO NAO AGUENTO MAIS Ñ DESEJO ISSO A NINGUEM SE ALGUEM CONSEGUIR ALGUM PROGRESSO VOLTE AQUI E POR FAVOR INFORME TENHO 33 ANOS NAO SEI SE VOU AGUENTAR MUITO TEMPO.

Também tenho zumbido, mas ele não me atrapalha(por enquanto), graças a Deus. Vi em um comentário não sei de quem que tem um livro “Quem disse que zumbido não tem cura”; gostaria de saber quem sabe onde encontrar, qual a editora, escritor etc….

Oi Fabiano le seu depoimento me sinto igual a vc sinto um zunbido insuportavel nos ouvidos desde quando tinha 20 anos hoje está pior é uma porcaria mesmo está atrpalhando minha vida toda não tenho vontade de nada.Não entendo porque eté hoje não descubriram um remedio que cure esta porcaria tomo rivotril pois é o unico que pelo menos ameniza. Vou parar por aqui pois se continuar vou ficar a noite toda falando deste mal orrivel que só quem sente sabe se é que tem alguem que sente como eu, perdi a vontade de viver, mas ainda tenho esperança e fé em Deus que um dia vou sentir pelo menos melhor pois os otorrinos que ja fui só me falaram que eu tenho que conviver com esta praga…Boa sorte pra todos nos.

Isso de zumbido como o meu!!!Só pode ser praga de madrinha mesmo!
Parece que moro em frente de uma pista de aeroporto!
Parece que sempre tem alguém fervendo leite!
E dizem que não tem CURA?
Então vou fazer um consorcio de caixão,pois assim não da!!

esse incomodo ja ta me ha quase 7 mmeses e um zumbido parecido com um canto de cigara eu as vezes fico muito nervoso com isso. Os dois medicos q eu ja procurei um passou um tipo de remedio pra isso e nao passou o outra passou um outro remedio q tb nao passou ja nao seio o q vou fazer

Tenho 63 anos, e carrego este zumbido ateh hoje.

Quanto mais importância voce der ao monstro, maior ele será!

Ontem estava navegando na internet a procura de cura para estes zumbido dentro do ouvido, passei por vários sites, li todos os comentários acima,vejo o quanto várias pessoas sofrem com este pânico de ouvido, meu começou a 04 dias atráz. HOJE AMANHECI BOM, SEM ESTE MALDITO ZUMBIDO,GRAÇAS AO MEU BOM DEUS, anteontem e ontem segui a risca o que li no site “boa saúde”.Que diz que este problema ocorre pelo alto consumo de café, cigarro, estress, alcóol e alimentação indevida. Ontem fiz o seguinte
Tomava café o dia todo, ONTEM tomei somente de manhá.
Fumo demasiadamente, ONTEM regrei a quantidade de cigarro.
Tomo cerveja todos os dias a noite, e por estes últimos treis dias, comecei a chegar em casa e fazer alguma coisa pra comer, o que não tinha este hábito, pois quando bebo não como,e ONTEM cheguei e fui durmir direto, nada comi e na hora de ir dormir ainda estava com o zumbido na cabeça,mas hoje,Graças a Deus, até agora, estou na mais linda paz, sem zumbido nenhum.
Espero que este meu relato sirva para que vcs se livrem do de vcs. Ha e tem mais, dizem que ficar muintas horas exposta no sereno hà noite,também contribui para o zumbido.
Campina Verde 1303.2009. Felicidades a todos e que curem.!!

Também sou portador do tal zumbido, procurei várias alternativas para melhor poder administrar esse barulho incomodo. O que fiz: exame de audiometria, consultei otorrino, fiz acumputura e tambem ressonância magnética,
examezinho chato, era uma batucada geral, tiraram mil fotografias até que saí bem na foto.
Naquela lupa que colocam no ouvido o resultado foi o melhor
possivel, sem sujeira, fui num farmaceutico e o mesmo atestou uma pequena inflamação, me receitaram um medicamento. Mas o que mais deu certo foi uma consulta que fiz numa pastoral da saúde, onde aplicaram um canudo com
fogo na ponta para limpeza do ouvido, a pessoa que fez me mostrou o resultado, saiu bem sujinho. Também a acumputura
deu um resultado de 02 meses, com uma redução razoavel.
Mas após a consulta com a pastoral da saúde, houve uma melhora os zumbidos voltaram em menor frequencia, mas aí
surgiu uma ideia de minha parte, porque não botar um barulhinho para dentro do ouvido quando começasse a zumbir,
fiz isso mas baixinho, olha o resultado é excelente, por pouco tempo, ouvindo musica, valeu a pena.
Fui na loja de R$ 1,99 e comprei um radinho simples com fone de ouvido e paguei R$ 4,99, foi o melhor tratamento.
Além disso temos que ter fé em tudo o que fizermos para melhorar. Não custa tentar e boa sorte para todos.
Joinville-SC 16.03.2009 – QUE A PAZ VOLTE, E SEJA FELIZ

eu tenho esse zumbido desda minha primeira dor de ouvido com 8 anos eu tive uma dor de ouvido muito forte .Realmente eu n queria me acostumar mais eu acho q acabei me acostumando mais hoje eu estou com 22 anos e é muito chato você perguntar para sua mãe se ela também escuta e ela dizer que não tem umas 2 semanas que eu peguei uma forte gripe disseram que é por causa da grávides mais essa gripe afetou muito o meu ouvido fui ao otorrino e ele disse que estou com inflamação nos ouvido(otite) por risso fiquei um pouco sura não consigo dormir a noite minha mãe fica muito preocupada comigo mais eu espero em Deus e em nossa senhora e o divino pai eterno que eles vão me curar pessoa qua as pessoas que também sofrem com esse zubido tenha muita fé em Deus por que só ele ´deu a sabedoria para os medicos nos curar amém…

tenho esse zumbido a um ano e pouco. Incomodava no inicio, mas depois aprendi a conviver com ele e por vezes nem me importo. O que me incomoda mesmo é o fato desse problema impor limites em minha vida. Como não poder ir em nenhum lugar com o minimo de som alto. Baladas, festas, shows e muitas outrs coisas não são possiveis de se ir, pois o zumbido pode aumentar consideravelmente. Eu gostaria de saber o que vocês fazem em relação a isso. Se existe algum jeito de frequentar esses lugares sem prejudicar mais ainda o ouvido!

meu remedio é o seguinte,tomo 2 epocler,ai espero,pq gordura abala o figado e o zumbido passa com o epocler
outra noite,comi 1 maldita maionese hellmans,quase morri com acordei com esse maldito zumbido!espero que possa ajudar alguem ….

Olá Zumbideiros
Tenho esse mal comigo a mais de 6 meses pelo qual consultei alguns otorrinos que da lavagem a medicação com por exemplo alguns farmacos com o aulin, diprofos, stugeron, e até um terapeuta com tecnica alemã com injecções nos ouvidos nas narinas e em fracturas osseas não me resolveram o problema. O que Fazer afinal para tirar esete martirio dos ouvidos? Tou desesperado

Estou quase louca com este zumbido. Eu so queria dormir em PAZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZ!!!!!!

Olá pessoal, sou mais um que foi “contemplado” com esse terrível problema. Tenho 28 anos e comecei a escutar zumbido sem parar há poucos dias, não muito forte. Creio que seja porque passei um bom tempo ouvindo música em fones de ouvido durante várias viagens que fiz a trabalho e também por ouvir música alta no micro, além de não praticar exercícios físicos regularmente. Li com paciência todos os comentários postados e fiquei mais tranquilo, apesar dessa doença ainda não ter cura para 99% dos casos, pelo que entendi. Mesmo assim irei consultar um otorrino e clamar ao Médico dos Médicos que a solução definitiva apareça pra todos nós. Assim seja!

estou com essa coisa incomoda ha mais de 15 anos, já consultei mais de 5 especialistas, e nada de cura, gostaria que aparece um remedio que realmente fizesse efeito, mas está muito dificil, é lamentavel que nesse ponto a medicina não tenha avançado, não se preocupem todos, quando morremos não estaremos mais com zumbido, gratos.

Não aguento mais zumbido.

oi pessoal do zumbido desde quando sofri um acidente no bombeiro(cbmerj) a alguns anos venho sofrendo de labirintiti com vertigem e zumbido pertubador, que desde de então me obriga a tomar RIVOTRIL e outros remédios que nada resolvem. Tive uma vertigem pilotando e sofri um acidente gravíssimo e desde de então estou proibido pelo médico dirigir carro ou moto e operar máquina, por favor se souberem de um remédio bom me avisem não suporto mais essa veritgem e esse zumbido. meu contato:(21)9745-0707

Olá so o Áriston postei uns comentários sobre meu zumbido a uns meses atrais, porem concluir o tratamento pelo menos terminei de tomar o remédio que o Dr. me passo (VERTIGIUM) Pois o termino o meu zumbido teve uma melhora de 98% onde não me incomoda mais, oro a Deus que venha trazer uma cura pra vcs tb.
Outra moça com o nome (marcia Cristina da silva) que também posto nesse Sit teve melhoras de 98% fazendo tratamento para cinuzite.

É tem mta gente com o mesmo problema!

Tenho zumbido forte do lado esquerdo (só deste lado) que as vezes é acompanhado por uma dor na nuca! tenho 25 anos.
Tenhos habitos alimentares ruins e acho que ai esta a resposta para meu problema.
Passarei (por necessidade) a ter habitos alimentares melhores e praticar exercicios regulares. Vamos ver se consigo ao menos minimizar meu problema.
Tambem ja consultei profissionais e tomei RIVOTRIL e LABIRIN.
Li alguns comentarios onde a mudança de habitos trouxe melhoras,
JA QUE OS TRATAMENTOS MEDICOS N VEM SENDO EFICAZES VAMOS TESTAR COM A MELHORIA NA QUALIDADE DE VIDA E DE HABITOS ALIMENTARES E CONSUMO DE FUMO E ALCOOL.
DEPOIS VOLTO PRA RELATAR MEUS RESULTADOS!

ABS

Olá pessoal, sou o Eduardo tenho 28 anos e reside em Recife/PE.
Ontem dia 03/05/09 me deitei para dormir tranquilo e sem problemas aparente, mas quando acordei estava com esse Zumbido no ouvido direito e já percebi o incômodo desse mau.
Como faz apenas um(01) dia, ainda não fui ao Médico, mas vou o mas breve possível.
Eu gosto de estar no pc assistindo, escutando ou até mesmo jogando com os fones em alto volume, pode ter sido a causa, fiquei realmente preocupado, acordei já pensando estar perdendo a audição, pesquisei e encontrei esse site, fiquei menos mau em saber que não sou o único, e ao mesmo tempo triste por saber que ainda não tem uma cura certa para dar fim a essa agonia.
Confiem em Deus, não vamos perder a fé nem a esperança de cura.
QUE DEUS ABENÇOE A TODOS NÓS.

Tenho 24 anos e convivo com o zumbido des de criança faz uns 17 anos, eu reclamava e ninguém ligava, fiz lavagens no ouvido pois o médico disse que o problema era a cera que havia sido empurrada com cotonete, imagina!
Um certo dia andando pela rua senti uma pressão forte no ouvido e o zumbido aumentou, perdi parte da audição, fui ao médico e fiz tratamento, parte da minha audição foi recuperada mas o zumbido logo retornou, não tenho nunca um minuto de silêncio em minha vida, isso é frustrante, à noite antes de dormir quero pensar um pouco e o zumbido me atormenta em meio ao silêncio, é horrível.

tenho 42 anos estou com esse problema a mais ou menos uns
25 anos, nunca foi tão intenso, hoje sai do meu trabalho
estava de moto, coloquei meu capacete e sai, do trabalho a
minha casa leva uns 10 minutos, no caminho meu ouvido esquerdo aumentou tanto o zumbido que esta insuportavel, amanha dia 06/05 vou novamente em um especialista, se ficar assim nao vou suportar. é triste saber que tantas pessoas sofrem com esse mesmo problema, que tem por varios motivos, não sei ate hoje sinceramente qual o motivo que me levou a ter isso, vamos continuar a viver isso que importa, com Deus em primeiro lugar.

Sabemos que as causas para o Zumbido podem ser várias.

Uma coisa é certa: existe a cura se soubermos ao certo o quê
causa.

Algumas pessoas tomam certos medicamentos sem resultados relevantes, mas deve ser ao fato de não ter sido o medicamento convergente para tal causa. Logo, é um motivo a mais em seguir tentando, e verificando os mals hábitos, como comer, beber, dentes, etc.

Eu possuo este inconveniente desde, aproximadamente, meus 10 anos de idade. Já fazem quase 11 anos, e nunca aumentou, sempre à noite, em demasiado silêncio. Só existem duas incógnitas impossíveis de descobrir: o quê causou o surgimento dos cosmos e da vida, e se ambos têm ou não fim.

No mais, tudo há solução, basta confiarmos na inteligência lógica do homem. Se para muitos Deus é inteligência e deu ao homem, logo, a ciência lógica é Deus.

Eu costumo dizer que o nosso melhor dia não foi o dia em que nascemos, mas ficando em segundo lugar, porque o melhor dia será o dia de nossa morte: saberemos ao certo se existe ou não vida após ela, então seremos os maiores sábios que já existiu, ora, nós conheceremos o indecifrável em vida!

Aos que conseguirem conviver, que bom, porque existem muitas coisas piores, mesmo que isto não seje conforto o suficiente. Procuro dormir ao som do gênio Ennio Morricone.

As suas melodias perfeitas, além de ajudar a filosofar, ocultam o zumbido que perturba milhões de pessoas no mundo.

Bom dia, e hoje foi o dia o qual não dormi, lendo sobre o assunto neste site, que se tornou interessantíssimo, tanto pelo assunto que abordou, como pelos comentários, com todos desabafando com sinceridade.

Alexandre.

Amigos

Ao invés de apenas relatarmos o incômodo do zumbido, penso que devíamos aproveitar este espaço para descrevermos nossa luta e os avanços que obtemos.
Estou com um zumbido leve, porém intermitente e incômodo há três semanas. Tenho 45 anos e estou vivendo um momento de grande estresse no trabalho e na vida familiar. Também tenho me alimentado muito mal, com longuíssimos períodos de jejum.

Estou iniciando um enfrentamento ativo do problema. Consultei um otorrino que prescreveu Rivotril. Já marquei consulta com um neurologista para tentar resguardar um sono de melhor qualidade, visto que estou dormindo muito mal mesmo.

Comprei um bom aparelho de som para o quarto e estou dormindo com música calma e baixa.

Mudei drasticamente a alimentação: estou me alimentando regularmente e ingerindo frutas, cereais, vitaminas e proteínas em boa medida.

Vou avaliar a oportunidade de tomar o Ginkgo biloba, que parece ser indicado, mas com cuidado, pois ele tem sim algumas contra-indicações.

E estou tentando – e isso é o mais complicado – fugir do estresse.

Volto em breve a escrever nesse espaço. Espero com boas notícias.

Abraços a todos

José Luiz

Tudo q pensei em dizer sobre o q passo com esse mal ja foi dito,vejo q muitas pessoas sofrem com isso,confesso q não sabia q tantas pessoas passam por isso tambem,o que tenho pra dizer agora é que partilho com todos voces, a mesma esperança,desconforto e acima de tudo um desejo imenso de que apareça alguem com um tratamento q possa ajudar a todos,e quanto ao silencio q n temos,prefiro imaginar uma melodia no lugar desse apito constante,uma coisa eu sei ele n vai me vencer.Se alguem desejar poderiamos criar algo,um site de alto ajuda,uma sala um blog sei lá, pra trocar ideia com pessoas com o mesmo problema,falar sobre isso ja ajuda muito,valeu.

Estou com esse zumbido a mais ou menos 4 meses to ficando louco da vontade de usar uma furadeira no ouvido ;medicos nao adiantam ;sò Deus

olá dr, fiz um exame de holter q. acusou asstimia sinusal.é grave? o q. significa ter esta doença. estou muito preocupado, por favor me explique, pois os medicos q. vou não dão muitas explicaçoes..obrigado

MEU NOME E ANA TENHO 9 ANOS,

MINHA AVO DE 67 ANOS TEM ZUMBIDO NO OUVIDO E ELA NAO SE SENTE MUITO BEM. ELA DIZ QUE SEMPRE QUANDO ELA VAI DORMI O OBARULHO APARECE NO SOMDE UMA CIGARRA.

Tive zumbido muito forte, agora melhorou mais
Tenho crises qdo estou extressado.
Uma coisa que tem me ajudado é o tapa ouvido à noite, é barato e pelo custo beneficio para o meu caso ajudou bastante. Claro que cada caso é um caso específico.
Outra coisa para mim a amitriptilina causa zumbido, parei de usá-la e melhorou bastante.

mEU ZUMBIDO SÓ AUMENTA

Fiz 3 audiometrias ..impendanciometrias…e nada

Acho q só pedindo a Deus a Cura..

Me auto mediquei com o remédio LABIRIN e só piorou ..

Não se auto mediquem pORfavor ..

ESPERO UM DIA ME LIVRAR DISTO

Galera estou sofrendo com o zumbido faz uns 6 dias
e me sinto pesssimo
mas fazer o que simplismente aceitar
ja fui no otorrino e ele disse q meu ouvido está tudo normal
infelizmente o meu zumbido parece q aumenta a noite
ele fica 3 vezes pior
de dia fico de boa
pq me distraio e nem percebo mtoo
enfim a noite pra dormi é q me estressa
mas eu comprei uma fonte de agua
pq o barulho parece q me distrai então não dou mta atenção a esse apito
bom espero q Deus me cure dessa enfermidade
mas por enquanto é não se deixar estressar por isso
tem gente q sofre de coisa mto pior
bom um abraço a todos

e mtaa fé em Deus e Jesus cristo nosso unico salvador

t+

OLá meu nome é Aline e estou com esse tal de zumbido a 7 meses.Já fiz audiometria,bera,tomografia do ouvido..e tudo está normal…gente ja tomei ginkabiloba e nada…agora to tomando vitergan e tambem não estou tendo melhoras.Durante o dia sou uma pessoa a noite me transformo…detesto o silencio…acabo pensando em besteiras…Para conseguir dormir é so com a TV ligada.Gostaria de trocar experiencia com pessoas que tem esse mesmo problema.Rezo todas as noites para esse incomodo passar.

Olha acabei de crer que os medicos não tem solução para esse mal que afeta a humanidade.O que temos a fazer é controlar nossa cabeça e desencanar desse barulho horrivel.

Fiquem com DEUS.

alinecseneme@hotmail.com

olá pessoal

tenho zumbido desde 15 anos por um acidente,agora fezem 3 meses que meu zumbido esta alto de mais .esta complicado suportar.

Pessoal,
Boa Tarde,
Estrou criando uma comunidade no orkut, para nos que somos jovens e temos esta otima ferramenta de busca de informações e troca de experiencias.

Estou “conhecendo” mais sobre a Doutora Tanit Sanchez, que me deu uma baita de uma experança no meu problema.

http://www.orkut.com.br/Community.aspx?cmm=90446762&mt=7

Obrigada!

achei muito informativo
“Meus parabens”
mas no meu caso não é um simples zumbido
ja procurei medico
e ele não sou be explicar ao certo
no ultimo que eu fui disse pra mim tirar umas tomografias
pois a uns dois anos eu começei a sentir um vazio logo a traz do meu ouvido direito e depois um barulho de bolinha de enrolamento,
agor neste ano esse barulho vem se espalhando para o lado esquerdo e ate na minha nuca
não sei mas o que fazer…

Estou nessa de chiado…………..faz umas 3 semanas, depois de uma discussão familar me apareceu esse tal zumbido, procurei um otorrino que me disse das mesmas cauas que vcs alertam, e batata, tomo remédio para hipotireoidismo, pré diabetes e uso placa para nãoacabar com meus dentes á noite, esse barulho só me encomoda á noite qdo está muito silencio,depois desse artigo tenho certeza que pelo menos vou aliviar o barulho. Obrigada pela orientação.

Oi pois fez me bem ler todos estes comentarios porque quando nos da este zumbido so se pensa que estamos a perder a cabeça e que realmente existe algo na cabeça. eu comecei com zumbidos e agora tenho eco ja faz uns 2 anos e so ä uns 6 meses depois do zumbido veem o eco quer dizer que uma vez por semana durante umas 2 horas estou a ouvir as pessoas duas vezes parece que estemos no tunnel com todos estes comentarios nao deu para saber se alguem tem o mesmo.
Coragem para todos que se realmente é uma doença sem cura vamos ter que sofrer e o rumo que o nosso mundo leva viver num stress então cura nao vai mesmo existir.de tantos medicos que passei agora vou brevemente a um ortodentista para ver o que pode fazer

Ate breve CORAGEM

Olá a todos! estou sofrendo disso recentmente, incomoda mas vamos tentar contornar essa situação,ainda não procurei um médico.

Boa tarde!!
Tenho 45 anos e tenho o zumbido ou tinido sei la desde que tinha 29 , fiz varios exames e parece que ele tinha desaparecido agroa voltou depois de um período grande de estresse, gostaria de pedir a pesssoa que mencionou o médico de americana ou uma outra que conheça um bom otorrino aqui em São Paulo.
No mais achei muito bom ler tudo, serviu para me aclamar um pouco e ver que não estou sozinha com esse mal.
Peço para que não parem de escrever para trocarmos informações.

Grata

Olá, Boa tarde a todos!

Tenho 19 anos e desconhecia o zumbido até ontem!(05/06/2009)

Fui a uma festa com o som muito alto e fiquei a maior parte do tempo próximo às caixas de som, parecia que meu ouvido iria ‘saltar’ p/ fora! No entanto, não dei tanta importância pois já havia frequentado várias eventos com o som alto e não havia sofrido as consequências. Fiquei muito surpreso hoje por estar com o zumbido e por saber que várias pessoas já se encontram com o mesmo problema!

Durmi muito mal essa noite e acordei meio estressado. As pessaoas falavam comigo e eu:’Ham?, fala mais alto, num tô ouvindo!’. Sem falar que participei de uma ação social e meus amigos notaram que eu tava falando muito alto e faziam constantemente gesto p/ eu falar mais baixo!

NUNCA havia ocorrido isso comigo!Estou muito preocupado por estar com essa ‘sinfonia de grilos’ na cabeça!
Peço ajuda a todos, se alguém puder trazer novas informações de tratamento ficarei muito grato!
Sei que quanto mais precoce o tratamento, melhores serão os resultados!

Um abraço e melhora a todos!

Olá Amigos..
vim me apresentar, tenho 36 anos e sou o mais novo membro deste seleto clube de “ouvidores do grilo”, (rs.rs.rs) fiquei tranquilizado e de certa forma feliz por nao ser o unico, pq ja estava meio maluco achando que começara a ouvir coisas. A pior parte é explicar para as pessoas e tentar provar que você realmente está ouvindo o grilo.
A primeira vez que apareceu o grilo foi que dormi sem camisa e estava muito frio, só que durou uns 5dias e sumiu.
Desta vez iniciou juntamente com o inverno de 1grau.

Agradeço a todos que postaram a mensagens anteriores, sem elas nao teria me tranquilizado, com fé em Deus teremos uma cura.

Abraços.

Prezados amigos,
Também sofro deste mal, tenho um zumbido altissimo no ouvido esquerdo, seguido de vertigens, problemas de visão, dor de cabeça e as vezes dificldade de raciocinio, acreditea???
Preciso de uma solução, não aguento mais, não durmo sem que a tv esteja ligada ou um rádio, não consigo ter um bom desempenho no trabalho, falta de concentração e tc…
É terrivel…
Estou fazendo um acompanhamento em um otorrino ele me indicou um nutricionista para melhorar a alimentação e me indicou um ortopedista para ver a coluna, pois as vezes este zumbido esta ligado a um problema de estrangulamento na coluna….
Boa sorte a todos….
Abraços

Bem,eu, comecei a ouvir esse zumbido a uns meses,nao me irritava e eu pouco ouvia,mas agora estou diariamente preocupado com isso ,e por isso,ouço ele a todo momento.Estou preocupado nao consigo mais ler, apenas quando estou na escola, estou preocupado e com medo

Bem, tenho 36 anos. Eu comecei a sentir esses zumbidos no dia 22 Jun 09, nunca tinha sentido antes, fui ao Otorrino, e ele me receitou PREDSIM 20 mg, por 5 dias, porem se não parecem os sintomas no 3º dia, suspendesse o medicamento. bom hoje é o 2º dia de ZUNBIDO, amanha dia 24 se não parar retorno ao mesmo médico. Espero que todos tenham fé em DEUS, que ele vai nos curar.

Gente, comecei a sentir há 1 semana esse maldito zumbido. n to conseguindo me consentrar p trabalhar direito. Tá terrível. O pior eh q aki na minha cidade n tem otorrino. to chateado c isso, mas foi um conforto ler seus depoimentos. Agradeço de coração…… Fiquem c Deus…..

Ontem fui ao otorrino. De uns dias para cá, notei no ouvido esquerdo após ingerir vinho tinto ou até vodka que desencadeia um barulho parecido com o barulho que o ouvido emite quando subimos num morro alto, sinto um som persistente que só vai parar quando acordo no outro dia.
Vou dar um tempo com ingestão de alcool, pois sem ele, apenas de vez em quando o barulho é sentido.O médico disse-me que esse barulho nunca havia sido relatado a ele. Irei fazer exames de impedância numa clínica de fono.Para subsídio informo que tomo vinho tinto há mais de 8 anos, todas as noites, de uma a duas taças. abraços a todos, espero ter contribuido de alguma forma.
fé em DEUS, que para ele tudo é possível,

Li o comentário de Gabriella Nunes de 27/02/2008, falando sobre Zumbido. Ela diz que ficou curada do mal, gostaria se possível for, conseguir o E-mail dela para poder conversar sobre o assunto.

Grato,

Foi muito bom eu ter encontrado vcs.tenho eesse problema a trez meses é um chiado mais dentro da cabeça , noite eu distraio a minha cabeça, com futabol, assuntos biblicos e isto faz com que eu pegue no sono e durmo mais tranquilo,caso eu encontre a cura para esse problema escreverei novamente , abraços

Oi meu nome é Thiago… Meu zumbido começou a 3 dias..depois que sai de um barzinho de rock onde estava tocando uma banda ao vivo… Para que é um asuvio igual a uma panela de pressão.. fui ao medico e me reiceitou um remedio… Mas espero que passe.. porque esse mal é terrivel.. só de pensar que isso pode ficar mais uns dias pareçe que vou enloquecer

Caso alguem tenha uma situação parecida.. tipo depois de ouvir um som muito alto tipo assim.. ficarei grato se nos correspondecemos..
thiago.caverna_donada@hotmail.com

abraços

Olá tenho 36 anos e já a três mêses venho ouvindo esse zumbido que me encomoda muito e o pior que é quando vou dormir e fica tudo em silêncio.É horrivel porque passo um bom tempo para pegar no sono.Vou marcar um otorrino e tenho fé em Deus que vou ficar boa.

Fui no medico denovo e marcaram um otorrino pra mim… fazem 5 dias que to com o zumbido.. a medica que me atendeu falo que deve ter rompido o timpano :/

mas amanha vou no otorrino vamos ver o que vai dar

BOM EU TENHO 45 ANOS NUNCA TINHA NEM OUVIDO FALAR EM ZUMBIDO E VEM ALGUEM E DIZ QUE NOS ALTOSURGERIMOS POR ISSO OUVIMOS QUE QUE É ISSO NEM SABE OQUE DIZ POIS DERREPENTE ACORDEI COM ESSE ZUMBIDO E NAO QUER SUMIR HA 15 DIAS ESTA INSTALADO MAS COMO VARIOS DISERAM FÉ EM DEUS E JESUS CRISTO NOSSO UNICO SALVADOR AI PODEMOS VENCELO, QUE DEUS ABENÇOE A TODOS .

Olá a todos portadores de zumbido no ouvido.

História completa:

O Início: Tenho 22 anos e sendo irá se completar 2 anos que tenho zumbido no ouvido direito, quando este barulho apareceu, eu estava de pé indo para minha cama, e claro, aquela noite não dormi nada e fora a preocupação que o zumbido ficasse permanente, passei alguns meses para me adaptar com este zumbido, aliás, adaptar nunca consegui, me acostumei e de certa maneira me conformei. Acredito que a causa deste zumbido foi um forte gripe que tive uma semana antes de aparecer, pois na época não era fã de ir para salões de dança e nem ficar ouvindo música alta.

Stress : Este zumbido apareceu numa época (08/2007) que estava preste a fazer meu vestibular para o Curso de T.I., enfim fiz o vestibular e já estou no meu 3° Semestre, porém este curso abrange muita Matemática, e acreditem, repeti em todos os semestre unicamente e exclusivamente em matemática, pois este zumbido me causou déficit de atenção (me causa).

Médicos : Já fui em médicos e otorrinos, fiz audiometrias e entre outros exames, perdi um porcentagem insignificante de minha audição, o último médico soltou a real, não têm cura, tenho que aprender a conviver, me disse procurar sons para mascará este zumbido.
Remédios: O médico me aconselhou dois o Gingo biloba e um para circulação de sangue na região auditiva, resultado não nada satisfatório, pois não teve resultado nenhum, porém até perdi a esperança.

Zumbido: O que tenho é semelhante a um apito permanente, é irritante, é para ficar louco, dá até vontade de bater a cabeça para vê se para – pensamentos insanos – teve época que não sabia em qual dos ouvidos era, até hoje me confundo, mas sei que é o direito, o que me confunde é que tenho a sensação que está no centro de minha cabeça, tenho sensação de uma pressão de dentro para fora.Esperança: Não a perdi, marquei novamente um Neurologista para verificar esta falta de atenção e trata-la e irei num especialista em otorrino, não irei parar de procurar pelo menos um tratamento para diminuir.

Abraços

Legal, gostei muito de saber que tem o dia internacional do zumbido, que não sou o único apesar de sempre achar que todos nós somo deficientes e ignorantes em muitas coisas.
Que milhões são iguais a mim, que não era npvidade, desde quando procurei varios otorinos e como nessa sociedade mercantil tudo é só enganação.
Achei inclusive alguns mais francos, dizendo : vais morrer com esse barulho, que para mim também não é novidade como a dor de coluna, on médicos mais velhos já falam para nós mais usados 67 anos, que vamos morrer com o sintoma.
Ainda bem que não é causa de morte, não tenho medo de morrer espero chegar aos 1000 assim como Matuzalem que chegou a 500 sem os recursos de hoje, não para zumbido e dor na coluna.
Atenciosamente
Grato

oi pessoal,estão ouvindo o zumbido agora ???
zzzzzzzzziiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiii
ou melhor tttthhhhuuuuuiiiiiiimmmmmmmmmm
seja lá qual for o tipo de zumbido que tenho, ou melhor que temos,,podem acreditar, tamo junto nessa…
tenho 30 anos,não fumo,não bebo, nao ouço musica alta,tenho pressao um pouco alta, ouço esse barulhinho ai como todo mundo aqui neste site,,mas pelo jeito acho que não tem cura mesmo,,tô até pensando em não ir a medico,,acho melhor tentar melhorar a minha saude de uma forma mais saudavel,sei lá,como ???

Olá amigos e amigas zumbideiros!!!
Como vcs também tenho o tal zumbido e também procurei um médico. Ele me disse que pode ser irreversível. Opa! A palavra pode me deu uma esperança. A minha causa já descobri e pelo que vejo aqui nesses comentários a maioria ainda não descobriu. O primeiro passo é pesquisar com o médico a origem. Se ele não conseguir mude de médico, procure outras alternativas em outras cidades, porque o principal é descobrir e partir para o tratamento adequado.
Vou sugerir aos amigos que relatem suas experiências com médicos e, se houver possibilidade, relate a CAUSA do seu zumbido e qual o procedimento recomendado pelo médico, mas não fale de medicamentos (a não ser os naturais) e indique o médico aqui se ele for bom mesmo. Temos que ter cuidado com a auto-medicação. Se são várias as causas, certamente os tratamentos serão diferentes e as medicações também. Creio que podemos ajudar uns aos outros relatando experiências. Sou radialista, locutor, e trabalhava com fone de ouvido alto. Durante anos trabalhei com som alto. Segundo meu médico, a causa do meu zumbido é esse. Pode ter acontecido uma lesão no nervo auditivo. E ele foi bem claro: é irreversível e se a pessoa que tem o zumbido por essa CAUSA ficar surdo o zumbido continuará!!! Por isso o tratamento é importante. Mas eu não me preocupo. Mudei de médico e esse novo está pesquisando pela hipertensão que apareceu há poucos anos. Peço que relatem as soluções encontradas por vocês para que possamos encurtar o caminho de nossos irmãos zumbideiros. Grande abraço> Eloy> Teresópolis/RJ

Colegas ouvidores de zumbido, tenho 39 anos e ouço o zumbido já não sei desde quando. No início achei que tivesse alguma causa psicológica (ainda não tenho certeza que não tem), pois trago comigo outros problemas, como hiperatividade, dislexia, TOC, e pra variar o famoso “ZUMBIDO” e nos dois ouvidos.

O que eu ouço é um apito permanente na minha cabeça e que a noite é que o bicho pega. Uma vez fiz um teste fonoaudiólogo e fui colocado naquela caixa pequena e fechada, aí eu ví, ou melhor ouvi a coisa ficar preta. Aquele zumbido pareceu ser amplificado por mil vezes, quase fiquei maluco com isso. A médica me receitou remédio, dizendo que eu tinha uma perda auditiva, mas de nada adiantou. Tive uma dica recente, de que para amenizar um pouquinho o problema deveria colocar uma musiquinha bem baixinha, para confundir um pouco a percepção do zumbido, mas como já escrevi anteriormente, meus demais problemas (hiperatividade, dislexia, TOC) me lembram que o zumbido ainda está lá, e acaba que a música de nada adianta.

Acho melhor todos se conformarem, quem sabe esse zumbido que ouvimos não é uma mensagem de ET´s, e que nós seremos escolhidos para no futuro sair desse planeta já condenado e irmos para outro melhos, rsrsrsrsrsrsrsr……., como no filme PRESSÁGIO. Abraço a todos e bom dia!

Complementando acima, na verdade o que ouço é melhor definido como o canto de uma cigarra, ou melhor, uma orquestra de cigarras. Êta cigarrinhas danadas…

Tenho zumbido também , na maioria do tempo não chega a incomodar .Eu já me acostumei ,pois é um zumbido bem baixo,mas quando acabo ouvindo música alto demais ,fico com o zumbido realmente alto . Eu prefiro pensar em alguma outra coisa ,pois parece que quanto mais você “pensa” nele ,parece que ele aumenta mais e mais …..

Tenho 61 anos, e convivo com um zumbido que mais parece, um jato taxiando para entrar na pista e decolar, isso ocorre a mais de 20 anos ja fiz varias tentativas para amenizar, mas nada consegui, porém hoje saiu uma reportagem na tv, em uma universidade de Ribeirão Preto, que apresentou algo mais positivo, vamos aguardar melhores informações.

tenho zumbido por causas emocionais se alguem tem algo a me dizer me add ou mande e-mail por favor sofro com isso..obrigado

Estou com este zumbido há tres anos. Parece uma orquestra de Cigarras o tempo todo. Está prejudicando minha audição.
Preciso banir da minha audição esta chiadeira.
Jesus vai tirar isto de minha cabeçã, tenho certeza que vou ficar bom!

oi, meu nome é lidane tenho 22 anos e sofro com zumbido no ouvido direito, ele sempre apareçe entre 18:00h até as 9:00 10:00 do dia seguite, tem dias que chega até o dia inteiro se eu acordar um pouco mais tarde.
é muito chato, fico com medo de ser algo sério…lendo esse artigo me identifiquei, pois tomo muito café durante o dia muito mesmo só que estou parando e tenho um salão de beleza, são dois secadores ligados o dia inteiro e um som não muito ambiente por causa do barulho dos secadores, acho que encontrei a causa do meu problema

Ola pessoal…
Estou precisando de ajuda, minha mae tem 68anos de idade e este zumbido lhe acompanha por mais de 28 anos, ja foi em varios otorrinos, uns a dizem que é stres, cera e entre outros.Se algum de voces conhece alguma clinica em Salvador na Bahia ou propio nesta regiao, agradecerei muito e que Deus vos abençoi.

Trabalho de telefonista, sinto muito mesmo zumbido no meu ouvido, mais a noite no silêncio, fico nervosa, não consigo dormir. Será que é minha profissão? tenho meu tímpano perfurado.o que devo fazer???

Gratos a todos pelos comentários há 40 anos que tenho zumbido no ouvido, fiz vários tratamentos, e consigo aliviar
as minhas crises , as vêzes até desaparecer.
Técnicas aplicadas;
Quando estou em crise, água bastante fria na cabeça 5m;
Banho de cachoeira, deixando a cabeça receber a queda d’água
Prática da Yoga, relachamento principalmente;
Acumpultura;
Caminhadas;
Evitar Stress;
Entrar no mundo da Leitura;
Musica zen, clásica, filmes, etc;
entrar bastante contrito dentro do que vç faz;
Paz, harmonia, humildade com o trânsito;
Relache, afirmo acura do zumbido está dentro de voçê.
Caso queira um contato mais íntimo chinarquitetura@ig.com.br
Haribol!!!

Sempre passo por este site na esperança de alguem ter finalmente enconttrado a cura pra o “famoso Zumbido”,mas é sempre a mesma choradeira e cura que é bom “necas”e não adianta ir atrás de médico,remédios que todos sabemos que é papo furado e não tem cura mesmo ,pois sabemos que alguns de nós que é mais abonado até no exterior já tentou e já deu depoimento neste mesmo site que nada conseguiu.Eu entro no site na esperança ,como disse um aí em cima,de um hora alguem conseguiu com algum pajé ou macumbeiro,alguma porcaria que de certo,pois na medicina convencional esta dificil

NOSSA GENTE ACHEI QUE,ERA SO EU QUE SOFRIA COM ESSE DANADO ZUMBIDO,SABE QUE JA ATE APRENDI A COVIVER COM ELE.. HORA TA ALTO, HORA TA BAIXO, E ASSIM VAMOS LEVANDO.
A NOITE PRA DORMIR O VENTILADOR TEM QUE ESTAR LIGADO,ASSIM EU PRESTO ATENCAO AO BARULHO QUE ELE FAZ, E NAO AO MEU QUERIDO ZUMBIDO JA FAZEM 5 ANOS QUE ELE ME ACOMPANHA, NO COMECO EU VIVIA PRCURANDO GRILOS POIS, E O QUE PARECE QUE TEM DENTRO DO MEU OUVIDO ESQUERDO,BOM NAO ADIANTA SE DESESPERAR PORQUE E PIOR,QNTO MAIS VC PRESTA ATENCAO AO ZUMBIDO PARECE QUE MAIS ALTO ELE FICA,BJSSS AOS QUERIDOS ZUMBIDEIROS?!!!!!

Olá doutor!
Em 1993 fazendo um curso de mergulho na Marinha, em uma das provas práticas sofri um barotrauma. A profundidade era de uns 20 metros e eu estava resfriado, fator este que acho que impediu de compensar a pressão externa, houve uma dor muito intensa no ouvido direito na hora, com sangramento pelo nariz. Erámos acompanhado por um médico que ao avaliar o fato disse que não havia tido rompimento do tímpano e que em no máximo seis meses tudo estaria normalizado. Só que diante disso herdei um zumbido bastante agudo.
Já passei por uns três otorrinos e todos dizem que não tem cura. O último me receitou o tratamento com RIVOTRIL 0,5mg, a qual estou tomando, com a promessa de uma possível diminuição no zumbido. E o neuro me falou que a cura só se daria com os estudos feitos através de células tronco embrionárias. Estou desempregado e tenho receio da hora de uma contratação trabalhista ser considerado inapto por conta da audiometria. Já que o parecer audiológico informa: NORMOACUSIA EM ORELHA ESQUERDA E HIPOACUSIA SENSORIONEURAL DE MODERADA À PROFUNDA EM ORELHA DIREITA.
O Sr conhece alguma clínica especializada nesse tipo de tratamento no estado do Rio de Janeiro? Aguardo resposta e obrigado.

Olá pra todos, estou vivendo tb o mesmo problema, tenho 62 anos e uma surdes no ouvido direito desde os ll anos de idade, porém o esquerdo supria essa falta, hoje após + ou – 06 anos ao descer a serra de Bertioga onde resido, meu ouvid esquerdo bom tapou e somente no outro dia voltou com essa anormalidade que é o ZUMBIDO INTEMITENTE, E CONSEQUENTEMENTE A PERDA DE 20% DA AUDIÇÃO. Já estive por varias vezês na palestra de Dra. Tanit, que são excelentes,porém apesar de todo o empenho dela e sua equipe, realmente não conseguem resultados satisfatórios, além de aumentar o nossa vontade em resiolvermos o problema, é lamentavel que até hoje não exista cura ou palitivo para essa mal, além do esforço mental de cada um em conviver pacificamente com o ZUMBIDO, OU ENTÃO EM VÊZ DE CONTAR CARNEIRINHOS AO DORMIR, CONCENTRE-SE NO BARULHO, é o que faço e as vezes da resultado. Bôa Sorte a todos nós.

Como já foi dito por um de nossos zumbideiros, entro sempre neste site na esperança de alguem ter relatado que conseguiu de alguma forma eliminar esse maldito zumbido. tenho zumbido a 2 meses e muito ruim isso. espero que em breve possamos esta postando soluções para esse problema.

Ei Zumbideiros,se seu zumbido é aquele causado por grilos,cigarras e outros insetos o remédio certo é Baygon mata tudo,uma vez por mes (brincadeirinha,viu?)A verdade é que a ´unica coisa que diminui um pouco o barulho é voce viver sem muito stres

Sou Portuguesa. Perdi a audição no ouvido esquerdo há mais de 20 anos. Perdi parte da audicão no ouvido direiro há cinco anos. Foi-me diagnosticado surdez neurosensorial. Passei a viver com zumbido. Só foi possível viver com alguma calma com o uso do Rivotril. Pretendo abandonar o uso deste farmaco pois causa muitos sintomas secundários e vou perdendo a memória. Desde há cinco anos todas as nopites ingiro uma pastilha de Rivotril de 2 mg. Decidi tentar um tratamento de shiatsuterapia mas está a ser difícil ir cortando com o uso do Rivotril. Que sugestões me podem fornecer? Li num dos sites o anúncio de um livro realacionado com este problema.

Os meus agradecimentos

Maria Cristina Coelho dos Santos

Olá gstaria de saber se alguém conseguiu ajuda do INSS durante o tratamento do sumido

Amigos de zumbidos
Li acima que talvez o que julgamos ser zumbidos, na verdade são tentativas de seres extra terrestres tentando se comunicar com habitantes do planeta terra (e outros tambem)
Neste caso os portadores deste problema são pessoas ultra sensiveis escolhidas á dedo para recepcionar as mensagens.
Infelizmente nósso cerebro ainda não está capacitado para decodificar os sons emitidos por eles. Temos então que aguardar que eles consigam “baixar” as frequencias e simplificar os códigos á fim de que possamos “entender” o que eles querem nos comunicar.
Portanto queridos companheiro de zumbido: SOMOS ESPECIAIS, E SEREMOS OS PORTADORES DAS NOVIDADES! Isto será para muito breve, portanto não se desesperem, procurem interpretar as mensagens que continuamente nos enviem.
Deixo aquí meu e-mail para trocar ideias sobre o assunto!
kyling@itelefonica.com.br

Sou portador deste zumbido constante à aproximadamente pouco mais de 3(três) anos, estou em um quadro de irritabilidade terrível, afastando-me da sociedade da família, enfim não participo de absolutamente nada, atá as missas do domingo parei de frequentar, pois não consigo me consentrar nos sermões enfim no todo da cerimonia.Recorrí a 5 otorrinos, Cardiologista, psicólogos, Endocrinologista, Neurologista a todos com requisição de exames sem nenhum exito, recorri a aplicação de laser onde um sabidão me prometeu cura e somente visou o dinheiro, fiz acumputura, reflexologia e na veio melhora, tenho passado dias hor- ríveis, com alterações constantes no nível do zumbido. Porém a vocês que estão lendo este depoimento eu informo que agora no dia 13 de julho de 2007.,assistí através da Rede Globo no Programa do Jornal Hoje da cidade em que resido (Recife-PE.), uma reportagem sobre o respectivo assunto (Zumbido no Ouvido), onde era informado que 99% dos casos de zumbidos estão sendo curados pela USP na cidade de Ribeirão Preto-SP.Eu também tenho procurado esta informação com bastante precisão, sou um sofredor procurando sair des-
ta incômoda situação que somente quem passa consegue definir
o qunto debilita, drestoi e elimina uma pessôa.
Segue meu email para troca de informações que venha nos
beneficiar deste mal que ja assola um grande percentual de pessôas.
info.deck@gmail.com

Galera acho que o melhor que temos que fazer e ter muiita fé em primeiro lugar xercitar sua cabeça como se vc não tivesse estes zumbidos e tem CURA sim!

Olá amigos de “penitências”!
Quem ler acima meu comentário sobre comunicação com ET,
peço que me desculpem a brincadeira, (mas quem sabe né)
isto foi apenas uma forma que encontrei de levar a vida
com problemas como o nosso.
Olhem, eu sou daltônico tambem alem de “zumbideiro” dos
bons. Irrita? Sim! E desconfotável? Sim!´Devemos procurar
a cura? Sem dúvida! Mas enquento ela não vem, vou dar a minha dica de como conviver com o problema. E isto tem me ajudado bastante, principalmente na hora de dormir.

Finjo que moro em um lugar muito barulhento, com trânsito
de veículos, industrias pesadas, com silvos e chiados para
todos os gostos. Ou para quem prefere os ruídos mais naturais, quem sabe morar perto de uma grande cachoeira!

Acreditem amigos, isto tem me ajudado! Espero que outros
possam tambem sentir alivio com esta sugestão, de boa fé,
e de que faz parte desta “tribo”!

Olá pessoal venho sofrenso desse mal mais ou menos 01 anos, quando criança eu tinha esse zumbido pouco frequente quase nada mais agora é constante é horrivel a noite fico quase louca de dia nem tanto.
meu otorrino me disse que existe mil e um motivos de zumbido
e que é dificil de achar o problema mais existe.
Ja fiz varios exames e nada só me falta a ressonância.
beijos a todos.

olá amigos, estou com zumbindo no ouvido a uns 9 meses, estava em uma festa de criança quando que sem mais nem menos meu primo estourou uma beixiguinha feita com baloes de festa que já estourou(aquelas bolinhas feitas com a boca na borracha da bexiga já estourar ai faz aquele estalo bem alto)bem no meu ouvido esquerdo, fez um barulho tao alto que meu ouvido ficou vibrando uns 10min e depois disso começou o famoso zumbido.
Fui no otorrino ele pediu audiometria e já foi me avisando, prrovavelmente voce vai ter que conviver com este barulho.
Fiquei super abatido nao acreditava que uma brincadeira poderia me fazer isso.
Fiz a audiometria e voltei no medico, ele me falou que tinha perdido 20% da audiçao do ouvido esquerdo e que o zumbido era por causa que foi perdido alguma porcentagem da audiçao. Ele nao trabalha que nao tem cura, mas acho que isso é aquela auto ajuda para nao pormos coisas na cabeça e agravarmos as coisas.
Falou que pode ser tratado com ginkobilomba, ou TRT, mas nenhum deu resultado.
Todos recomendam barulho de agua, relogio, som, tv, mas penso assim, mas será que nunca mais vou ficar no sossego no silencio, pois é isso que está acontecendo, e agora vou prestar prova pra piloto de aviao e estou sofrendo muito com o zumbindo, ainda mais que lembro que foi causado por uma brincadeira.
Sou praticamente igual todos, sou capaz de fazer tudo que dizem que dá certo.
Quando escuto musica, nao necessariamente alta e começa a doer o ouvido e começar a cossar que se faz quando engoli a saliva a vc fica num ciclo vicioso até quase perto da loucura… parece que nao sai o assunto de mim….ou melhor da minha cabeça…..e tem outra tenho praticamente certeza que o zumbido está passando para o outro ouvido também….. quando deito com o ouvido que sofreu a lesao no travesseiro ai vem o famoso panico………. por favor me ajudem se tiverem algo que possam me ajudar……e-mail pneusguairafranca@com4.com.br……. muito obrigado….!!!!!!!!

outra dica me falaram deste site http://www.ran-yu.com/ O que é Ran-Yu ( Óleo de Ovos – Lecitina de Ovos)? tive algun s relatos que ajudou muito… alguem conhece…!!!!!!!

Olà pessoal , estou com esse tal zumbido ha um mês.
Ao contràrio de muitos o meu sò aparece pela manhã assim que acordo antes de me levantar. Parece que tem uma moto sendo acelerada dentro do meu ouvido, mas depois passa e no decorrer do dia fica tudo tranquilo , mas na manhã seguinte aparece novamente.Se alguem tiver o zombido assim como expliquei avisa!!! Tou ficando preocupada jà!!! Fiquem com Deus!!

E vai ficar com ele. é pessoal pelos comentários a coisa não é fácil… Tenho 49 anos e o meu Zumbido começou quando eu tinha 22 anos, consultei vários médicos , fiz todos os axames tomei vários medicamentos e tomo até hoje.Este Zumbido ja me levou a depressão,pânico, desanimo e outras mais. È um horror o sofrimento é demais.Hoje as pessoas me perguntam ?pq eu não reclamo mais do zumbido? E vai adiantar alguma coisa, sofro demais com este problema, mudou toda a minha vida, se essa coisa saisse da minha cabeça a minha vida ia mudar muito e para melhor…Sinceramente perdi as esperanças, acho que só vai acabar quando eu morrer…

Que bom ,saber que não estou sozinho !
Desde adolecente tenho este problema,já fui até Miami na Florida , e nada .
Eu convivo normal com esta enfermidade , afinal estou vivo!não posso me dá o lux vergonhoso de não viver a vida por causa de um guestão de saúde.

Gostaria de saber, em qual lugar devo procurar em São José do Rio Preto o GAPZ (Grupo de Apoio e Pessoas com Zumbido).

trabalhava na MBR quando começou o tinido tenho, 46 anos a empresa me aposentou mais ou menos a 5 anos porque tambem tive que colocar protese e encherto na coluna cervical por causa de hernia de disco e discoartrose sofro com muita dor ainda na coluna toda mais o que mais me encomoda e o tinido porque foi considerado inrreversivel so que esta aumentando cada vez mais e eu nao sei o que fazer tomo varios medicamentos mas nao adianta nada nao consigo me consentrar , tenho dores terriveis de cabeça na audiometria esta tudo bem atena ressonancia estou para ficar louco nao estou suportando mais preciso de ajuda por favor aposentei por invalidez e tenho pouco recurso financeiro porisso dependo do SUS espero sujestoes OBRIGADO

ola pessol sou mais um com zumbido tem que ter um remédio pra isso pois nao nacemos com isso to tomando histandi d melhorou 98% e gicobiloba e depois de tomar o histandi d vou tomar labirin 24ml espero que de certo boa sorte pra todos wagner

Ola, fico feliz quando ouço que determinada área da medicina se evolue na ciéncia, como cardiologia, oftalmologia, ginicologia, etc , etc ,mais á otorrinolaringologia não evolue parou no tempo é uma vergonha para a classe de otorrino, que não tem coragem de buscar sabedoria dentro da ciécia para qrecer o que um otorrino sabe hoje se sabia há 20 anos atraz, é uma pena que seje assim, tenho zumbido há + de 10 anos e ja fui nos + conseituados otorrino e so passo dessepção, qem sabe um dia nesta nova geração de jovens possa mudar, não é mesmo?

Sofro com zumbido, também, Há 02 anos. tenho 50 anoos. Tomei, com receitas médica, ghinko biloba, betasserkci, e muitos outros. Hje tomo lamitor, indicação médica,que alivia um pouco, foi o melhor entre todos que já tomei.

A quase 6 anos sinto um zumbido ininterrupto nos meus ouvidos..tudo começou com um apito bem fraquinho mais hoje são varios tipos de zumbidos como uma chuveiro aberto, uma cigarra, uma sirene..está tão alto e irritante que ja nem me deixa dormir. Ja fui em varios Otorrinos e nenhum conseguiu resolver ou amenizar esse maldito incomodo que me persegue a anos. Agora pesquisando na net soube do grupo GAPZ e queria saber se ele tem sede aqui na minha cidade (São Luis -Ma.)..Por favor me ajudem, ja tentei ate o suicidio uma vez..passo noites sem dormir.
Estarei no aguardo de uma resposta.

pessoal primeiro comfiar em DEUS conseguir um bom medico de sua confiança e manter a calma e fazer ioga ja tenho esse zunbido a 16 anos as vezes some .

meu esposo sofre com esse mal esta a ponto de ficar louco não sabemos o que fazer, ele trabalhou muito tempo perto de motor então foi prejudicad no começo ele não ligou mas agora esta insurpotavel, ele não bebe café nem nescal não gosta muito de doce, ele foi prejudicado por causa do trabalho. estamos esperando em DEUS so ele faz milagres a paz pra todos

oi pessoal tenho 51 anos. zumbido os ouvidos começou aos 22 anos depois que tomei ass . pouro conviver bem com esse zumbido .faço de conta que ja nasci assim .nao vou deixar de viver bem por isto.espero que vcs consigam tb.abraços

De presbitero José Elmo de Oliveira,pela grande bondade de Deus e da do Senhor Jesus Cristo,nosso salvador,à meus queridos companheiros,sofredores dos zumbidos nos ouvidos.
Quero aqui neste sistema de comunicação,dizer a todos vocês que estão sofrendo deste mal,que também fui presentiado com esse lindo presente que é que nos tortura diariamente.Alguem, me disse que este mal não tem solução,diz esse alguem que tal doença ja vem tomando corpo a muitos e muitos anos,só agora e que foi desenvolvido.Mas quero dizer a todos vocês que nós temos um Deus,que é pai de nosso Senhor e salvador Jesus Cristo,Ele é Deus de Abraão de Jacó e de Izaque.Esse nosso Deus fez o mundo e tudo o que ano mundo há,como está escrito,para Deus nada e impossivél,então vamos nos dar as mãos e vamos invocar o nome do Senhor Jesus Cristo,contando a Ele toda nossa angustia causado por este tal zumbido,com certeza Êle ira nos ouvir e nos irá conceder nossa benção de que tanto estamos aguardando e esperando,vamos colocar nossa fé em ação ao nosso grande Deus,porque êle nos conhece antes de nós vir ao mundo,somos feitura de suas mãos,portanto com certeza êle vai nos conceder nossa vitória.

Sr. Cassiano Filho faço as minhas suas palavras, realmente a coisa é ruim mesmo. Sofro desse mau há mais de 15 anos. Já fui a otorrinos, fonoaudiológos, mapeei todo o meu cerebro e nada. Daqui pra frente só conto com o nosso Pai, tenha paciência Ele ainda há de fazer com que a ciência descubra a solução e nos trará o conforto que tanto esperamos. Abraço pra todos os Zumbiduzidos!!!

Olá !!!! tudo bem..entrei por acaso neste site pra procurar a causa do meu zumbido…ja tive varios , por causa da minha perfuraçao nos dois timpanos devido a um sarampo que tive na infãncia ate ai tdo bem. cresci, fiquei adulta ,.. uso aparelho dai agora com 52 anos se desenvolveu uma tireoide e com tres nodúlos que esta me deixando doida ….tive que fazer punçao aspirativa pra ver se sao do bem ou do mal…esou tranquila por que sei que a maioria dos nodúlos sao trataveis.mais depois que fiz as punçoes..fiquei com barulhos estranhos no ouvido que nunca senti antes…e está me incomodando muito .parece que meu coração bate na cabeça …por favor me ajude ..e tbem naõ tenho plano de saúde..que agrava muito faço tudo pelo sus…desde ja muito obrigada ….por esclarecer certos zumbidos

Entrei neste site para entender um pouco mais de zumbido, mas ele parece mais um templo. Deus prá la, Jesus prá cá; que coisa de malucos.
E digo a vocês que o zumbido é encosto do capeta. Para acabar só fazendo uma sessão de descarrego.

notei o chiado no meu ouvido a 03 meses. O que eu li as opiniões dos outros que escreveram nessa coluna é que igual a mim consumo muito café, tomo minha cervejinha de final de semana consumo muito queijo, como muita carne gorduroza e sou fã de uma macarronada. resumindo sou um portador de triglicerideos altos, sem contar o estress do dia a dia, acho que tai a resposta do chiado, pois quando me incomodo e tendo tudo esses problemas de stress o chiado aumenta. deve ser isso. acho que com exercicios fisicos e dieta alimentar possa aparecer a cura, pois o maior causador deve ser o triglisseridio alto no sangue. messa o seu.

Tenho zumbido ha 1 ano. Em um ouvido é constante, no outro apenas de vez em quando. ouvi dizer que a usp de ribeirão preto vem pesquisando a doença. Quem tiver informações a respeito, favor repassar.

Outro ponto importante seria mais declarações daqueles que resolveram o problema e como conseguiram, pois tal zumbido me incomoda e muito.
abraços a todos

Saudações a todos Colegas Zumbideiros. Também estou nessa há uns 6 meses. Chamou-me à atenção algumas semelhanças entre todos, alguns mais, outros menos,´porém parece que a maioria acumula certas características : religiosidade, crentes em Deus e em Jesus Christo, não bebe, não fuma, não gosta de ouvir altos sons e não frequenta esses ambientes,tem problemas de circulação ou pressão alta,tem algum outro problema de saúde (exemplo: coluna, gastrite, etc.),níveis de stress,tipos de alimentação semelhantes, toma algum tipo de remédio, e muitos outros. Além disso tudo começa após um acontecimento forte para a pessoa, isto é, um ruído forte (estouro, explosão), um stress muito violento (exemplo : briga familiar, etc.), período de grandes esforço (estudos, trabalhos, etc.), e outros mais. De minha parte quero acrescentar que : bebo muito café, como chocolate todos os dias, gosto muito de doces, estou com o peso acima do normal, tomo dois remédios para pressão, sou sedentário, assisto muita televisão, não faço exercícios, durmo as quatro ou cinco da madrugada, tenho muitas preocupações, etc.,juntamente com algumas das características citadas acima: religioso, não bebo, não fumo, etc. Digo isto para perguntar : será que o nosso problema “zumbidos nos ouvidos” ataca somente pessoas que tem estas, ou determinadas caraterísticas de modo de viver, ou de comportamento ? E tudo no sentido de descobrir as causas desse mal que tanto nos prejudica e juntarmos elementos e informações que possam ser encaminhadas aos Médicos, às Universidades, e aos Pesquisadores, para que descubram e produzam um remédio ou medicamento realmente eficaz que nos cure o mais breve e mais rápido possível. O que vocês acham ? Vamos debater este problema ? Talvez esse seja o caminho para a solução. Finalmente, sugiro que todos acrescentem mais características semelhantes nos zumbideiros que escreveram ou escrevem para este site, para fazermos uma relação completa de todas, e repassarmos a cada um para estudá-las e opinar. Obrigado. Sinceras melhoras a todos e a cura completa, se possível. Abs. Luiz

De repende, aos 60 tantos anos me dei conta que havia um zumbido instalado nos meus ouvidos há séculos. Fui ao otorino, fiz todos os exames e chegamos à conclusão: perda de audição média/severa era a responsável pelo meu zumbido. Solução: rivotril e/ou prótese auditiva. Nada disso deu certo. Ele (o zumbido) cresce com o silencio, dispara com estresse e não melhora com nada.

boa tarde
deixei meu comentario aqui em 10/06/2009 onde estava muito agoniado com o zumbido. Hoje ele ainda continua mas com menor intensidade, tenho tomado GINKOBILOBA, que ajudou na circulaçao e diminiu o assovio.
POder escrever aqui e ler os sofrimentos alheios e qual dividimos me ajudou a superar o problema.
Para os novatos, vai uma dica : SOMOS UNICOS CAPAZES DE OUVIR ALEM DO SILENCIO. ( RS.RS.RS. )

caso alguem queira trocar informaçoes mande-me e-mail: marcoskarvalho@hotmail.com.
Abraços e força para superar este problema

Amigos e amigas de Zumbido!

Tenho o problema de zumbido, e dos “brabos”.
Estou escrevendo no intuito de ajudar aqueles mais desesperados. Realmente é muito desagradável este mal,
porem desespero não adianta! Procure levar na boa, que é o melhor caminho. Para mim tem funcionado, “fazer de conta”
que moramos em um lugar com este barulho ambiente.
Proponnho que todos que achar um meio particular que alivie
os sintomas, informe por este meio aqui.
Ao Marcos Vinhal Campos, responsável por este espaço,meus agradecimentos pela atenção e solidariedade.

Só dei por conta do meu zumbido ha alguns dias,apesar do médico já ter perguntado (tenho labirintite) eu respondi que algumas vezes sinto o zumbido,porem um dia desses de madrugada em meio ao silencio é que percebi e me dei conta que tenho a alguns anos (me acostumei)só que agora isso me incomoda e achei que estava ficando louca em ouvir algo que ninguem escuta, mas ao ler essa coluna fique mais tranquila, poi achei meus colegas de som, mas amanhã vou marcar com o otorrino.
Beijos e TENHO FÉ EM DEUS ELE VAI NOS AJUDAR

Tenho zumbido neurossensorial há 10 anos, e há alguns meses também o zumbido pulsátil!!!! É demais para qualquer cabeça. Nenhum exame detectou algo. Sugiro criarmos um forum, porque vejo que o problema é bem comum, e saber que outros tem o mesmo problema, apesar de não aliviar nada, deixa a sensação de normalidade.

Acho que sou o mais novo zumbideiro da praça, há pouco tempo percebi esse mal, no começo pensei que iria pirar, quando fui ao médico, exame acusou perda leve de audição no ouvido esquerdo. Uma amiga me disse que o zumbido dela era igual ao chiado da panela de pressão, curou-se com uma rezadeira. Vou procurá-la e depois lhes direi o resultado.

SÃO MUITOS DEPOIMENTOS E LI VÁRIOS. ESTOU POR 10 ANOS TENTANDO A CURA. JÁ FIZ ATÉ TRATAMENTO DE ACUNPUNTURA E JÁ PASSEI POR NEUROLOGISTAS E OTORRINOS. ATUALMENTE POR INDICAÇÃO DE UM NEUROLOGISTA ESTOU FAZENDO UM TRATAMENTO PROLONGADO COM BENZODIAZEPÍNICOS COM UMA PSIQUIATRA – TRATAMENTO DE DESACELERAMENTO CEREBRAL. CONCORDO QUE INCOMODA MUITO, PORQUE ALÉM DE ESTAR COM ALTA PERDA AUDITIVA BILATERAL SEM PARAR (24 HORAS) CHIADOS, ESTALOS DENTRO DA CABEÇA COM MAIS INTENSIDADE BEM PERTO DO OUVIDO ESQUERDO. SOFRO MUITO, MAS USO O ARTIFÍCIO DE PASSAR A ACEITÁ-LO COMO MELHOR FORMA DE ATENUÁ-LO.

lamartinebruno@yahoo.com.br

Ja fiz duas operaçoes para descompressao vascular de nervo craniano no caso o coclear par VIII mas o barulho continua
espero encontrar uma solução para meu problema pois o zumbido muito me incomoda ele nao para e é muito alto.

Há nove anos, numa tarde ao acordar de uma soneca, percebi um silvo intermitente que, a princípio parecia virdo ovido esquerdo. Pensei: pô! Tenho que trocar de marca. Achei que tinha tomado umas e outras a mais e que se tratava de um sintoma proveniente de uma ressaquinha e que no dia seguinte tudo passaria.
Lá se vão nove longos anos e o zumbido tá lá. Mais intenso. Agora parece que ele vem do centro do cérebro. Ao contrário de muitos, eu me sinto bem em ambientes barulhentos, quanto mais barulhentos, melhor. O SILÊNCIO me tortura.
Preciso de barulho, pasmem… eu preciso de barulho para dormir. Minha técnica atual é dormir com o fone do rádio no ouvido, porém fora de sintonia. Aquele ruído fruído branco) é que mascara o zumbido e me faz dormir. É claro que é um sono perturbado pois acordo várias vezes durante noite. Mas agradeço a Deus por ainda ter um recurso que me conforta de certa forma.Imagino que tem centenas de pessoas no mundo em situações piores, muito piores. A todos os portadores desse mal, aconselho-os a olhar para trás e imaginem quantos prefeririam trocar de lugar om vocês.
Um abraço e até a desoberta da cura, vamos levando.

oi tambem estava com zumbido no ouvido fui ao medico me receitou cerumim para usar por 5 dias ai fiz um limpeza e graças a DEUS estou muito bem tambem pedi muito a DEUS E TOMO GINKO BILOBA

Pessoal,
Pesquisando na Internet consegui alguns endereços do GAPZ.
Não sei se existem outros.
Abraço a todos.
Garcia

Cidade: São Paulo
Coordenação: Profa. Dra. Tanit Ganz Sanchez
Local das reuniões: Hospital das Clínicas
Rua Dr. Enéas de Carvalho Aguiar, 255 –
6º andar (Anfiteatro Otorrino)
Dia e horário: primeira Segunda-Feira do mês,
16 às 18h
Contato: gapzsp@forl.org.br
(11) 3068-9855
Cidade: Campinas
Coordenação: Profa. Dra. Luiza Endo e
Dra. Raquel Mezzalira
Local das reuniões: Sociedade de Medicina e Cirurgia de
Campinas
Rua Delfino Cintra, 63 – Centro
Dia e horário: terceira Segunda-Feira do mês, 17 às 19h
Contato: gapzcampinas@forl.org.br
(19) 3252-4241
Cidade: Curitiba
Coordenação: Dra. Rita Mendes
Local das reuniões: Hospital de Clínicas
Rua Geneneral Carneiro, 181 – 5o
andar, anexo B, (Anfiteatro Otorrino)
Dia e horário: primeira Sexta-Feira do mês,
14 às 16h
Contato: gapzcuritiba@forl.org.br
(41) 3225-1665
Cidade: Brasília
Coordenação: Profa. Dra. Alessandra Ramos Venosa
Local das reuniões: Hospital Universitário de Brasília (HUB)
SGAN, Avenida L 2 Norte, Q 604/605
(Auditório Central)
Dia e horário: primeira Quarta-Feira do mês,
17 às 19h
Contato: gapzbrasilia@forl.org.br
(61) 3448-5394
Cidade: Salvador
Coordenação: Dra. Tatiana Lessa
Local das reuniões: Hospital das Clínicas –
Rua Augusto Viana, s/n –
Canela
Dia e horário: primeira Terça-Feira do mês,
16 às 18h
Contato: gapzsalvador@forl.org.br
(71) 3339-6317
Cidade: Rio de Janeiro
Coordenação: Dra. Patrícia Ciminelli Linhares Pinto
Local das reuniões: UFRJ – Av. Brigadeiro Trompowski s/no
– Ilha do Fundão –
Auditório Alice Rosa, 12o andar
Dia e horário: primeira Quinta-Feira do mês,
15:30 às 17:30h
Contato: gapzrj@forl.org.br
(21) 2562-2842 / (21) 9578-
Cidade: São José do Rio Preto
Coordenação: Dr. Márcio Pereira Coimbra
Local das reuniões: Hospital de Base
Avenida Brigadeiro Faria Lima, 5544,
Anfiteatro do Mezzanino
Dia e horário: segunda Terça-Feira de cada mês,
das 17 às 19h.
Contato: gapzsjriopreto@forl.org.br
(17) 3201-5747
Cidade: São Luís do Maranhão
Coordenação: Dra. Kátia Lobão
Local das reuniões: CRM do Maranhão – R. Carutapera Qd
37B- Casa 02 – Renascença II
Dia e horário: terceira 5ª-f do mês,
17 às 19h
Contato: gapzmaranhao@forl.org
(98) 3221- 1164/3231-1774

Até que afinal, vejo a colocação desta doença(sintoma), que vem prejudicando tantas pessôas e o governo alheio a toda essa gente que se vê obrigada a sair do mercado de trabalho levando uma vida de resignação fazendo da sua casa verdadeiro convento.Não pode sair para nenhum evento pq corre o risco de ter o zumbido alterado e desistir sem mesmo ter que se despedir dos presentes. É torturante este zumbido, me acompanha a 4 anos e algumas pessôas não aceitam olhando o nosso corpo saudável exije participação ativa nos lugares que frequentamos, isso deprime e nos leva mesmo a stressar. Porém volto ao assunto governo, por falta de um programa de saude em que os medicos tivessem um conhecimento completo deste sintoma não chegariamos a este percentual exposto de 28% com tendências a aumentar, como disse o elemento fica sem a condições de exercer qualquer tarefa, além do zumbido, confunde as palavras que lhe são dirigidas, não atende um telefone com perfeição se houve uma palestra passa a confundir as palavras,enfim é uma anulação por completo. Aqui em nossa cidade, seguramente a uns 8 otorrinos, nenhum me deu um encaminhamento certo, fui a neurologista (nada), endocrinologista nada),cardiologista (nada), Psiquiatra (nada), psicólogo (nada), fonoaudióloga esta lida com o problema porém não tem a solução, prometeu-me que agora no início de 2010, estaria chegando um equipamento para amenizar o zumbido, estou ansiosamente aguardando o direito de ter vida e vida em abundância.
Obrigado pelo espaço cedido
Valdeck Oliveira

E aí pessoal! Tenho zumbido a 9 meses. Ele imita o barulho de um chiado, é muito insuportável. Engraçado que começou do nada, no outro dia procurei um médico que diagnosticou como sendo surdez súbita. Fiz a 1ª audiometria 5 dias depois e foi constatado perda de audição de 70% no ouvido esquerdo. Fiz duas cirurgias e após 4 meses fiz outra audiometria que constatou a volta da minha audição quase que normal, mas o bendito do zumbido persiste até hoje. Estou tomando Gincko Biloba a uns três meses, mas infelismente nada mudou quanto ao zumbido. Tenho esperanças que um dia, com fé em Deus, ele irá embora da mesma forma que veio. Foi legal achar esse espaço para acompanhar o sofrimento, a agonia, mas também a esperança que cada um tem em se sentir livre desse mal. Eu baixei um programa na internet que emite o barulho de vários sons da natureza e que me ajudam a conviver com o zumbido ele se chama “aire freshener”, tentem baixar em casa, ajuda muito nos dias em que se está muito estressado e o zumbido incomoda bastante. Vou continuar a minha luta contra esse barulho infernal! Abraço a todos e não desistam!!!!

Caros sofredores como eu.
Observei que poucos foram os casos de sucesso quanto a “cura” do zumbido e que do jeito que as coisas andam, muito tempo levará para alcançarmos o resultado esperado.
Sendo o zumbido no ouvido, não seria o caso dos otorrinos lançarem-se numa “luta” para acabarmos com esse mal? (respeito opiniões contrarias)

Outro ponto: no exterior em países de primeiro mundo, como isso (o zumbido) é tratado?
abçs a todos.

É lamentável o que a medicina vem fazendo em relação ao tratamento do zumbido. São verdadeiros engodos, dispendiosos engodos, por sinal. Ao que parece, não há interesse em se resolver o problema. O que vemos hoje são médicos e a indústria farmacêutica faturando enormemente com paliativos. E os pacientes, iludidos, ficam na mão desses vigaristas.

Desejo que a cura para o zumbido seja encontrada logo, para alegria de todos nós portadores deste mal-estar.

Um abraço

Lucilla

Estou desesperada com este zumbido em meu ouvido E,era baixo sofro ha um ano e há 12 dias piorou muito, é muito alto, som de cigarra, não estou ouvindo direito, não estou dormindo direito, fui no otorrino a médica me decpcionou só me falou coisas ruins e disse que não tem cura, sai de lá deprimida,do mesmo jeito, não sei o que fazer.Doutores otorrinos da USP de Ribeirão Preto por favor nos ajude. Vcs nada podem fazer mesmo? fui tratada com um descaso no hospital da clinicas de Ribeirão Preto,um dos melhores do Brasil. será que tudo é do mesmo jeito
Amigos caso souberem de algum médico bom me indiquem por favor, não tenho convenio, ganho pouco.
É só um desabafo.
Minha esperança é so o meu Deus mesmo, obbrigada.

ola,sou mais um com este problema, mas fazer oque ne? meu problema consiste devido a perda auditiva, o otorrino me disse que todo ser humano tem zumbido, e vc so começa a percebe-lo quando começa a perder a audiçao e nao percebe mais sons externos ai voce ouve o zumbido.E terrivel, mas tenho tentado me acostumar, o meu medo maior e a perda da audiçao, pois hoje em dia tenho me afastado das pessoas pois nao tenho conseguido manter mais dialogo, ate p´ra renovar minha carteira de habilitaçao foi um caso. o pior e o descaso das pessoas que ficam tirando sarro do nosso problema e nao sabem o quanto sofremos. Agora so deixo um conselho a voces, se acostumem e a unica maneira. para concluir eu tenho mais de quatro tipos de barulho no ouvido, tem hora que bate um desespero, mas continuo, vamos la……

Meu comentario e identico dos descritos acima e o zumbido incomodando, minuto, horas e dias, já consutei médico e zumbido continua, gotaria que alguem me informe algum medicamento que melhore um pouco. Obrigado pela atenção. João Brás

Oi Gentee..eu Tenho apenas17 anos e sou mais uma que tem esse problema..” Zumbido no Ouvido” há uma semana começou este barulho que falta me deixar Louca.. Hoje fui em um otorrino, ele me passou alguns medicamentos.. Eu tenho muita em Fé em Deus e tenho certeza q vou ficar boa logo logo.. Basta ter fé e tudo dará certo! Gentee vamos ter esperança e Fé em Deus.. Só isso Basta!
Abraços

Boa noite, olha pessoal sou só eu, ou quanto mais procuro me informar sobre isso mais com medo eu fico??!! Caramba, hj complentam 6 dias q venho sentido um pequeno zumbido no ouvido esquerdo, q simplesmente surgiu do nada!!! não me conformo, alguém sabe por favor me informar algum otorrinoralingologista conceituado, e se existe cura?? por favor to realmente preocupado, se alguem conhecer coloca aqui no post! obrigado e desejo muito boa sorte e melhoras pra todos q sofrem desse mal.

Zumbido, tonturas, dores musculares,pode ser problemas na ATM ( mandibula, arranjo dos dentes) normalmente em pessoas ansiosas ou que vive em constante stress, tente percebe algum dor na sua boca, articulação da boca,dor no pescoço e costas,se range dentes, come unhas,mastiga lingua. procure um profissional buco-maxilista. eu e minha irmã temos este problema. no meu caso estou com um dente a mais ( ciso),somando com estado de stress no trabalho, tenho dores musculares, ja fui parar em um psquiatra acha que estava ficando louco, relaxe e procure um bom médico.

Não que seja expert no assunto, para maioria de vocês, indico:

* controle sua ansiedade, nao sejam medrosos em assumir que sao frageis diante das coisas que acontecem na sua vida, grande parte estão escondidas na sua infancia, procure tratamento.
* procure um profissional buco-maxilista

seja feliz,torço por vocês

depois me conte os resultados

Pois é, tambem sofro á anos desse mal,e só com esta matéria fiquei um pouco mais tranquila, porque até então parece que o problema é exclusividade sua. Cheguei a pensar até em coisas do além, pior que é sério e me dava medo. Vou procurar um especialista esta semana mesmo.

Tenho procurado os médicos. Já passei com o o torrino e ele disse que tenho um problema no nervo do ouvido, ele não cuida dessa patologia e me pediu para procurar o dentista, onde ja estou fazendo o tratamento e a neurologista, onde ela ja me pediu exames de tomografia da parte facial. A suspeita dela é que seja direcionado a mandibula, vamos ver no que dá, pois há dias que fico quase doida, e não tenho dormido normalmente.

Olá Pessoal,

Tenho zumbido a mais ou menos 5 meses e confesso que fiquei muito preocupado no começo, mas agora tiro isso de letra, e sinceramente não me incomada mais como antes.

Vamos ter fé que um dia a cura vem

Abraços e fiquem com Deus

Ao ver as vossas reclamaçôes, eu também sou um deles. Esperava um dia ter fim por meio da medicina; vi que a medicina não dá jeito,sendo assim,não espero mais de médico,mas sim um MÉDICO que é o Senhor Jesus Cristo.Se Ele não nos der a libertação aqui nesta vida que possamos ficar livres desses zumbidos um dia na Glória Eterna.Como disse o Apóstolo Paulo:”Tudo posso Naquele que me fortalece” Filipenses4.13 Sem Jesus nunca ficaremos livres desses zumbidos que tanto nos perturba.Um abraço à todos.

desculpem meu egoismo, mas sinto-me bem ao saber q não sou a unica pessoa q sofre desse mal. Sei a causa do meu zumbido (uma veia q seco no labirinto) e nao tem o q fazer tbm, é muito ruim, tenho a impressão q perdi qualidade de vida, pois tudo q faço é desconfortavel: dirigir/aula/trabalhar/academia. Mas mesmo assim, todo dia acordo tentando aceitar esse mal e fazendo meus deveres do dia. No inicio o zumbido era acompanhado de labirintites louquissimas e muito vomito, graças a Deus parou, mas a anos continua o zumbido acompanhado de uma vertigem direto horrivel.
tomo ginco biloba, e as vezes tomo labirin, mas como nao sinto melhora parei.
Boa sorte e um abraços a todos!

Eu recomendo práticas corporais da medicina chinesa, Tai Chi Chuan, Qi gong, Liang Gong, meditação e yoga.
Experimente! Nesse momento mesmo vou começar uma prática.
Sou músico e faço tratamento para ansiedade. Sempre melhora!
Ah! Não esqueça das rezas, da força de Jesus!O Zumbido e o chiado também são vozes da alma, é preciso cuidar dela.
Melhoras e abraços
Juliano – BH

Tenho 65 anos e desde os 25 anos sofro de zumbidos nos ouvidos,aos 40 anos reclamei deste zumbido com meu ginecologista que me prescreveu um medicamento que não tenho mais a receita, mas acho que o nome era PREMOLUT NOR, não tenho certeza,mas que desapareceu por um bom tempo. Mas foi retornando aos poucos e hoje só fico livre do zumbido quando o som esterno e alto, pois no silencio e terrivel. Já tentei encontrar ese remedio em centenas de farmacias , mas desconhecem.

ja tenho o zumbido a anos ,mais nao estou convensido que nao posso vencer isso e me curar ,pior e quando isso prejudica a vida da gente ja perdi varios empregos por q nao passava no teste de audiometria mais vou superar isso e vencer se eu consigo vc6 tmbm podem!!!!!!!! so nao desanimem

Pessoal não se entreguem fé é importante mais temos que tomar alguma atitude sei que o zumbido é a pior coisa que pode acontecer a nós porque aparentemente estamos saudaveis mais não estamos é muito triste mesmo você não tem paciência pra nada desespero e irritação ficam no limite. No meu caso o meu zumbido começou dps de uma lavagem no ouvido direito que por sinal tava entupido de cera dps da lavagem acho que uma semana dps começou o zumbido ele era como se fosse uma televisão ligando fiz todos os exames tudo normal “os medicos estão anos-luz atrasados pra resolver este problema” meu exame deu tudo normal então o será que era? fiz experiencias pra ca e pra la tipo um grão de cada vez conseguir praticamente acaba-lo como: usando um radio AM aqueles de pilha, um fone de ouvido,um roteador wirelees e as caixinhas de som do computador parece ate brincadeira mas não é. o sinal wireles interfere na radio AM criando um chiado voce colocando o fio dessa caixa do computador diretamente no radio interligado ao fone de ouvido da um chiado perfeito ai é só ajustar o volume e bota no ouvido fiz isso da ultima quando ja não aguentava mais esse zumbido e praticamente acabei com ele. no futuro inventarão uma maquina desse tipo para nós, qualquer coisa galera podem mem mandar um email daniloafonso1@hotmail.com “NÃO SE ENTREGUEM PESSOAL FÉ AJUDA MAIS NÃO ACABARA COM SEU ZUMBIDO VÁ A LUTA NUNCA DESISTA”

tenho 47 anos, e tenho zumbido aproximadamente 15 anos, recentemente comecei a tomar um remedio que se chama cinzarizina, mas nao resolveu, tamben estou na espera da cura, sou mais um zumbideiro.

Caro zumbiteiros:
Algo me intriga. Como se dá o zumbido, isto é, ele ocorre no ouvido – como?
Sabemos, obvio, que o ouvido é para ouvir, mas o zumbido seria causado onde e, mesmo assim, por que repercutir no ouvido – qual parte do ouvido seria responsável por isso?

O ouvido normal recebe ondas sonoras vindas pelo ar. Quanto ao zumbido que ouvimos, viria como? internamente por ondas sonoras – parece absurdo.

Para melhor entender o que quero dizer pensem a respeito e caso alguem tenha resposta, ficarei grato.

EITA….

QUANTA GENTE COM ZUMBIDO, EU TBM SOFRO COM ESSE MAL JA FAZEM UNS 8 ANOS HJ ESTOU COM 26.. APARECEU DERREPENTE.. ESTAVA NA CASA DE UM AMIGO.. DAI COMECEI A PROCURAR DA ONDE VINHA O ZUMBIDO.. OLHEI A TV.. O RADIO.. E NADA… DAI QUE FUI PERCEBER QUE ERA NA MINHA CABEÇA… NO COMEÇO ACHEI QUE TINHA ENTRADO ALGO NO MEU OUVIDO.. UM BICHINHO TALVEZ..FUI AO MEDICO ELE EXAMINOU.. E CONSTATOU QUE NÃO TINHA NADA.. HJ EM DIA ESTOU ATÉ ACOSTUMADO COM ESSE GRILO NA MINHA CABEÇA.. POREM GOSTARIA MUITO DE POR UM FIM NISSO..

gente, faz apenas 15 dias que estou com esse troço, e graças a internet descobri logo cedo que estou com um problemão, talvez sem a bendita internet tivesse me poupado um pouco mais. mas, graças a essa danada da internet encontrei pessoas maravilhosas como vcs, que diferentemente do meu médico, rapidinho me mostraram a solução, só copiei um pouco da maneira de vcs encarararem esse zumbido, vejam:

”faça sexo regularmente”
”acostumar na marra”
”fundo musical da vida”
”. enquanto espero em vez de remedio tomo ceva.”
”fato positivo adotado por mim ao longo desses anos foi viver um dia por vez,”
”o próprio médico dizer que também é portador do famoso “zumbido”.”
”fiquei louca de dor de cabeça e na nuca! Antes era apenas o zumbido!”

o zumbido tras estresse e o estresse tras o zumbido, portanto meu tratamento é cerva, sexo e viver um dia por vez.ah! e claro, ouvindo um zumbindinho ambiente como fundo musical.

se Deus quiser vai dar certo, para os que não creem aumentem a dosagem de cerva e sexo.

desculpa a brincadeira, mas após vários depoimento observei como cada pessoa lida diferetemente com o mesmo problema, e saibam, a frustação dos tratamento de vcs me isentaram de me entopir de remédio e o modo de cada um encarar, foi uma seção com um psicologo.
ah! tem mais, sou deficiente visual, não leio nada , tenho um programa que ele ler tudo pra mim, imagine um zumbido acompanhado de uma vpoz cintetizada, isso é que é FUNDO MUSICAL!

MELHORAS BROTHAS, TENHO ZUMBINDO a 4 ANOS E NUNCA ME CUREI :D

tenho 17 anos, e estou convivendo com este zumbido a uns 4 dias e cada dia ele está ficando mais alto, estou para enlouquecer!!

Pessoal

Para todos vcs que sofrem de zumbidos nos ouvidos, venha associar-se ao nosso grupo para ter informações atualizadas sobre este sintoma e também os tratamentos diponíveis .
Entre num buscador e procure por tinnitus groups

Pedro Marcão
email : pedrao52@yahoo.com.br

Meu nome aguinaldo da silva, tenho zumbido a 4 anos tudo começou depois que eu tive uma depressão forte, tenho 38 anos, a ora mais dificel é quando eu vou dormi o meu zumbido pareçe uma cigara, sera se a ciência não vai encontrar um tratamento, porque isso emcomoda espero uma resposta para esse poblema.

Meu nome aguinaldo da silva, tenho zumbido a 4 anos tudo começou depois que eu tive uma depressão forte, tenho 38 anos, a ora mais dificel é quando eu vou dormi o meu zumbido pareçe uma cigara, sera se a ciência não vai encontrar um tratamento, porque isso emcomoda espero uma resposta para esse poblema. Tiaaaaaaaaal

Olá, pessoal.

Foi muito importante a leitura de alguns depoimentos dos zumbiteiros. Sou mais uma na estatística há 7 meses.Infelizmente a medicina não encontrou solução para esse grande problema que aflinge tantas pessoas.Como vocês, também já fiz muitos exames e não conseguimos chegar a um diagnóstico.Estou desesperada com tudo isso.
Só Deus pode nos amparar nesse momento tão difícil.

Um grande abraço para todos e que nos ilumine.

olá tenho zumbido no ouvido desde 2007 faço uso de medicamentos (betaserc) pois ja tomei ginkobiloba, rivotril e outros tenho 30 anos estou preocupado com esse zumbido pois tive perda auditiva não sei nem como aconteceu isso a três anos comecei a trabalhar a noite estou em tratamento a a tres meses com esse medicamento tenho muita fé

dei graças a deus ter achado este site porque a gente lendo as historias dos outros aclma um pouco 07/03/10 acordei 03:00hs tomei rivotril consegui dormi ate 05:00hs e vim p/computador a dois dia que estou atacado,peguei um resfriado sarei e a noite ele chegou com tudo,sofro com isto a 24 anos,morro perto de Belo Horizonte e nao sei se tem algum centro”ZUMBIDO”se alguem de vcs tiverem alguma noticia favor enviar pra mim ja estou no ponto de ficar doido.obrigado gostei demais.

Eu tenho 14 anos e tenho esse negócio a um tempão, pra falar a verdade eu nem sei quando surgiu e achei que fosse normal, até começar a me irritar.

._.

Tenho 64 anos e estou com esse zumbido que vai e volta. Vai e volta.
Fico stressada. Não durmo direito porque essa porcaria não me larga.
Sexo não estou ligando muito ultimamente.
Cerva por causa de remédios não posso.
O que me resta? Rs.
socoooooooorro

Olá pessoal, já estou com zumbido a mais de um ano e meio, parece uma coisa que não tem fim, muita tontura, as vezes acho que vou infartar, muita sensações estranhas, muito chato mesmo.
Mas hoje agradeço a Deus por eu ter apenas isso, pois eu era usuaria de cocaina e um belo dia acordei e nunca mais fiquei boa, zumbido, tontura, mal estar, enfim já fiz vários exames e não tenho nada, mas sei que isso foi causado pela droga, maldita droga, mas agradeço a Deus porque me livrei desse mal desde o dia em que adiquiri esta doença, zumbido terrivel.

Continuo tendo fé porque Deus me libertou e poderia ter sido muito pior.

MEU Deus o senhor me troxe denovo a esperança muito obrigado fiquei muito feliz com a matéria,porque meu otorino me desesperou com seu diagnostico,vou procurar outro otorino, e tentar voltar a vida normal de antes. que Deus lhe abençoe.

Pessoas,eu ouvi hoje pela primeira vez esse zumbido.Eu estava em frente ao computador ligado e pensei que o barulho vinha dele,quando achei muito estranho e percebi que eram nos meus ouvidos.De início eu fiquei atordoada,pois era algo novo.Faz exatamente uma hora que esse zumbido apareceu,durou por volta de meio minuto.Temo que volte,ocorreu depois de uma discurssão familiar.Ainda tive que ouvir “você vai ficar surda”,mas graças a deus eu encontrei um apoio neste site,com pessoas com zumbidos até mais graves que o meu,pois este até agora foi suportável.Como já havia dito,temo que o mesmo volte e ainda com mais intensidade e força.O zumbido que ouvi foi semelhante a um aparelho eletrônico contínuo “thuiiiinnnmmmmm”.Me assustei,estou muito assustada ainda.Mas consegui me confortar mais sobre este barulho irritante.Grata.

Gente: eu fico pensando enqto meu ZUMBIDO teima em me perturbar. O que o homem é capaz de fazer com a ciência e com a tecnologia é incrível. O que eles nao conseguem (oun nao interessa) é acabar com um zumbidinho besta, mas que é capaz de enlouquecer a algum desavisado. Eu ja fiz de tudo. Ja relatei aqui que virei alcoolatra qdo percebi que, bêbado, nao percebia o zumbido, esquecia, sei lá, só que qdo me liguei, ja estava viciado em alcool. Ao concluir que sob efeito do alcool, o zumbido “sumia” deix de berber “todos os dias” para passar a beber o dia todo, todos os dias.ksks
Só que o preço a pagar veio rapido: perda de bons empregos, familia, amigos, parentes… SÓ QUEM NÃO ME LARGOU FOI O P…(bip) do zumbido. nÃO É IRÔNICO?
Acontece que fiz de tudo para largar o alcool sem resultado.
Aí descobri: ou vivo bebado, sozinho, sem zumbido, esperando a cirrose me detonar, ou aprendo a conviver com o zumbido. Optei por procurar a Deus onde me encontro em uma igreja e os frutos ja estao sendo colhidos. Nao perdi o zumbido, mas ganhei minha familia de volta. É pouco????? Dane-se o zumbido. quer ver, durante esse tempo que estava escrevdndo esse texto, nem lembrei que ele existia. Boa Sorte pra vcs e Fé Em Deus.

Ha uns 15 anos atras fui a uma Iridologa (ciencia q ve a saude atraves da iris) e ela me disse q eu tinha uma tendencia a ficar surda.

Na epoca,fiz uma consulta com um otorrino q disse q no ouvido eu nao tinha nada mas me recomendou a consultar um ortodondista e este descobriu q eu tinha problema na arcada dentaria e q ao fechar e abrir a boca o osso da articulacao da boca, batia um no outro.

Usei aparelho nos dentes, mas nao consegui corrigir o problema.

Ha dois anos apareci com um zumbido e uma pressao interna no ouvido como se eu estivesse dentro de um aviao no momento da decolagem, q vem me deixando estressada. Alias, tudo comecou depois depois q eu recebi uma noticia desagradavel. Acho q o zumbido tem relacao com emocoes.

Mais uma vez consultei um otorrino q disse q eu tenho uma ma formacacao no canal q liga a sinusite ao ouvido.
Ele me receitou dois remedios mas nao adiantou. Acabei nao voltado na revisao.

Comecei a me observar e vi o qto eu respiro pela boca, agora, estou vigilante e procuro manter a boca fechada o maximo q eu possa.

Na semana passada estava muito gripada e o zumbido me atacou a ponto de me deixar nervosa.
Amanha vou consultar outro otorrino na esperanca de que ela faca uma lavagem no ouvido e q tudo passe.

Pode ser q o problema tenha relacao com a sinusite, com o estresse ou com o problema mandibular.

Agora vou levantar todas estas hipoteses com o otorrino p ver se encontro um caminho de cura.

Tambem venho imaginando q eu tenho um radio ligado dentro da minha cabeca, e me vejo abaixando o volume com a intencao de desligar o barulho. Pelo menos me acalma um pouco.

Assim q eu ouvir o novo medico, volto a dar outro depoimento
Espero q assim como eu, vcs continuem a dar novas dicas.
Ate breve, atenciosamente
Isabel Sales

Nossa como é engraçado, até hoje praticamente as 4.30 da manha nem imaginava esse tal de ZUMBIDO, de repente acordoo e fico louca com esse barulho na minha cabeça, achei que estava ficando louca ou estava perturbada.. ligueii pra minha mãe minhas irmas tudo as 5.00 da manha dizendo que tava ficando louca, ai resolvi entrar na internet eis que caio aqui nesse site e vejo esse comentarios todos, me aliviou um pouco sei agora que preciso procurar um otorrino nao um psiquiatra, e que nao sofro desse mal sozinha e nao to ficando louco pq ninguem acredita o que estou escutando é tao engraçado so EU ESCUTO … mas confio no meu DEUS e sei que tudo que eu tiver que passar passarei ainda com muita fé . Obrigado por vcs deixarem seus depoimentos pq com eles vcs ajudam muito pessoas que estao começando com esse mal de ZUMBIDOOOOOO…

fiquem com Deus! torço pra cada um de vcs se curarem como irei batalhar pela minha cura.

Tenho zumbido a mais de 10 anos. Hoje ele é o meu segundo melhor amigo depois do meu cão. Vamos levar a vida com alegria, por que quanto mais Você quiser combater o zumbido mais ele mais se fazer presente, simples assim.

Passei 5 anos com um tinido initerrupito dentro da cabeça (ouvido), pensei que iria ficar doido, tinha na época 24 anos,depois de muito tempo consultei o médico, que me receitou parar de tomar café e comer chocolate…Depois de alguns meses só foi alegria! O tinido se escafedeu!! sumiu desapareceu!!!

Tem mais! A cafeina é um veneno! digo, veneno! Nós brasileiros temos o habito de consumir muito café, café aqui café acolá, nos restaurantes e em todo lugar! Pare de tomar café por 2 meses vc vai ver o resultado se o problema é o zumbido pode ficar despreocupado se seu problema for esse ele vai zumbir em outro lugar! Depois venha fazer o seu depoimento se melhorou ou não. Vale lembrar que esse tiniiiiido, zumbiiiiido pode ser causado por labirintite ou tireóide. meu e-mail é redsantin@hotmail.com não sou médico.

Eu estou com 61 anos, me sinto jovem ainda, pressão normal
e tudo o mais normal, porém começou uns grilos cantarem no meu ouvido, de uma semana para cá, que bom ter encontrado, mais parceiros com este mesmo problema, e saber de cada um a sua opinião sobre o assunto. Me parece que vou diminuir o consumo de café e refrigerantes, porque outros tipos de alimentos, gordurosos, e com açucar, há alguns anos não estou consumindo.Se os grilos se calarem voltarei, e darei testemunho, porque em primeiro lugar sou um homem de muita fé e acredito em Deus e Nosso Senhor Jesus Cristo.

Sinto o zumbido há mais de vinte anos. Este tem momentos que incomoda bastante e tem outros que suavisa, deixado de ser percebido. Já procurei todo o tipo de tratamento e nada deu certo. Então resolvi aprender conviver com este barulhinho com a ajuda de Jesus, que é o médico dos médicos.
Apesar do incomendo a vida é bela e mesmo com este zumbido, viver é uma graça de Deus. Felicidades.

Há 5 dias que escuto um apito que eaté então era momentaneo…agora é constante..aff é estressesante!!Espero que isso acabe em breve!

A alguns meses comecei sentir esse tal zumbido, após uns desmaios num surto de dengue e agora persiste, já fui ao neuro, ao otorrino e me disseram que é estres e labirintite, estou tomando labirin melhora, mas chega a tarde para noite começa de novo. Tenho 39 anos. Um abraço

Comecei a sentir esse zumbido há uns 60 dias. Veio acompanhado de aumento de pressão arterial, mas após monitoramento, constatou-se que não tem nada a ver com hipertensão. Fui ao otorrino, que me receitou medicamento paraa tratar sintomas da Sindrome de Meniere, embora nunca tenha sentido naúseas, tontura, vômitos, etc etc etc. Sinceramente, não concordo com esse diagnóstico médico e devo consultar outros profissionais, já que este mal pode ter outra origem. Além do mais, sou músico e não percebi nenhuma perda auditiva. Tenho 53 anos.
Obrigado a todos por compartilhar informações tão importantes.

POstei um comentário ontem, 23/06/2010. Deletaram. Pôxa! Oxalá fosse deletado o zumbido que eu sinto!
Ednaldo

tenho o zunido no ouvido e descobri qque quando estou atacada da coluna é que o zunido aparece, então tenho é que cuidar da minha coluna.

Olá pessoal!
estou com este tal de “ZUMBIDO” a 4 dias, e está mt alto.
já não sei mais oque fazer, é TERRIVEL, e me dá mt stressa.
é uma coisa que te deixa louco, é que nem citaram Lá em cima, ou fica louco ou suicida.
é triste isso.
espero que juntos conseguimos todos uma CURA!
Deus nos ajuda, Deus sempre nos ajudará, basta crêr nele!
crer em teu Deus e tudo ele farás;
amém,que todos possam viver em paz. ;s

Este artigo é muito eficaz. Porém vou direto ao assunto. Meu testemunho é interessante pq eu mesmo fui o a cobaia. A fim de detonar umas godurinhas , comecei tomando tudo q era tipo de chá, desses q aconselham por aí afora.Refrigerantes dietéticos café´e o chá são portadores de alta dosagem de CAFEÍNA, componente agressivo para a região auditiva.Consumia muito refrigerante light-diet. Apareceu repentinamente o maldito zumbido no ouvido, durante uma semana. Parei de ingeri-los e eliminei este mal.Tenho absoluta certeza q vcs também serão bem sucedidos. Abrs clóvis

Também estou no time dos zumbideiros.Meus zumbido é incessante.Mas durante o dia passa despercebido. A noite é que o percebo mais.Fico feliz que vocês se interessam pelo assunto e estaõ a procura da cura.A gente tem que ter forças para suportar esse incômodo.Peço a Deus que ilumine vocês nesta busca incessante porque zumbido tira a gente do estado normal.Pelo amor de Deus por mim e por todos que sofrem deste mal, encontrem a cura o mais breve que puderem.

Acordei durante a noite com um chiado nos dois ouvidos, parece uma panela de pressão em fervura. Fui ao otorrino, que fez lavagem doouvido, pediu vários exames de sangue e audiometria, que estão em andamento. Já estou sem dormir há dois dias com o estresse que esse chiado contínuo me causa, parece que vou enlouquecer. Estou buscando informações mas parece que o problema é de difícil cura.

Lendo essas mensagens, não me
anima muito. Tanta gente com esse problema
O meu zumbido começou com cera, depois mergulhei na piscina.

É bom dizermos aqui como tudo começou, e quem sabe encontrem um meio de nos livrarmos disso.

eu também tenho esse zumbido no ouvido e me incomoda muito e me da muita dor de cabeça ja fui no medico duas vezes agora vou no onitorrinco vamos ver pois tinha sarado então depois de três dias voltou é muito ruim eu não quero que continui tenho fé em deus que isso vai passar…

eu não aguento mais esse zunbidooooooooooooooo
tenho que dormir
escutando musica

Olá a todos, sinto o zumbido há + ou – 7 anos, porém sempre foi tolerável, durante o dia não percebia somente no período noturno. Ocorre que há uma semana o zumbido aumentou tanto que que está me deixando louco. em uma escala de 0 a 10 sentia um nível 3 em uma semana subiu para 7/8 está terrível é tão alto que parece que outras pessoas também ouve. Não durmo, não trabalho direito, não tenho paciência dentro de casa… socorro…. Chego a ter pensamentos malignos tipo suicídio, porém não o faria.
A esperança é um dia poder deitar a cabeça no travesseiro e não ter mais essa tormenta na cabeça/ ouvido.
Coragem a todos…………
Marcos Vinicius.

oi gente eu co9mecei com esse problema a dois dias, mais acho que o meu tem cura, bem eu fui tomar banho e entrou agua n0o meu ouvido, ai eu fui deitar com o ouvido virado paraq a água sair e acordei com uma baita dor de ouvido, depois a dor melhorou e agora ele esta com uma sensação de tampado e eu estou ouvindo um som como de uma cigarra. Sera que a água que entrou no ouvido esta provocando o zumbido? O que devo fazer?

Fiquei feliz, muito feliz no momento em que pensei em recorrer à internet para ver se havia algo sobre “zumbido no ouvido” e encontrei as mais variadas informações a respeito. Vou tentar lê o máximo possível.
A razão para isso é que a cerca de dez meses percebi que além do som ambiente parecia haver algo que me incomodava, algo como o barulho contínuo de uma cigarra. Ao concentrar-me melhor percebi que realmente estava acontecendo comigo, eu tinha zumbido no ouvido. Para mim, percebo ser mais intenso ou unicamente proveniente do ouvido esquerdo. Procurei imediatamente um otorrino, o mesmo apenas se limitor a dizer que também sofria do mesmo problema, que não tinha cura e que eu teria que conviver com o mesmo para o resto da vida. Fiquei muito triste e diante do quadro o mesmo pediu que eu fizesse uma audiometria, mas que não adiantaria muito pois o máximo que ela apontaria seria uma surdez. Eu fiz a audiometria, mas nada foi constatado. Vou consultar outro profissional, seguir as orientações e ver se melhoro, pois percebo que estar piorando, já que percebo até de dia com barulho externo e tudo, se for ambiente fechado pior ainda. Creio que o problema surgiu cerca de 2 anos depois que fiz um tratamento ortodôntico com uso de aparelho por também 2 anos, para a correção da mordedura e realização de um implante dentário. Grato.

Tenho Zumbido, odeio o zumbido, me incomoda de uma tal forma, penso que vou enloquecer, não consigo me concentrar, AMO LER, e esse problema me atrapalha muitoooo :( (((

NUNCA PENSEI QUE TANTAS PESSOAS SOFRESSEM DESSE MAL. SÓ QUEM SOFRE MESMO É QUE SABE COMO É TERRÍVEL. PARECE QUE EU TENHO UMA PANELA DE PRESSÃO CONSTANTEMENTE EM MEUS OUVIDOS. UM OUVIDO COMEÇOU JÁ FAZ UNS 20 ANOS OU MAIS, QUANDO FUI FAZER UMA LAVAGEM. LOGO APÓS, COMECEI SENTIR O TERRÍVEL ZUMBIDO E DEPOIS COMEÇOU NO OUTRO TBM, COM A PERDA AUDITIVA. CADA VEZ ESTOU OUVINDO MENOS, MAS OS ZUMBIDOS OUÇO MUITO BEM. CADA AUDIOMETRIA QUE FAÇO A PERDA ESTÁ MAIOR. JÁ APRENDI A CONVIVER COM ESSE BARULHO INFERNAL QUE NÃO PARA UM SEGUNDO E SEMPRE NA MESMA ALTURA. VOU COMEÇAR AGORA TOMANDO GINGKO BILOBA. JÁ TOMEI, MAS NÃO MELHOROU, MAS AGORA VOU FAZER USO CONTÍNUO DO CHÁ. VAMOS VER SE VAI RESOLVER.

eese tal zumbido apareceu do dia para a noite e no começo incomodou muito, principalmente a noite. tenho uma pequena perda auditiva mas ainda não procurei o otorrino para tentar encontrar uma cura. UMA COISA É CERTA: QUANTO MAIS PESQUISAMOS SOBRE UMA DOENÇA MAIS SOFREMOS COM ELA.
APÓS LER ESTES COMENTÁRIOS MEU ZUMBIDO PIOROU E ME DEU ATÉ DOR DE CABEÇA!!!!!!!

Só quem passa por isso sabe como é! =/..
Há 3 anos eu adquiri o zumbido , estava nadando na praia e de repente uma onda bateu com força no meu ouvido, de tal maneira que o zumbido veio e não saiu…O problema que o meu zumbido tem um diferencial grandíssimo de todos vcs (ele aumenta gradativamente durante o dia e as vezes tenho a impressão q o ar está saindo pelo ouvido).ODEIO TUDO ISSO QUE ESTÁ ACONTECENDO COMIGO,está comprometendo minha fala , não tenho mais concentração em leitura (como tinha antes), estou ficando deprimido e nem sei se quero mais continuar estudando, vivendo.. =S
Eu sei que isso é um pequeno problema comparado ao de outros pessoas (como quem tem câncer..) mais peço a medicina que resolva isto por favor.Já fui ao otorrino 2 vezes e nada.

ESTOU ENLOUQUECENDO COM ISTO, PRINCIPALMENTE QUANDO VEJO PESSOAS ‘NORMAIS’ FUDENDO O OUVIDO POR NADA !!! AH COMO EU QUERIA UM OUVIDO NOVO…

É terrível ter que conviver com estes zumbidos e chiados principalmente por que no meu caso tenho dificuldade de escutar é constrangedor quando as pessoas estão falando eu mesmo me esforçando para ouvir acabo não escutando perfeitamente o que estão me dizendo. E quando é com uma pessoa estranha fica mais complicado normalmente elas perdem a paciência e são tão mal educadas. Hoje vou começar a fazer um curso de inglês e espero conseguir ouvir tudo e tenho que manter calma por que quanto mais nervosa eu fico mais os chiados aumentam. Como eu queria poder voltar a escutar normal.

Oi pessoal, sou uma mulher de fé, muito embora tb realista, to sofrendo com o tinido, mas não é por mim, meu namorado tem esse mau,olha não faço idéia do quanto isso possa ser doloroso pra vcs e pra ele, mas falo como alguém que o ama, dói não curar a dor de quem se ama, as crises dele aumentaram, cada vez mais alto o zumbido, só quero me juntar a vcs na corrente pela cura desta doença que está se tornando cada dia mais comum, sim creio numa força maior e imploro a ela a cura, agradeço por poder desabafar aqui, pedirei sempre por ele e por vcs, sorte em tudo.

O meu pai reclama de zumbido e quer muito saber se existe algum remédio que amenize ou cure. `Por gentileza, se alguém tiver resposta.
Obrigada !
Érika

SERÁ Q NAO TEM NENHUM ESPECIALISTA PARA NOS DAR ALGUMA ORIENTAÇÃO ACERCA DESSES NOSSOS PROBLEMAS?VEJO Q AS PESSOAS ESTÃO TOMANDO REMEDIOS POR CONTA PROPRIA E NINGUEM DA AREA DA SAUDE SE MANIFESTA PARA NOS SOCORRER COM UMA INFORMAÇAO CONCRETA?ESTÃO CLONANDO SERES HUMANOS E NÓS AQUI SOFRENDO COM OS BENDITOS ZUMBIDOS ENLOUQUECEDORES??ACHO UM DESCASO E ATÉ NEGLIGENCIA CONOSCO,SE FOSSE DOENÇA DE CACHORRO DE MADAME JÁ TERIAM ACHADO A CURA.SOCORRO!!!!!

Olá , meu nome é Marcos Ferreira , tenho 48 anos , hoje faz sete dias que estou com esse zumbido , não sabia que muitas pessoas sofrem com esse mal , fui no otorrino , meu ouvido direito fica 24 horas zunindo, meu otorrino fez lavagem com água oxigenada misturada com água , não adiantou , parece que piorou , estou usando cerumim , não resolveu , o meu otorrino me disse que estou com cêra , tipo uma rolha.
Tá dificil de sair , terça feira vou no otorrino e espero uma solução , quando vi uma postagens com pessoas que sofre desse mal a 30 anos , 20 anos, me deixou assustado , estou a 7 DIAS E NÃO ESTOU AGUENTANDO , TORCENDO PARA , chegar terça feira para ir na minha consulta marcada , espero soluções .
Mas estou assustado !

OLÁ PESSOAL,MEU NOME É YURI, TENHO 17 ANOS, EU TENHO ZUMBIDO DESDE DEZEMBRO DE 2009, AGORA HA NOVE MESES, EU JA FUI AO PSIQUIQUIATRA, NEUROLOGISTA E OTORRINOLARINGOLOGISTA, FIZ TOMOGRAFIA IMPEDANCIOMETRIA E AUDIOMETRIA, ALÉM DE ELETROENCEFALOGRAFIA, E ATE AGORA NAO CONSEGUI A CURA, EU FAÇO ACUPUNTURA TODAS AS SEMANAS, TOMO TANAKAN DE 120 MG E BETASERC 16 MG E NADA; QUANDO FIZ TRATAMENTO PSIQUIATRICO TOMEI FRONTAL E RIVOTRIL E NAO ALCANCEI A CURA, ONTEM MESMO EU ESTAVA NA ESCOLA E AUMENTOU DE TAL FORMA QUE EU QUASE FIQUEI LOUCO, NAO CONSIGO FAZER LEITURAS E ISSO ATRAPALHA DEMAIS A MINHA VIDA, ISSO FOI A MINHA DESTRUIÇÃO EU SINTO VONTADE DE MORRER CONSTANTEMENTE, E EU ME SINTO MUITO INFELIZ COM ISSO, SÓ QUEM SENTE SABE A AGONIA QUE É A PESSOA CONVIVER COM ISSO, QUEM QUISER CONVERSAR COMIGO, FAVOR ME ADD NO MSN: yurisimplesmente@hotmail.com .BOA SORTE A TODOS NÓS E QUE DEUS POSSA NOS CURAR UM DIA.AMÉM!

TENHO ESSE ZUMBIDO DESDE CRIANÇA (ATUALMENTE TENHO 29 ANOS) ELE NÃO É MUITO FREQUENTE E COMO SEI QUE QUANDO ELE COMEÇA TERMINA LOGO ISSO NÃO CHEGA A ME INCOMODAR. O QUE TEM ME INCOMODADO (ISSO SURGIU NOS ÚLTIMOS ANOS) É OUVIR-TAMBÉM COM POUCA FREQUÊNCIA- A MINHA PULSAÇÃO NO OUVIDO, ISSO SIM ME INCOMODA PQ AS VEZES DEMORA PARA PASSAR. QUANDO EU MUDO A MINHA POSIÇÃO CORPORAL POSSO DEIXAR DE OUVIR A PULSAÇÃO, MAS SE ME MEXO NOVAMENTE, VOLTO A OUVI-LA.

bom dia. De Portugal escreve o vosso amigo jacinto Pereira.
Eis os conselhos que devem seguir. Se encontrarem outros mMelhores sigam. Como sabeis, os zumbidos auditivos podem ter uma ou mais causas, e que a medicina dos quimicos nao da soluçoes. O que eles querem e encher os bolsos a custa do sofrimento das pessoas. Acabam-se os otorrinos quando ninguem os visitar porque estao saudaveis.A ssim o interresse deles nao reside na cura mas em perpetuar a doença. Nao parece mas é assim. Se ninguem comesse pão existiriam padeiros e moleiros? pronto ja eprceberam.
Cuidados : eviatr os acucares, as gorduras, o alcool, deixar de fumar, eviatr situaçoes de stress e ansiedade. FAzer exercicio fisico. O stress que advem de vosso trabalho tambem pode ser amenizado. Pratiquem yoga e meditaçao que e optima para tudo e para o sistema nervosos ( a causa principal dos zumbidos)
Tomem uma atitude de indiferença ou de aceitaçao natural sobre os zumbidos que vos incomodam. Nao durma com almofadas altas. Quem sofre da coluna trate de a corrigir com a yoga fisica e massagens.
Por fim aqueles que puderem optat ao longo de sua vida uma ddieta vegetariana( nao radcial) so terao a beneficiar porque melhoram grandemente toda a vossa saude. Continuem a ler a pesquisar e a apliar. Um abraço
dr. jacinto Pereira

Sinto apitos muito fortes e contínuo, a ponto de já me enlouquecer e gostaria de receber emails se alguém sabe de alguma coisa que ajuda, pois na cura não acredito mais, uma vez que já passei por mais de 100 otorrinos e nenhum deu jeito na doença, por favor se voçe puder me ajude, meu email é: ANTONIO.ANSELMO@AVON.COM

Parece que de tudo o que li, a respeito de um tratamento medicamentoso eficaz, o que melhor gerou resultados REAIS e científicos esperançosos foi o com “acamprosato”… Uma melhora expressiva das pessoas dos testes… É esperançoso a todos… Acontece que a MERCK tirou esse medicamento, que era utilizado para Alcoolismo (quase sem efeitos colateriais) do mercado. Incrível! O único medicamento cientificamente estudado, com altos graus de resposta positiva, é tirado do mercado brasileiro… Eta Brasilzão….

Depois que li esta pagina fiqueis mais comformado, nem só aqui maes em todos estado encontra infelismente tem pessoa com este poblema. maes deus é mies vai nós agudar. ABRAÇO Á TODOS. 10/10/2010.

Olá!Li os comentários de todos que sofrem com esse transtorno terrível.Felizmente não tenho zumbido,mas trabalho com pacientes que tem e ouço todo dia relatos parecidos com o de vocês,o que me toca muito.
Em primeiro lugar,peço que não julguem a medicina por não ter encontrado ainda a cura p/este mal,nem sempre é fácil e vocês saberiam se fossem da área.Cada vez mais cresce o número de pesquisas à respeito e cursos sobre o assunto.O problema é que as causas são inúmeras e o mais difícil, muitas vezes, é encontrá-la.
O primeiro passo é tentar manter a calma/serenidade e consultar um bom médico Otorrinolaringologista que examinará seus ouvidos,nariz e garganta e solicitará os exames básicos (audiometria e imitanciometria).Se o médico não verificar nenhuma alteração de orelha externa(exame do ouvido, canal auditivo e tímpano), média ou interna, provavelmente ele irá fazer mais perguntas para tentar correlacionar suas queixas ao zumbido.O uso de medicação vaso-dilatadora é quase sempre indicado, embora a resposta ao tratamento varie de uma pessoa para outra. Tenha em mente que o tratamento deve ser feito corretamente e por um longo tempo (não esperem resultados rápidos).Caso haja alteração em algum(s) do(s) exame(s), o médico fará o tratamento mais adequado e poderá solicitar algum outro exame, como tomografia por exemplo.
Lembre-se que o zumbido pode ser consequência de “coisas” simples como: cera no ouvido, disfunção tubária(sensação que está subindo a serra),labirintopatias(vertigens/tonturas), problemas musculares-região cervical,alterações nos dentes/ATM,diabetes, hipertensão, estresse,entre tantos outros. Não é o mais comum, mas também pode estar ligado à patologias mais graves, como tumores, e por isso é importante fazer os exames solicitados pelo seu médico. Confie no profissional que você escolheu e se tiver dúvidas, ouça uma segunda opinião.
O importante é não desistir!Já vi pessoas melhorarem com medicação,acupuntura,massagens,uso de plaquinha(dentes) p/dormir…
Não fique apenas se queixando do seu problema, faça toda investigação possível, os tratamentos e nunca perca as esperanças! Tente tudo o que houver ou o que você acreditar (vale rezas,promessas,novenas p/os mais crentes). Só se conforme (e então aceite seu problema!) depois de ter esgotado todas as possibilidades, todas as tentativas de resolvê-lo.
Muitos casos tem cura e o seu pode ser um desses!
Espero ter ajudado de alguma forma e desejo sorte à todos.

ZUMZUMZUMZUMZUMZUM principalmente à noite/Unidade inimiga armada até os dentes/ Marcando o saudoso passado e o futuro incerto/Bateria de INSETOS/Intensos, graves, agudos/ Dissimulados por outros barulhos/ Ouvidos incessantemente/ Salve-se quem puder! Após 3 anos de zumbidos ainda tento brincar com eles. Mas só quem os têm sabe a aflição, impaciência, estresse que causam. Temos que mascará-los com caminhadas, trabalhos manuais, orações em grupo e quando pudermos viajar.Somos bem mais fortes que esse mesquinhos barulhos.Se vocês conseguirem a cura, por favor ajudem-me! Eu farei o mesmose conseguir Obrigada.

Olá zumbineiros, tenho 44 anos, escuto essa melodia Hà 23 anos, estou quase aprendendo a lidar com ela, mas as vezes comfesso que me deixa louco. O otorrino disse que surgiu de trabalhar muito tempo com ruido sem proteçao ou de um estampido muito forte, perdi parte da audiçao, 6% ouvido direito e 2% do esquerdo. Espero que a medicina encontre logo um tratamento para ao menos amenizar o problema. Enquanto isso vamos curtindo. um grande abraço a todos.

Bom dia , fui no otorrino fiz exame de audimetria e o resultado foi normal , o meu médico me disse que esse zumbido não tem nada a ver com o ouvido , ele disse que o zumbido pode ser diabete ,problemas na coluna , ele me disse que não pode fazer nada e me receitou um ramédio EQUITAM 80 mg . ALGUÉM JA USOU ESSE REMÉDIO? meu médico mandou tomar por 30 dias , consultei a bula desse remédio na internet , na bula disse que o remédio é para zumbidos no ouvido.Ainda não comprei o remédio , não aguento mais viver com esse zumbido.

QUEM TEM LABIRINTITE PODE USAR FONE DE OUVIDO COM MUSICA??? POR FAVOR ME DE A RESPOSTA… ABRAÇOS….

Bem amigos, estou com esse tal zumbido há uns 20 dias, já fui ao médico, fiz audiometria e graças a Deus deu tudo normal, mas aí fiz também o VENG, exame de labirintite, e acusou vestibulopatia periférica, e o médico disse que é labirintite, passou labirin, tomei uma semana e nada, ele mudou o remédio para stugeron 75mg, estou tomando a dois dias, espero que esse resolva, é bem ruim mesmo este zumbido, atrapalha muito, estou até sem trabalhar, a base de atestados médicos, não vejo a hora da minha vida voltar ao normal, espero melhoras a todos que aquí postaram seus depoimentos, às vezes fico desanimada quando vejo que tem pessoas que já estão a anos sentido isso, mas do fundo do meu coração, espero que todos sarem desse mal, fiquem com Deus…

Olá pessoal, meu nome é Jeann e também sofro com esse “mal”. Bem, a principio pensei que isso fosse normal, até que um dia na sala de aula minha professora comentou que uma percentagem dos individuos sofriam com um tal de zumbido no ouvido, aquilo mexeu comigo, parei e comigo pensei… xiii eu tenho esse mal!Então após esse dia descobri que eu tinha zumbido. Procurei imediatamente um otorrino. Ele examinou meu ouvido e não percebeu nda de diferente, então me encaminhou à audiometria, fiz todos os exames e foi detectado que minha audição estava normal. Então a Drª suspeitou que fosse problema na ATM (articulação da mandibula), então em encaminhou ao clínico expecialista em ortodontia, relatei todo o meu percusso até então, ela passou umas fisioterapias, contudo não melhorou, pediu uma radiografia 3D da face e detectou tb que estava tudo normal. Então procurei um clinico e contei o que estava acontecendo, pois não sabia mas a quem recorrer, já estava sentindo até dores na cabeça continuas( descobri que estava com sintomas de enxaquecas), então ele me medicou com o vertigium, estou tomando e confio em Deus que isso vai passar, pois com Ele tudo posso.

PS.: sou muito ansioso e estou me esstresando por besteira, acho que tem a vê com esse mal.

No meu caso, estes zumbidos apareceram depois de ter tido uma tontura enorme e ter recorrido ao hospital.Foi há cerca de 3 anos. As tonturas passaram , mas os zumbidos foram gradualmente evoluindo para uma situação que agora me põe louco. Há dias melhores outros piores. Mas o problema é quando chega a noite. Pior ainda é que estes zumbidos são acompanhados por dor de cabeça forte e pressão na cabeça. Na altura fiz TAC e Radiografia e não acusou nada grave.Concordo com aquilo que muita gente aqui fala: porque raio os laboratórios ainda não se debruçaram nesta matéria e nos ajudem com remédio focado neste problema?
O stress é consequência imediata deste fenómeno, até porque o saber que o problema concreto é indefinido e não sabermos a que especialista da área recorrer, é angustiante demais.
Também abuso no álcool, problema que ainda não consegui suplantar, e penso que agrava ainda mais os zumbidos.
Foi um desabafo, espero as melhoras de todos e como dizem muito neste espaço: Deus ajuda, DEus é grande!

Luiza H.17,de novembro,2010.Boa tarde,fui no otorrino e estou tomando o remédio que ele me receitou. tem dois meses que estou com este zumbido.Vamos fazer uma corrente de oração em nome de JESUS para que todos nós fiquemos curados para a Glória de DEUS,Amém.JESUS abençoê a todos.

estou com este zumbido ha mais de 10 anos e nunca encontrei soluçao,ja fui no neurologista;otorrino;psicologos;atualmente estou fazendo fisioterapia e acunputura e vou usar a placa para a disfunçao da atm .vamos ver o que vai dar e a minha ultima esperança.ja cheguei no meu limite.

tenho 56 ano há 15 tenho zumbido no ouvido sei que não e fácil conviver com isso, porém hoje em dia não me incomoda mai aprendi a conviver com ele. no começo procurei resposta para o problema não as encontrando fui obrigado a conviver com o problema. para quem tem esse problema ai vai uma dica: é possive conviver com isso nem me lembro mais dele passo dias sem percebe-lo mesmo sendo afetado por isso.

Olá pessoal! O meu tinido surgiu após tomar albendazol para vermes. Hoje sei que são dezenas de medicamentos que provocam tinido. As vezes está mais alto, outras vezes mais baixo. Sinto que alimentos gordurosos e doces em excesso, realmente aumentam o som de panela de pressão cozinhando beterraba. Só ouço no ouvido esquerdo, por isso o tinido não incomoda no direito. Isso significa que este som estranho tem a ver com o funcionamento do ouvido normal. Quando o som é originado por problema digestivo, tipo gorduras, eu tomo um chá de malva. Melhorando a diogestão, reduz meu tinido. Tambem tenho tendencia a depressão, moro sozinho e esta tambem quando per mito sua manifestação, sinto mais este tinido. por hoje estas são minhas vivencias dete problema. Abraços. Sérgio.

Boa tarde a todos. Se fosse apenas o zumbido, penso que qualquer pessoa poderia se adaptar com o tempo. Mas essa porcaria de zumbido pode ser efeito e não causa. O zumbido pode estar aí por algo encoberto e quando se vai ao médico é que se percebe a fragilidade desse profisional prá lidar com esse verdadeiro desafio. Tô com zumbido já há uns 08 meses, já fui a otorrinos, cardilogista, clínico geral, fonoaudiólogos, já fiz uma porrada de exames, tomografias, ressonâncias, vectos e nada nada nada. Um médico otorrino me disse que as causas são tantas que é melhor tratar os efeitos, aguenta um troço desses. Agora, estou sentindo zonzeira, fadiga, minha cabeça “pesada” e coisas do tipo. E ninguém encontra coisa nenhuma, nada nada nada. Tô torcendo prá que no final, fique apenas esse maldito zumbido. Acho que dá prá aguentar até o fim da vida, já estou com 54 anos, sou músico e não quero e nem posso perder a audição, música é quase tudo na minha vida. Me desculpem pelo desabafo………..

eu tambem sou a mas nova integrante do grupo do zumbido kkk
estava muito triste isso é muito ruim mesmo,pesso a Deus q todos nós podemos nos curar um dia próximo pork tem 3meses q estou assim.

Sou paciente há mais de 50 anos.
Os zumbidos surgem por motivos traumáticos.Posteriormente sofre-se de ansiedade emocional, stress, etc. a nível do sistema nervoso central, que dá origem a uma doença psicossomática.Fui “peregrino” junto de médicos especializados, ao longo dos anos, e nenhum conseguiu a cura.Consequentemente, trata-se de uma doença incurável.
No decurso da vida têm-me causado dificuldades quanto à meditação e concentração, designadamente quando era estudante.HAVERÁ ALGUM CIENTISTA DOTADO DE CONHECIMENTOS PARA OS ELIMINAR ?

Meu amigos sou zumbiteiros como vcs a uns 3 anos que começou me irritar de verdade, já fiz uma tour por diversos médicos, e nada de util, acho que a unica maneira de cura é nos unirmos e trocarmos experiencia uns com os outros, só assim saberemos o q é melhor e o q funciona………

Pois esperar de médicos acho que vai demorar……..

Faz 2 anos que tenho esse zumbido no ouvido.
Incialmente vem a fase de desespero em pensar que nunca mais vai sentir o silêncio novamente.
O desespero atrás de médicos e todo tipo de informações.
EXISTE TRATAMENTO SIM.
A questão é que é demorado.
Meu otorrino receitou Labirin e Ginko biloba.
Durante 3 meses segui a risca tomando as dosagens certas.
Existiu sim um melhora significativa, porém tanto quanto tomar os remédios, foi me adaptar com o zumbido.
A adaptação com musicas, relaxamento e a melhora no zumbido faz a gente ficar com a falsa sensação de cura, foi ai o meu erro. Parei com os remédios. Enfim a uns 20 dias a disgrama voltou com a mesma força do começo, tá alto pra caramba e lá vou eu começar do zero.
Um grande conselho, não repitam o mesmo erro que eu.
Procure um médico e faça o tratamento direito. É longo, demorado, mas melhora e muito.
Um abraço a todos e que Deus nos ajude…. rsrsrs

OI pessoal fiz questão de ler quase todos comentarios e o que percebi foi a correlação de muitos depoimentos, apesar de muitos ou quase todos médicos não saberem resolver o zumbido tenho quase certeza que boa parte deles é de causa emocional pois tenho esse “apito” há uns 2 anos e meio fiz todos os exames possiveis e tudo dentro da normalidade existe altos e baixos tem dia que incomoda mais outro menos , nesse tempo que tenho lutado pra eliminar esse zumbido descobri que o melhor caminho não é “brigar” com ele mas sim focar a atenção nas atividades do dia a dia mantendo a cabeça ocupada evitar pensamentos negativos e tratar a ansiedade remédio para a circulação é bem vindo de preferencia os naturais, pois eles combatem a tontura evitar doces em excessos com esses cuidados o monstro se torna menos intimidador volto a frisar se a causa for emocional o tratamento a base de boa parte dos remédios não terao eficacia fica aqui algum,as dicas converse com quem vc gosta, caminhada, leitura,a noite se o barulho incomodar bastante grave um cd com um som da natureza ou um som semelhante ao zumbido para “camuflar”, fica aqui meu abraço a todos, creio que só Deus pode dar o livramento absoluto.. e do mesmo jeito ue apareceu ele vai embora!!

Olá pessoal: observa-se claramente que o nosso mercado ainda não dispõe de medicação eficaz para minimizar os efeitos do zumbido. Os ” especialistas”, ainda um tanto despreparados no assunto, vão empurrando seus pacientes para caminhos diversos, mas a solução definitiva ainda é um incógnita.- Sofro de surdez moderada acompanhada de zumbido há muitos anos. Aprendí, depois de muita força de vontade, a conviver com o incômodo. Entretanto, ùltimamente, este zumbido transformou-se em ” músicas auditivas” que penetra em minha mente como um MP3. A princípio era só no período noturno, mas agora é o dia inteiro. Um ” coral ” entonando músicas Gregorianas variadas e diversificadas. Achei que estava ficando perturbado. Já me submetí a vários exames específicos, tanto auditivos como psicológicos e neurológicos e os resultados foram todos negativos.Como men-cionei o exemplo do MP3, aprendí a selecionar as músicas que sorrateiramente entram no meu cérebro e, assim, estou convivendo com esse incômodo. Pelo exposto, como se nota, o meu problema têm uma conotação mais grave do que àquelas levantadas pelos colegas portadores do propalado zumbido.Um abraço a todos e um ano novo repleto de realizações.J.Amir

Num acidente de trabalho perdi a audição total de um ouvido e parcial do outro, inclusive estou com processo na justiça que “JÁ FEZ 25 ANOS” e até hoje nada. Mesmo depois de tanto tempo não me adaptei ao zumbido que é constante e as vezes muito alto (depende muito do meu dia dia.Já fiz tratamento, servi de cobaia por 6 meses tomando remédio esperimental ANTI-ZUMBIDO vindo da Alemanha, enfim foi pior, aparesceu mais um som ao deitar-me. Comvivo com: Zumbido alto e eterno, Dificuldade de comunicação, transtorno em casa por causa do som da TV que pra mim tem que ser alto, Alteração constante de humor, Não suporto barulho, Não entendo a letra das musicas, por causa do som mistura tudo, Dificuldade ao telefone, Nevralgia no houvido sensação de dor,Na rua se um carro buzina fico totalmente perdido e por isso já fui atropelado, Bailes-shows-piscina e bebidas alcoólicas nem pensar. Vivo trocando de lado com as pessoas na rua para conversar. Levo a vida comcordando com o que me dizem por não entender o que falam.Tenho que fazer lavagem no otorrino de 4 em 4 meses.
Tenho 61 anos, já cheguei a pensar besteira, é difícil mas procuro levar a vida numa boa apesar do esforço extremo para controlar os nervos……….

OLÁ FORÇA PARA VOÇÊS TODOS JÁ FIZ DE QUASE TUDO DESDE APUNCULTURA ATÉ TODOS OS MEDICAMENTOS RELATADOS,MAS POUCA GENTE FALOU QUE MUDANÇA DO TEMPO PIORA E DE QUE MANEIRA, MAS ACHO QUE NÃO NOS ENERVAR-MOS AJUDA , NÃO PENSAR-MOS NO ZUMBIDO TAMBÉM, ANDAR A PÉ AJUDA E FALAR COM PESSOAL QUE TENHAM O MESMO PROBLEMA AJUDA. MORO EM PORTUGAL NA CIDADE DO ENTRONCAMENTO O MEU TELM 964566035 POEM LIGAR PARA DESABAFAR,POIS ISTO MATA AOS POUCOS E QUEM NÃO TEM NÃO COMPREENDE

BOA TARDE AMIGOS DO TINNNN,DEPOIS DE LER TODOS ESSES DEP.PQ TB TENHO ESSE BARULHO INFERNAL,SÓ TENHO UMA PERGUNTA A FAZER:COMO EU FAÇO PRA FURAR OS MEUS TIMPANOS PQ PERCEBI QUE É A UNICA MANEIRA DE SAIR O TIN.AGRADEÇO.

Ola pessoal comecei com esse tal zumbido a 1 dia é horrivel procurei o melhor otorrino e ele me passou uma serie de exames alguns eu fiz na hora da consulta e um outro eu só posso fazer depois de 48 horas sem tomar nenhum medicamento (caso eu ache a cura vou postar aqui) caso alguem tenha o mesmo problema e quiser trocar uma ideia pelo msn ou imail e só me add (logancali@hotmail.com) melhoras a todos.

ola pessoal com zumbido no ouvido ,estou com um poblema um pouco diferente meu caso e o seguinte estourei um rojao treme- terra ele atingiu meu ouvido e ate entao nao consigo dormir mais e os medicos nao dizem nada estou num barco furado … me digam sera que vou ficar bem . pois nunca mais soltarei rojao algum:

Olá !!! Pessoal depois de ter lido muito a respeito dos ZUMBIDOS nos ouvidos,fiquei surpresso com o grande numero de pessoas com o problema que também esta comigo a mais ou menos dois meses e meio, achei que isso logo iria parar, mas não passou pelo contrario aumentou, tive que procurar um médico, pois é 24 hs um sumbido parece uma cigarra em meus ouvidos, quanto mais eu me movimento mais aumenta o zumbido e uma sensação de pressão na nuca, fiz tomografia e rx da coluna e nada foi constatado, confesso que já esta me incomodando um pouco, eu atribuo isso ao excesso de trabalho que tive nestes ultimos meses.Tem horas que parece que meus ouvidos ficam entupidos como se estivessem cheios de água, eu já fiz exames de audição e está tudo normal! Mas meus amigos isso já esta me preocupando, a noite é horrivel!!! O médico já encheu de médicamentos. Ma se Deus quizer isso vai passar, porque realmente está afetando no meu dia dia … Obrigado !!

a quase um ano tenho esse zumbido achava que ia passar agora que comecei passar no medico de inicio estou tomando ginkgobiloba mas acima de tudo nós temos um DEUS que não curou só no passado ainda cura ,hoje basta nós ouvirmos a Palavra que é atravéz dela que os milagres acontece,basta crer fiquem na paz Amém!

São 15 anos de “panela de pressão” no ouvido, pelo tempo e passagens por consultório percebi que a medicina também não sabe curar o zumbido, médicos “chutam aqui e acolá” um farmacêutico me receitou “Tanakan” a base de ginco-biloba, foi o que atenuou o zumbido, porém quando tomo café a tarde ou me sinto com a “alma cansada” ele aumenta muito e o remédio pouco pode fazer…vou levando.

óla meu nome é larissa eu eu tenho 12 anos e as vese eu ousso um zunbido em meu ouvido e algumas veses vai almentando cada ves mas isso é muito estranho é normal issso?

razoavel poderia explorar mais o assunto que é tão vasto.Mais toda fonte de informação é gratificante e informativa. muito Grata Angela Felix.

Resumindo….estamos enrolados, para não escrever outra palavra! Peço a Deus…nem tanto por mim…mas para que este mal não recaia sobre meus filhos. Faz 13 anos que sofro…sem solução…boa sorte a todos!

boa noite a todos eu tenho 22 anos e a uns 8 meses eu venho escutando este zumbido no ouvido direito um (ziiiiiiiiiin) bem fininho q me deixa muito estressado,o zumbido é baixo so escuto no silêncio logo quando tenho q descançar nao fui ao medico ainda pois nao acredito haja cura mas apos ver esses comentarios irei tentar me livrar desta praga !!
desejo a todos boa sorte
por que so quem tem sabe como e ruim!!
boa noite!

Recebi o que segue abaixo. Pela primeira vez vejo onde esta o problema. Resta saber a procedência e como agir para obter os resultados esperados (praticidade). Assim seria conveniente haver debate/discussões.
abçs

Zumbidos no ouvido – Culpa da glândula pineal

A pineal está localizada no meio do cérebro, na altura dos olhos. Ela é um órgão cronobiológico, um relógio interno. Como ela faz isso? Captando as radiações do Sol e da Lua. A pineal obedece aos chamados Zeitbergers.

Por exemplo, o Sol é um Zeitberger externos que regem as noções de tempo e que influencia a pineal, regendo o ciclo de sono e de vigília, quando esta glândula secreta o hormônio melatonina. Isso dá ao organismo a referência de horário.

Existe também o Zeitberger interno, que são os genes, trazendo o perfil de ritmo regular de cada pessoa.

Nós vivemos em três dimensões e nos relacionamos com a quarta, através do tempo. A pineal é a única estrutura do corpo que transpõe essa dimensão, que é capaz de captar informações que estão além dessa dimensão nossa.

Para Descartes é o ponto em que a alma se liga ao corpo, até na questão física há uma lógica que é esta glândula que lida com a outra dimensão, e isso é um fato.

Todos os animais têm essa glândula; ela os orienta nos processos migratórios porque sintoniza o campo magnético. Nos animais, a glândula pineal tem fotorreceptores iguais aos presentes na retina dos olhos, porque a origem biológica da pineal é a mesma dos olhos, é um terceiro olho, literalmente.Os cientistas Vollrath e Semm, que têm artigos publicados na revista científica Nature, de 1988, comprovam que a pineal converte ondas eletromagnéticas em estímulos neuroquímicos

O espiritual age pelo campo eletromagnético, se há uma interferência espiritual por exemplo, se dá justamente pelo campo eletromagnético. As interferência acontece na natureza pelas leis da própria natureza. Segundo Sérgio Felipe de Oliveira, a pineal captaria informações do mundo espiritual por ondas eletromagnéticas, como “um telefone celular”, e as transformaria em estímulos neuroquímicos.

A parapsicologia diz que estes campos eletromagnéticos podem afetar a mente humana. O dr. Michael Persinger, da Laurentian University, no Canadá, fez experiências com um capacete que emite ondas eletromagnéticas nos lobos temporais.

As pessoas submetidas a essas experiências teriam tido “visões” e sentiram presenças espirituais. O dr. Persinger atribui esses fenômenos à influência dessas ondas eletromagnéticas.Pesquisas recentes indicam que a pineal está ligado a dois centros nervosos, um de cada ouvido. Estes dois centros nervosos, e mais o centro situado na própria glândula, formam um triângulo, com a pineal no centro da cabeça com o ápice ou vértice superior, e dois centros nervosos dos ouvidos formando a base. Assim, os pesquisadores elaboraram o princípio de que tudo o que afete os tímpanos afetará a pineal, qualquer princípio que afete a pineal afetará os tímpanos.

A glândula está localizada em uma área cheia de líquido. O som faz o líquido vibrar, provocando uma reação na glândula. Essa belezinha, converte ondas eletromagnéticas em estímulos neuroquímicos.A Física Quântica diz que tudo é vibração e nós vibramos em diferentes freqüências, também somos influenciados em diferentes freqüências, por meio natural ou não (falaremos disso mais tarde).

Estamos sendo bombardeados com energias vindo da galáxia, incluindo o bombardeio do Sol, tudo isso afeta a Terra e logicamente nos afeta.

Sempre vibração e som, recentemente os cientista conseguiram até reproduzir o som do Sol nas suas explosões solares.

Quanto mais se intensifica o som, mais a pineal “trabalha”, quanto mais ela trabalha, mais se intensifica o som, formando um circulo que nos leva rapidamente ao estado de projeção consciente.

Sendo assim, meus amigos, os barulhos, zumbidos, apitos, sininhos…que você pode estar ouvindo diariamente ou esporadicamente são produzidos pelo trabalho/desenvolvimento da glândula pineal e todo um fator externo está contribuindo para isso. Nós estamos literalmente escutando essa belezinha trabalhar.

Essa glândula é nossa conexão com outras dimensões, nossa glândula foi danificada ao “looooongo do tempo”, por falta de uso, química (veneno) nos nossos alimentos, poluição e acredito que a nossa contribuição tenha realmente sido a maior de todas, porque caímos nas ilusões materialistas e hoje somos extremamente apegados a tudo que os nossos 5 sentidos podem tocar, sentir, ver e ouvir…

Pra terminar, vou deixar um exercício de meditação de desenvolvimento energético da pineal. Um exercício diferente, mas bem gostoso de realizar.

Certos exercícios psíquicos provocam um zumbido que começa a se manifestar nos ouvidos e persiste por algum tempo. Esse zumbido indica que alguma energia ou ação está sendo transmitida aos tímpanos, a partir da pineal. (Pesquisa feita pela Universidade de Basle na Suíça).

Deverá ser feito no escuro, onde a produção do hormônio da pineal aumenta.

- Por uma ou duas semanas, deve-se relaxar por alguns minutos, coloque o dedo indicador de cada mão o mais para dentro do ouvido que seja possível sem pressão incômoda.

- Enquanto os dedos estiverem nesta posição nos ouvidos, tomem uma inalação profunda pelo nariz e retenha o quanto possível.

- Mantenha a boca fechada, quando não puder mais prender a respiração, exale lentamente pelo nariz.

- Conserve os dedos nos ouvidos durante todo o tempo que esteja inalando, retendo e exalando.

- Respire normalmente por mais ou menos 30 segundos e repita o procedimento por 10 vezes.

Ao terminar, você sentirá um calor nos dutos auditivos.

A respiração pelo nariz, com os dedos colocados nos ouvidos, estabelece um circuito bem definido de vibrações positivas e negativas, que afetem os centros nervosos do crânio, o centro nervoso da tireóide, e os centro nervosos de cada um dos dois dedos.

O resultado deste exercício, se praticado conforme a instrução, será a desobstrução do nariz para a respiração e dos ouvidos para a audição, a eliminação de qualquer congestão craniana, o desenvolvimento da sensibilidade dos nervos do nariz a ponto de perceberem novos odores ou facilitar a os já conhecidos.

Ao mesmo tempo, a pineal irá despertar gradativamente, com crescente vitalidade para as funções psi.

Eu tenho esse zumbido faz 5 meses

Fica quase imperceptivel, no começo fiquei desesperado, já gastei mais de 1500 reais e não obtive melhora alguma

O negócio é você ficar em ambientes que tem algum tipo de barulho constante pra encobrir o zumbido, seja um ventilador, ar condicionado

Pra durmi, eu meto um som de chuva no pc e durmo igual um anjo hehehe

Já me acostumei, porém tenho medo que piore, estou correndo atraz de alguma cura, mas está dificil

Vamos ver né

Faz 6 meses que eu não sei oq é silêncio

olá meu nome é ediberto tenho esse zumbido a oito mêses,é orrivel pois me estressa, minha preção sobe,os medicos falam que não tem cura e sim tratamento não aguento mais,não consigo ler ou se consentrar acho que já tô louco pesso a Deus para me curar todos os dias já escrevi até para ana maria braga para dr:gulherme entrar em contato com profissionais renomados no assunto mais não obtive resposta ainda vamos nus organizar e exigir uma providencia pessoal.Desculpa mais tinha que me desabafar…!

OLÁ TENHO 42 ANOS E CONVIVO COM O ZUMBIDO A 10. PARECE QUE TENHO 2 CIGARROES CANTANDO 24 HR POR DIA. SO PARA QUANDO TOMO UMAS CERVEJAS, MAS DEPOIS VEM COM FORÇA TOTAL.JA FIZ EXAMES ,CONSULTEI COM VARIOS MEDICOS E NADA.MAS ESTOU CIENTE QUE TEM HAVER COM STRESS,PORQUE QDO VIAJO OU ESTOU TRANQUILO ELE DA UMA ALIVIADA BOA.E O PIOR E QUE ESTRAGA A QUALIDADE DE VIDA DE QUALQUER SER HUMANO E TIRA O ANIMO DA GENTE .DEIXANDO A AUTOESTIMA LA EMBAIXO. QUALQUER INFORMAÇAO E BEM VINDA …

há 15 anos começou o meu chiado – sofri muito – tomei tudo que aqui foi dito e mais um pouco – fiz todos exames possíveis e imaginaveis – com o tempo fui acostumando – eu ouvia ele mas já não me pertubava mais – espero que todos cheguem nesse ponto – há umas 3 semanas o tal chiado aumentou consideravelmente e estou parecendo uma volta ao passado pois estou louquinho de novo atrás de uma solução – é tudo muito horrível.
Andei (como todos aqui) consultando a internet e muito foi dito sobre o VASTAREL (trimetazidine) estou saindo agora para comprar – Não que as pessoas devam se medicar por conta própria, mas eu conheço toda essa história de passar por médicos e mais médicos e exames e nada resolver – então vou tentar o vastrel, procurem no gogle e vejam os estudos sobre isso.
boa sorte a todos nós e se tiver um bom resultado eu posto de novo – sorte pra todos

Coeçou ontem esse tuuuuuuuuuu infernal no meu ouvido e n para mais to ficando com raiva desse TUUUUUUUUUUU xato.

Já faz 1 ano que tenho esse ZUMBIDO, sinto saudade do silêncio no meu ouvido esquerdo. Agora é esperar um abençoado por DEUS inventar remédio para a cura. Acho que daqui a duas décadas.

Bati a cabeça num galho de arvore daqui de casa e começou esse chiado, depois com intoxicação de dois antibióticos para o tratamento da bactéria H Pylori e tomava outro antibiótico no tratamento do íleo, me intoxiquei, desesperadamente andava de um lado para outro e veio mais alto o chiado e depois mais uma vez com sulfa para tratamento de infecção urinária e não saiu mais esse chiado e me incomoda é claro, se ouço música ele ameniza…………Fiz exame do ouvido,falou o médico q a perda de minha audição é muito pouca,não tenho cera no ouvido e por causa dessa falta meu ouvido coça a muitos anos enlouquecidamente,mandou passar óleo Johnson vou aproveitar e passar no corpo todo, minhas orelhas tem ferida por ter pele seca no corpo todo e perda de pele nas pernas já caminhando para o corpo todo ficando com manchinhas brancas.Para o chiado mandou eu manipular GINKGO BILOBA produz energia mental, melhorando a falta de memória; ativa as funções mentais e retarda a perda de audição na velhice. A ERVA NATURAL ANTI-IDADE E SEUS MUITOS VARIADOS USOS.Paraver mais esplicação,escreva no googlo GINKGO BILOBA

Tenho zumbidos desde os 25 anos (hoje tenho 66 anos) teve uma epoca que parei de sentir,com um remedio que o meu ginecologista passou, mas eu não guardei a receita, hoje não consigo acertar o nome dos remedios, as vezes eu entro em pânico com os zumbidos, principalmente se estiver tudo silencioso, mas faço um esforço e procuro me acalmar, coloco uma musica em som baixo e procuro também fazer sempre atividades fisicas.
E fico na espectativa de que surja algum medicamento para me salvar disso.

eu tambem sofro com este mesmo problema.e estou a procura de uma soluçaõ.para este meu zumbido na cabeça ja fui ao otorrino. mas nada deu jeito. por favor se descobrirem o remedio para isto.me avise pos quero me livrar deste jumbido que ja não aguento mas.equero agradecer a todos pos agora sei que não sou o unico.jente foi um praser ler e cumpartilhar com voces.obrigado atenciosamente. carlos

sofro com este mal a 16 anos, não sei mais o que fazer já fui a vários otorrinos e nada, ando muito estressada por conta disto, li o comentário sobre remédioa como rivotril será que melhora,gostaria de saber mais se puderem me ajudem por favor.se quiserem me adicionar meu email é rosa_sandra@yahoo.com.br

Oi amigos do mundo dos zumbidos.
entao eu tenho isso desde 1998,e ja ate me acostumei com ele.
mas existe dias que é fatal,talvez pq me estresse,mas garanto a vcs q nao desisto nao.
to aki sempre pesquisando em,tbm me diceram para ir a uma Fonaldiologa etc.
pois ai iremos tbm.
ja to deixando o produtos q contem cafeinas,parece q ajuda a melhorar.
na verdade tudo que for bom a gente faz.
mas tenho um probleminha…
sou dj…
toco baladas,,,,
shows
etc.
e isso que arrebenta…
quando ta dando melhoras , olha o som alto denovo.
mas isso vai melhorando em.
que Deus abençoe a todos
e nao desistam em …amigos do zumbidos.

”O zumbido vai te incomodar, a medidade que vc der atenção a ele” , ou seja, quanto mais vc se importar , tentar ouir, mais o barulho vai te incomodar e deixar estressado.

Sou portador da doença a cerca de seis meses, no ínicio eu queria morrer,sumir…Toda aquele drama inicial que eu acho que todos passamos.Passado algumas semanas, vespera de vestibular , fui me preocupando mais com o vestibular do que com o zumbido, e pode perceber o fato, quanto menos vc der atenção a ele, menos ele te incomodara.

Claro, as vezes tenho crise, e não aceito aquele barulho na minha cabeça, mas logo passa…Acredito muito em Deus, e tenho certeza que ele tem me ajudado a lhe dar com a doença e vai me propiciar por meios naturais ou sobrenaturais a cura.As vezes passo semanas sem lembrar do zumbido, ele não me impede de dormir.

ou dar algumas dicas que me ajudam no convívio…

1.OREEE…peça pela cura, Deus alivia muito com preocupações do tipo…”Vou ficar com isso o resto da vida”, ou ”até quando…”.Ele vai te curar creia nisso.

2.Seja inteligente, não tente ouvir o zumbido, e aprenda a escutar todos os sons em volta e não de prioridade ao barulho.É complicado, mas eu aprendi, vc também pode.Quando chegar no seu quarto, ligue o ventilador, barulhos constantes que ajudam a ”mascarar” o zumbido…Na hora de dormir, não enfie o ouvido no travesseiro meu filho, ai é lógico que vc vai ouvir o barulho e ALTO, tente manter os ouvidos livres de qualqer abafamento e ligue a televisão… pense em coisas boas.Boa noite.Tente deixar sua casa o maximo aberta, barulhos naturais como os grilos do jardim, cigarras,até o vento também ajudam.Pq vc vai ouvir um som natural, que de qualquer forma tem que ouvir.Se vc mora em uma metrópole, escute os sons dos carros haha.

3.Por favor,tome cuidado com a alimentação…cafeína e doces em excesso, tire isso da sua vida, esqueça.Claro um docinho ali outro aculá tudo bem, mas todo dia uma caixa de bombom não dá…Cafeína…arrume outro meio para se manter acordado, ela aumenta o volume do zumbido.Bebidas alcoolicas, fumo também devem ser retirados.

4.Exercícios físicos, são ótimos também, para vc descansar.

5.Preserve seu ouvido, sem escutar barulhos em excesso, se possível corte baladas,e foninhos de ouvido, o seu zumbido vai aumentar, não o zumbido, mas vc vai perder em parte sua audição, consequentemente, o barulho vai aumentar.

6.Medicina…Vai ao médico, existe terapias, ele pode esclarecer e descobrir pq vc ouve, lembrando que o zumbido é um sinal de que alguma coisa não vai bem no seu organismo…A Medicina tem avançado muito nesse assunto, dez anos atrás o tratamento era precario, vc pode constatar qu em atrigo de net de 99/2004 eles falavam que o melhor mesmo era conviver com a doença…Hj já existe tratamento, quam sabe daqui a dez anoa a cua, pq não ?

7.A vida é bela, e esta muito além de um barulhinho, não pense em se matar, pq vc faz isso, se ferra , e daqui e vai que daqui a alguns meses surga a cura…é… os avanços nesse campo sao cosntantes.Então, viva, confie em Deus, veja se minhas dicas serve para vc.

O zumbido não me mudou em nada, minha fé continua constante e tem aumentado, continuo felizzzzzz.

bjs para vcs.

Olá gente, tenho zumbido há mais ou menos 8 meses, me incomoda bastante, principalmente quando vou dormir, às vezes estou conversando e escuto, é bem chato, gostaria tanto de conseguir uma cura para isso, vou ao otorrino pra ver o que posso fazer para pelo menos conseguir dormir melhor. Fiquei bem surpresa em saber que tem um monte de gente que tem o mesmo problema que eu. Mas eu sei que isso vai passar. Obrigado.

eu sinto este zumbido a + de 10 meses e isto e terrivel tenho 22 anos fui ao eutorrindo e ele dize q a minha aldiçao esta boa mais vou fazer audiometria estou um pouco com medo + a gente nao deve aceita so as coisas boas mais tenho fe e isto e o q importa

eu tenho zumbido na cabeça, aí eu pensava que era uma alucinação auditiva, isso não tem na minha cabeça, mas eu me sinto ouvir um apito mistura com grito mais fina, é horrível, aí eu tentei esquecer de lembrar mania de zumbido e ele já parou dura três semanas ou mais de um mês, infelizmente, ele pode voltar na minha cabeça e não ouvidos, então vou tentar mais esquecer! eu tenho treinamento de mente para parar de ouvir zumbido, isso é fácil! eu dormo normal quando esqueço de mania de zumbido e nunca tive insônia nada, nunca entrei em depressão e nunca tomo rémedio para zumbido. sou natural. olha, é melhor tomar chá camomila. tomo café e não aparece o zumbido, mas depende de pessoas. Boa sorte e Boa saúde! ;)

boa noite ,pois éh ,gente tava pesquisando sobre esse barulho no ouvido,e cheguei a uma conclusão,já tive esse barulho outras vezes e geralmente passava,desta vez resolvi pesquisar na internet,por que tavá com o zunido novamente,percebi que ta muito ligado a muito trabalho e stress de mais ,tava ouvindo agora mesmo,vendo os vários comentários ,e agora to bonzinho,o segredo e esperar que passa ou simplesmente ignorar.felicidades a todos .

sofro de zumbidos desde que tive o timpano rompido subtamente,fiz a timpanoplastia em 1997 mas os zumbidos nunca sumiram,muito pelo contrario só vem aumentando de volume.Quando vem chegando a noite já começo a ficar traumatizado pois sei que vai ser uma longa noite,parece que tem uma abelha dentro do meu cerebro,fico parecendo que fico com a cabeça anestesiada,pesada,já pedi para o médico tirar toda minha audição mais ele disse que os zumbidos poderiam ficar pior.ÉH zumbideiros tenho 52 anos mas já estou achando esta vida muito comprida ,acho que só com a morte estes malditos zumbidos irão sumir

Boa noite, tenho 46 anos,a mais de 15 anos venho fazendo a via sacra de medico em medico com minha máe que sofre desse mal. Ja fomos a todos os medico e ja fizemos todos os exames possiveis,o que melhorou nela foi a laberintite,com exercicios e massagens,mas o maldito zumbido persiste.O que me deixa mais triste é que a um mes fiz uma audiometria que constatou otosclerose bilateral em mim.e opior náo é a perda de audiçáo e sim um zumbido que a uns 20 dias náo cessa.Alem do mais minha cabeça tambem parece anestesiada,meio dormente,como se eu tivesse tomado muitos remedios e tivesse intoxicada.parece que o sangue sobe pra cabeça muito rapido,depois fica doendo o cerebro.Meu otorrino disse que pode operar,que 90% das pessoas que operam ficam boas,mas que algumas podem ficar surdas de vez,outras ficam com tonturas definitivas e pode ate dar paralisia facial,náo sei o que fazer.Essa pressáo no cerebro [e muito ruim,parece que tem um coraçáo pulsando no meu ouvido direito e no esquerdo uma microfonia,bem alto,e tenho medo de piorar,os medicos náo me receitaram nehum remedio,to tomando labirim por conta propria pois náo aguentava mais essa pressáo.Ja li varios artigos na internet de pessoas que operaram da otosclerose e melhoraram a audiçáo,mas continuaram com o zumbido.Alguem ja ouviu falar do campral,dizem que era muito bom pra isso,mas dizem que náo é mais fabricado no Brasil.Aguem aí em cima disse sobre fazer os exercicios,vamos fazer pra ver se melhora.abraços a todos e vamos orar pedindo a Deus que nos de força e coragem pra suportar essa prova.se quiserem trocar experiencia meu email é walbotelho@ibest.com.br

tenho um zumbido ja consultei um medico, me fez tomar remedios não ajudou em nada. eu quero fazer desaparecer, ou que eu f a ç o?

Tenho um chiado na cabeça no titmo exato das batidas cardiacas. O que vem a ser isso?

queridos amigos,,zumbideiros,tambem sofro com o zumbido ja há algum tempo,o legal seria se nós criasse-mos o clube do zumbideiro..afinal se tivermos de reclamar do barulho a quem recorrer,,é melhor se unirmos e trocar experiencias,,abraço a todos.

ola pessoal sou novo no pedaço . mais faço parte da equipe dos zubizeiros, trabalhei esposto aos fortes ruidos de uma empresa durante 18 anos , agora que me desliguei da mesma foi que eu persebi que estava com o problema .sei é muito dificil
e muito mais pra mim que vou fazer um exame audiometrico p/adimisão,logo mais e com este zombido não sai se passo. quanto aos colega ,não desistão sigão em frente a vida continua fé em deus

quarta feira 06/07/11

ola pessoal que deus te abençoi e alumine que deus abençoi cada um de vcs

Tenho 57 anos e tenho este zumbido à aproximado um ano, só no ouvido esquerdo, é bem acentuado principalmente à noite e pela manhã. Não tenho nenhum vicio e sempre fui bem regrado na alimentação, apenas gosto do café, que me parece contra indicado. Quando coloco a mão no ouvido, o barulho não diminui, continua na mesma intensidade, então não parece problema auditivo e sim neurologico. Ainda bem que o lado direito é bom!

Amigos, também tenho um chiado que me persegue a uns 8 meses. Fiz tudo o que achei como certo: exames, terapias, etc., mas nada. Tudo continua. Conclusão: tenho 56 anos, tive um acidente grave com TCE (tem 31 anos). O zumbido, portanto, é uma sequela que apareceu agora, no início da velhice. Estou no lucro, não estou?

Percebi esta cigarra maldita apitando no meu ouvido ou cabeca
ha +- 3 anos.
Para ser franca isso nao é um incomodo simplesmente, mas sim
uma tortura.
Sou enfermeira e sei bem que nao é facil saber o motivo pois
isso varia de pessoa para pessoa.
No meu caso acredito que seja problema do ouvido pois a minha
filha mais nova passou por esse problema também, e quando volta ela toma medicamento e passa em +-3 dias.
No entanto acredito que mesmo quando o problema seja ouvido se a pessoa for depressiva, aquelas que tem uns quilos a mais as diabeticas, o problema pode ser agravado.
Agora que o problema nao tem cura e que a pessoa seja
obrigada a conviver com esse monstro já éexagero.
Procurar um bom profissional com experiência no assunto
é a grande solucao.
Beijos a todos

passar por esse tormento a vida inteira

Tenho 19 anos e o maldito zumbido há 5 meses aproximadamente. É muito ruim. O pior é que já fui a 2 medicos e tomei/apliquei vários remédios… ao dia nem me atrapalha, porém à noite é um inferno. Para disfarçar o zumbido eu durmo com o ventilador ligado (independente do frio/calor) para não ficar em silêncio (parece idiota, mas pode ser uma boa para quem não consegue dormir direito, assim como eu fiquei varios dias. Eu usava muito fone de ouvido e não pratico esportes, sou meio que sedentário. Isso pode ser uma causa pelo que vi na internet… porém pelo que vi nos comentários parece que vou ter q ficar com essa merda pra sempre.

É madrugada e eu estou aqui, lendo estas abençoados depoimentos, pois saber que não sou a única, já me deixa melhor.Li o que todos vcs colocaram aí, mas me identifiquei mais com as colocações de José Mauro Fialho. Gente, que terror louco!!! Nunca me preocupei tanto, pois há 3 anos tenho este maldito ZUMBIDO e até agora nada. Mas de uma semana para cá piorou bastante, Não vou desistir não, tenho muita fé de que vou pelo menos melhorar, o que para mim, já é muito. É insuportável para mim, a noite…Nossa! Não consigo dormir, porque o zumbido não permite mesmo, mas estou determinada em fazer muitosssss exercícios, caminhadas, fazer muito do que vi vcs colocarem aqui tbm, e enfim…não vai me entregar não…Tenho até depressão por causa disso, durmo todos os dias com a televisão ligada, porque preciso ouvir qualquer coisa, MENOS este maldito zumbido, (nos dois ouvidos) Tenho um conselho a todos vcs. Não desistam, porque dias melhores virão sim…e a fé não podemos perder não! O rivotril e gincko biloba, ameniza bastante. Não desistam não está bem??? Abraços!

Olá pessoal! Há um mês sofri um trauma acústico agudo e também passei a ouvir um zumbido contínuo dentro da cabeça e pelo que fui informado pelo otorrino a cóclea (caracol do ouvido interno) possui células nervosas que algumas foram danificadas e outras entraram numa espécie de curto que geram esse zumbido sem precisar de estímulo externo. Tomei Prelone e Trental, mas não resolveu nada. Me parece que a medicina otorrina no Brasil está meio atrasada e o zumbido é a pedra no sapato dos otorrinos brasileiros. Pretendo começar um tratamento a base e TRIMETADIZINA que é uma medicação utilizada na Europa que inclusive há um remédio que na bula consta que tb serve para o tratameto de ORL.acúfeno (tinnitus). Se alguém souber de algo a respeito da medicação a base de TRIMETADIZINA, favor informar, Abs!

Gente eu acordei agora 05:30 da madrugada com o meu ouvido apitando, e nem sei o que fazer. Eu já fui no otorrino ela mandou eu tomar antibiotico disse que estava infeccionado tomei e nada adiantou não ouço bem e nem sei o que tomar para parar com este zumbido chato no ouvido abraços a todos.

Olá galera o meu problema começou a 5 dias atras quando eu fui a um show de rock, eu estava perto da caixa de som e estava muito alto,é muito ruim ficar escutando o tempo todo ziiiiiii muito chato msm, espero que isso passe logo pq eu ñ suporto + isso.

Senhoras e Senhores…

Tendo 52 anos de idade. Faz 52 anos que tenho “tinido” nos ou no ouvido. Adaptei-me sem entrar em estado de tensão. Nada de ir ou de levar ao desespero. Apenas entender que é um mal natural da existência humana em sua grandiosidade e fragilidade. Todos nós estamos sujeitos a todos os males desta vida, com maior ou menor probabilidade a saber: genética, ambiental, acidental, emocional e também aquelas que são próprias do envelhecimento natural, onde as fraquezas tornam-se grandes e as forças diminutas, não é o meu caso, pois já nasci assim, mas claro, o tempo tende a agravar coisas leves em fardos pesados, pois todos estamos sujeitos a ele. É uma questão de tempo, mas nada de desânimo, de desespero, de destemperança. Zumbido é para ser curtido com paciência, observação, mudança, empenho, tratamento e “trata-mente” e claro, também, com tratamento físico como exercícios, corridas, alongamentos, musculação e se for o caso com medicação.

Paciência e persistência aos “zumbizeiros” e boa frequência!

Mantenham contato.

Olá, Leandro, também tenho um filho com o mesmo nome seu, ele tem 34 anos. Pois bem, falando neste tal de (ziiiiiiin….), parecendo uma turbina com o ruido fininho, eu o tenho ha 34 anos, hoje estou com 65 anos de idade. Também apareceu do nada, repentinamente e a noite. Muito tem me entristecido no decorrer dos anos, pensei que eu era o único, meu DEUS, quanta gente sofre com isto. Espero que um dia a medicina possa nos ajudar. Fora isto, não tenho qualquer outro tipo de problema de saúde, embora controlo minha pressão arterial. A vida é maravilhosamente espetacular, como é bom estar aqui. João Geraldo, e a todos, que DEUS, nos abençõe….

Comentário by Francisco Luiz em 19 de agosto, 2011 @ 4:12 pm
Olá, Leandro, também tenho um filho com o mesmo nome seu, ele tem 34 anos. Pois bem, falando neste tal de (ziiiiiiin….), parecendo uma turbina com o ruido fininho, eu o tenho ha 34 anos, hoje estou com 65 anos de idade. Também apareceu do nada, repentinamente e a noite. Muito tem me entristecido no decorrer dos anos, pensei que eu era o único, meu DEUS, quanta gente sofre com isto. Espero que um dia a medicina possa nos ajudar. Fora isto, não tenho qualquer outro tipo de problema de saúde, embora controlo minha pressão arterial. A vida é maravilhosamente espetacular, como é bom estar aqui. João Geraldo, e a todos, que DEUS, nos abençõe…

De vez em quando,tenho um zumbidos tipo apito que vem precedido de uma dor miseravel de fina,no ouvido. Tudo começa de repente,sem mais nem menos,de tempos em tempos.Aí então, é que me lembro que tenho ouvidos!!
E ultimamente tenho tido uma tontura sem fim.
Lembro-me que levei um baita tombo.Caí de costas da própria altura,como se tivesse voando(um escorregão).Daí por diante o médico me disse que uma labirintite seria natural. E acho que estou com a maldita!
Quem poderá ajudar-me a me safar dessa dona Labirinte?Quem????

Boa tarde, Jacy Alves

Obrigado por acessar nosso site.

A Revista VIGOR – movimento e saúde é uma publicação da Thesaurus Editora de Brasília. Como somos muito lidos, profissionais e instituições de pesquisa e ensino nos enviam artigos e comunicados para publicação.

Infelizmente, somente agora acessamos seu e-mail. Diariamente, recebemos centenas de mensagens de nossos leitores solicitando informações. Como atendemos a todos seguindo a ordem de entrada em nossa caixa de mensagens, temos dificuldades de responder com a rapidez que alguns necessitam.

Sugerimos que você consulte um médico cirurgião vascular para uma avaliação clínica.

Um abraço

Marcos Vinhal Campos
Revista VIGOR – editor
http://www.revistavigor.com.br

Os comentários estão encerrados.